Menu
sábado, 23 de janeiro de 2021
Senar MS
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Mãe de santo vai a júri acusado de matar homem após briga em terreiro

17 janeiro 2019 - 08h16Correio do Estado

Mãe de Santo, Ana Maria Calixto irá a júri nesta quinta-feira (17), acusada de envolvimento no assassinato do ajudante de tornearia Hélio Teixeira da Costa, 29 anos, ocorrido no ano passado, em Campo Grande. Ela é uma das cinco acusadas de concorrer para o homicídio qualificado.

Crime aconteceu no dia 29 de janeiro de 2017. Hélio foi morto com facada no pescoço depois de supostamente incorporar espírito e tentar matar a mãe de santo de terreiro Umbanda, localizado no Bairro Tijuca, que também estaria tomada por outro espírito.

Consta no processo que no dia anterior ao crime, a vítima teria ido à casa da mãe de santo, local onde funcionava um centro de candomblé e estava sendo realizada a “festa de Exú”. Na madrugada seguinte,  ele retornou à residência.

Teixeira, que estava com faca na cintura, foi contido e espancado por outros quatro frequentadores do terreiro: Gleibson José de Lira, esposo de Ana Maria, José Glebson de Lira, cunhado dela, Lucas Rodrigues de Almeida e um outro rapaz.

Após as agressões, ele foi obrigado a entrar em veículo com os suspeitos, onde continuou sendo agredido e, nas proximidades do Bairro Aeroporto, teve a cabeça colocada para fora do carro e o pescoço cortado por Rodrigues.

Segundo o Ministério Público, o crime teria sido praticado por meio cruel, pois os acusados, agindo em maior número, agrediram a vítima com chutes, socos e golpes de faca, causando-lhe inúmeros ferimentos enquanto vivo, apenas com o intuito de prolongar e intensificar sua dor. Por fim, cortaram-lhe o pescoço, terminando de matá-lo.

Todos os acusados foram pronunciados pelo juiz titular da 1ª Vara do Tribunal do Júri, Carlos Alberto Garcete de Almeida, no crime de homicídio qualificado pelo meio cruel.

Quatro acusados recorreram da sentença e tiveram seu julgamento suspenso até decisão dos recursos. Como apenas a mãe de santo não recorreu da decisão de pronúncia, o processo foi desmembrado em relação a ela, tendo sido agendado seu julgamento para amanhã.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Chuva acima da média histórica desabriga famílias
SAÚDE
Em quatro dias, mais de 11 mil pessoas foram vacinadas contra Covid-19 em Mato Grosso do Sul
COVID-19
Mais de 30 mortes por coronavírus são registradas em apenas um dia no Estado
Denúncia
Mato, esgoto estourado e lixo tomam conta de Ladário
UTILIDADE PÚBLICA
Sanesul informa que poderá faltar água no bairro Jardim Aeroporto e imediações
Meio Ambiente
Em liberdade e monitorada: onça resgatada em incêndio do Pantanal é devolvida à natureza
POLICIAL
PM prende homem com mandado de prisão após ocorrência de furto de moto no Cristo Redentor
PRORROGADO TOQUE DE RECOLHER
Toque de recolher é prorrogado em Mato Grosso do Sul
EDUCAÇÃO
Enem 2020 tem novidades em acessibilidade
ESQUEMA DE COMBUSTÍVEL
PRF flagra esquema de furto de combustíveis e condutor entregou óleo diesel em Corumbá

Mais Lidas

Denúncia
Mato, esgoto estourado e lixo tomam conta de Ladário
ESQUEMA DE COMBUSTÍVEL
PRF flagra esquema de furto de combustíveis e condutor entregou óleo diesel em Corumbá
PRORROGADO TOQUE DE RECOLHER
Toque de recolher é prorrogado em Mato Grosso do Sul
POLICIAL
PM prende homem com mandado de prisão após ocorrência de furto de moto no Cristo Redentor