Menu
segunda, 21 de junho de 2021
Assembleia de MS - Campanha Mãos - Junho
Andorinha - Maio
Geral

Lei Municipal reconhece e regulamenta turismo náutico em Corumbá

01 março 2016 - 12h53Gesiane Medeiros
Corumbá é um dos principais destinos para turismo ecológico no Estado, e entre as opções oferecidas aos visitantes, está o Turismo Náutico,  que até então funciona sem regulamentação específica, o que muda a partir de agora com a aplicação da Lei Municipal n° 2.515 de 2 de dezembro de 2015, que reconhece o turismo náutico como uma atividade econômica que deve ser ordenada e regulamentada. Parceiros formaram uma Câmara Setorial para juntos fomentarem a organização e formalização dos operadores turísticos. Além de organizar e formalizar a prática, a Lei tornará possível a aplicação de leis federais que dispõem sobre a segurança da navegação e da salvaguarda à vida humana. A presidente do COMTUR/Corumbá, a empresária Joice Carla Santana Marques, acredita que “através do reconhecimento e regulamentação da Lei, será possível a implementação de boas práticas com foco na sustentabilidade, contribuindo para a preservação dos atrativos e o incremento da comercialização de produtos e serviços turísticos náuticos”.O grupo de trabalho da câmara setorial, presidida pela Fundtur/Pantanal, é composta pela Marinha do Brasil, Fundação do Meio Ambiente, empresas do setor de turismo e cruzeiros fluviais, empresas de turismo náutico recreativo e de passeio, empresas de esporte lazer e recreio e das Marinas e Portos Particulares. No primeiro encontro, realizado na última semana, já ficou decido a iniciação de um cadastramento que vai permitir à Fundação de Turismo dimensionar o segmento, para obter dados e informações para melhoria da gestão do negócio. Segundo a diretora-presidente da FUNDTUR/Pantanal, Hélènemarie Dias Fernandes, “outras regiões do País que dispõem de recursos hídricos com condições de balneabilidade ou propícios à pesca esportiva e à prática do turismo náutico já estão em processo de ordenamento da atividade, prevenindo a segurança e integridade física do turista que vem a cidade, a partir de um ambiente de negócios justo, que credencia o setor, já que Corumbá é tido como o principal destino de turismo náutico do Mato Grosso do Sul”.       Informações obtidas com a assessoria de comunicação da prefeitura municipal de Corumbá

Deixe seu Comentário

Leia Também

CULTURA
Votação para concursos de Andores de São João e Mini Andores termina amanhã
POLICIAL
PMA surpreende caçador, apreende arma e munições e frustra caçada ilegal
SAÚDE
Secretaria de Estado de Saúde distribui aos municípios 97.500 doses da vacina da Astrazeneca
CORONAVÍRUS
Corumbá registra em maio o segundo pior número nos óbitos por Covid-19 do ano
ECONOMIA
Empresários têm 9 dias para renegociar débitos do Fadefe
SAÚDE
Dia Mundial da Yoga: atividade terapêutica melhora qualidade de vida
ECONOMIA
Auxílio emergencial: beneficiários do Bolsa Família recebem hoje
ESPORTE
MS vai ao pódio seis vezes no Brasileiro de Canoagem Descida e assegura duas vagas ao Mundial
POLICIAL
Homem é preso por assédio contra criança no Conjunto Guatós
CORONAVÍRUS
Conheça a diferença entre Lockdown, toque de recolher, restrição e problema coletivo

Mais Lidas

PROCURADOS
Mato Grosso do Sul tem 8 dos criminosos mais importantes na lista da Interpol
GERAL
Com lotes a partir de R$ 200, SAD fará leilão de 38 lotes de veículos e sucatas de veículos em julho
RESGATE DE ANIMAL
PMA de Corumbá resgata filhote de veado em condomínio no Aeroporto
POLICIAL
PMA prende infrator por porte ilegal de arma de caça