Menu
domingo, 25 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Juíza bloqueia R$ 4,3 milhões e afasta ex-coordenador do Governo por desvio em cartório

21 julho 2021 - 09h33O Jocaré

O presidente municipal do PSDB, ex-deputado estadual e ex-coordenador regional do Governo do Estado em Dourados, Valdenir Machado, 73 anos, foi afastado do cargo de chefe do cartório no Distrito de Panambi, em Dourados. Além disso, ele teve R$ 4,363 milhões bloqueados para garantir o ressarcimento dos cofres públicos pelo desvio milionário no Serviço Notarial e de Registro Civil. 

O afastamento e o sequestro de contas bancárias e bens do tucano foi determinado pela juíza Marilsa Aparecida da Silva Baptista, da 3ª Vara Cível de Dourados. Conforme a denúncia feita pelo Ministério Público Estadual, Valdenir cobrou dos usuários, mas não repassou o dinheiro aos fundos da Defensoria Pública (FUNADEP), da Procuradoria-Geral do Estado (FUNDE-PGE) e do MPE (FEADMP). 

“Prossegue reverberando que a conduta da parte ré é eivada de dolo, uma vez que, tendo conhecimento da prática das irregularidades por diversos meios, persistiu em não realizar os repasses legais, subsumindo sua conduta aos artigos 9º, XI, 10 e 11caput e inciso II da 8.429/92, devendo lhe ser aplicada as sanções previstas no artigo 12, incisos I a III do mesmo diploma legal”, destacou a magistrada. 

“Na situação em comento, está evidenciada a conduta ímproba do Réu e até mesmo o dolo em sua conduta, ao apropriar-se na função de delegatário dos Serviços de Notas e Registro Civil de Pessoas Naturais, dos valores pagos pelos cidadãos, que se utilizam dos seus serviços, os quais deveriam ser recolhidos e repassados aos fundos institucionais: FUNADEP, FEAD/MP e FUNDE/PGE”, pontuou Marilsa. 

“O pior é que, mesmo ciente da ilegalidade de sua conduta, o Réu não procedeu aos repasses em atraso e continua praticando a conduta ilícita, como constou da última correição realizada pelo Juiz Diretor do Foro da Comarca de Dourados (p.386), apropriando-se de valores que não lhe pertencem”, frisou, espantada pelo ex-deputado não ter se intimidade pelas cobranças do Tribunal de Justiça. 

“Portanto, presente o fumus boi iuris/probalidade do direito, a permitir a incidência do artigo 7º da Lei de Improbidade, para fins da decretação de indisponibilidade dos bens do Réu, devendo se destacar a dispensabilidade do perigo de dano, como constou acima”, concluiu. Valdenir deixou de repassar desde 2014 para diferentes fundos, valores que oscilaram entre R$ 132 mil e R$ 729,3 mil. O total atualizado seria de R$ 1,383 milhão. 

“Se isso não bastasse, o fato do Réu continuar a não efetuar os repasses (p.386) e não ter cumprido com os parcelamentos do débito, demonstram por si só sua precária situação financeira(p.61), bem como, a intenção de não cumprir com seu dever, havendo sério risco de desvio de patrimônio para não ressarcimento dos valores e eventuais multas aplicáveis”, alertou a juíza. 

“No que se refere ao afastamento do Réu de sua função de delegatário, é medida que se impõe, não só para garantia da instrução processual, mas principalmente para impedir a continuidade de apropriação de valores de terceiros, já que insiste no descumprimento da lei, pois mesmo após abertura de PAD – ProcessoAdministrativo Disciplinar pela Direção do Foro, continua na atitude ilícita”, destacou. O substituto de Valdenir Machado no comando do cartório será Lucas Casarin, já nomeado como substituto. 

Os R$ 4,363 milhões visam garantir o ressarcimento de R$ 1,3 milhão dos cofres públicos e o pagamento de multa pelos desvios. O afastamento será pelo período de 180 dias. Ele continuará recebendo os salários normalmente pelos seis meses. 

Valdenir foi candidato a vice-prefeito de Dourados na chapa do deputado estadual José Carlos Barbosa, o Barbosinha (DEM). Com extensa carreira política, ele foi vereador pela Arena pro dois mandatos, deputado estadual por quatro mandatos pelo MDB e PTB e coordenador regional em Dourados na gestão de Reinaldo Azambuja (PSDB). Atualmente, ele preside o diretório municipal do PSDB. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo
Empreendedorismo
Cinco erros que o empresário deve evitar no Marketing e Vendas
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Investigaçã
Famosos em MS, grupos de venda estão 'recheados' de produtos roubados
Saúde
Anvisa suspende estudos clínicos da Covaxin no Brasil
Sorte
Mega-Sena pode pagar R$ 7 milhões no sorteio deste sábado
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Tempo
Ar seco e quente pode marcar o sábado em Mato Grosso do Sul
Acidente
Motociclista fratura clavícula após perder controle em lombada

Mais Lidas

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo