Menu
quarta, 20 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Juiz transfere torturadora de menor para cela de delegacia

25 fevereiro 2016 - 16h50Sylma Lima
Conceição Vargas da Cruz, 31, foi transferida para uma cela do primeiro Distrito Policial de Corumbá até os ânimos das detentas do presidio feminino se acalmarem. A decisão foi tomada pelo juiz das Execuções Penais André Luís Monteiro que visitou aquela unidade prisional e determinou a remoção da mulher, que é acusada de torturar o sobrinho de 4 anos com práticas, segundo ela, de “ magia negra”. Ela esta numa cela isolada na delegacia de onde poderá ser transferida novamente para outra comarca caso a situação em Corumbá não seja contornada. No tumulto desta manhã três internas se feriram e foram encaminhadas ao Pronto Socorro, após a rebelião que durou cerca de duas horas e teve "panelaço” e queima de colchões. Transferida para o presídio feminino de  Corumbá, na noite desta quarta-feira (24), Conceição Vargas da Cruz chegou  e só hoje pela manhã as internas ficaram sabendo da identidade da “ novata" e,  em seguida partiram para a manifestação de  repudio contra a permanência da mulher naquela unidade. Ela saiu ontem do Instituto Penal Irma Zorzi da Capital onde teria sofrido resistência e ameaça das presas do local, que chegaram a quebrar cadeados. A Agepen decidiu transferir a criminosa para Corumbá, pela instituição oferecer a melhor estrutura para isolamento, mas a decisão são agradou as demais detentas, que querem se vingar do crime. A direção do Presídio  não quis se pronunciar sobre o caso. Segundo informações da PM, a presença de militares no interior do presídio, conseguiu acalmar a revolta das internas, e pôr ordem no recinto.    Entenda o casoO Conselho Tutelar de Campo Grande interviu na guarda de uma criança de quatro anos, na noite desta terça (24), após constatar que o menor sofria torturas em rituais de magia negra por parte dos tios. O casal, de 31 e 46 anos, tinham a guarda legal do sobrinho desde maio do ano passado. Atualmente, o menino está sob cuidados médicos na Santa Casa desde às 18h de ontem. Cassandra Szuberski, conselheira tutelar, declarou ao site Midiamax: “Nunca vi uma situação desta. A criança está muito machucada e de agressões que já vem de tempos”. O menor sofreu uma fratura no braço (antiga), queimaduras nas costas e pescoço, teve uma unha do dedão do pé esquerdo arrancada, já levou água quente na cabeça e ainda corre o risco de perder a visão. Os tios, que tem duas filhas de 9 e 12 anos, caíram em contradição em explicações dadas a polícia, em um primeiro momento, afirmaram que o sobrinho havia se machucado em uma queda, depois afirmaram que a criança havia se queimado enquanto se alimentava. Segundo o site da capital, as filhas do casal afirmaram que constantemente eram deixadas sozinhas pelos pais. A avó materna das meninas, mora em Aquidauana, e deve chegar em breve para buscar as netas. Informações policiais apontam que na residência, localizada na região central de Campo Grande, foram encontrados objetos típicos de rituais espiritas, como guias, patuás, charutos, bonecos e estátuas. Investigações apontam que mais uma pessoa participava das sessões de tortura, que depois de     muito negarem, os tios acabaram confessando a autoria. O tio Arnaldo Pavão ,46 anos, pedreiro, e a doméstica de 31 anos Conceição Vargas da Cruz foram presos e estão provocando polemica e confusão por onde passam. Arnaldo foi para o Instituto Penal de Campo Grande, e o sobrinho de 18 anos envolvido na tortura foi preso na quarta-feira em Aquidauana onde deve cumprir a pena.    

Deixe seu Comentário

Leia Também

Flexibilidade
Com redução dos casos de Covid-19, Prefeitura altera Toque de Recolher em Corumbá
Monumento Histórico
Vereadores defendem resgate de antigo Farol do Balduíno no Rio Paraguai
Sem Emendas
Câmara aprova Moção em Apoio à regulamentação da profissão de podologia
Pobreza Menstrual
Vereadora pede apoio de deputados para derrubar veto presidencial na distribuição de absorventes
Em tramitação
Proposta cria programa de apoio a catadores de recicláveis em Corumbá
Briga Antiga
Anatel convoca a Oi para reunião sobre internet em Corumbá
Na Câmara
Vereador questiona índices do ICMS Ecológico estabelecidos para 2022
Desdobramento
Denúncia contra os nove indiciados pelo Dracco na Operação "Dark Money" vira processo judicial
Desdobramentos
PF apreende arma, munição e faz termo de conduta durante operação Mercês
Crime na Capital
Após disparos, polícia prende ladrões que fizeram idosa e cuidadora de reféns na Capital

Mais Lidas

Investigação
Polícia federal cumpre sete mandados judiciais por crimes praticados na eleição 2020
Desdobramentos
PF apreende arma, munição e faz termo de conduta durante operação Mercês
Monumento Histórico
Vereadores defendem resgate de antigo Farol do Balduíno no Rio Paraguai
Desdobramento
Denúncia contra os nove indiciados pelo Dracco na Operação "Dark Money" vira processo judicial