Menu
terça, 15 de junho de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Indicação de filmes mantém "Cinemateca" em funionamento na pandemia

15 julho 2020 - 10h45Redação

As atividades presenciais das bibliotecas da Indústria do Conhecimento do Sesi em Mato Grosso do Sul precisaram ser interrompidas devido à pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e, para continuar atendendo às comunidades, os bibliotecários e monitores adaptaram o trabalho para que parte das atrações possa ser aproveitadas de forma remota. Esse é o caso do projeto “Cinemateca”, que levava gratuitamente cultura e entretenimento para crianças e frequentadores das bibliotecas.

Agora, em tempos de Covid-19, a atividade foi remodelada na unidade de Corumbá (MS) e a bibliotecária Kessy Karoline Duarte compartilha as dicas de filmes com as crianças e frequentadores. O último filme indicado pela bibliotecária é “Um Faz de Conta que Acontece”, em que as histórias mais fantásticas narradas por um recepcionista de hotel viram realidade.

“Toda sexta-feira na Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi em Corumbá era dia de Cinemateca e, para as crianças lembrarem desses momentos, fiz a sugestão desse filme para curtir em casa com a família”, relatou Kessy Durante. Com direto à pipoca e no conforto do sofá de casa, as crianças puderam amenizar a saudade e, ainda, curtir um filme que mexe com o imaginário infantil e aguça a criatividade.

“Adorei o filme, tia! Lembrei dos nossos dias felizes na Biblioteca. Saudades!”, respondeu a aluna Julia Rafaella Rodrigues ao interagir com a bibliotecária. Kaio Gabriel Duarte de Almeida também contou que a sugestão incentivou um momento em família durante a quarentena. “Obrigada, tia! Assistimos todos juntos aqui em casa. Estou com saudades!”, finalizou.

Desde 2008, o Sesi de Mato Grosso do Sul, em parceria com as prefeituras, instala nos municípios um espaço para acesso gratuito da comunidade à cultura e entretenimento. São 45 bibliotecas da Indústria do Conhecimento do Sesi em 41 cidades do Estado, porém, com todas as atividades presenciais suspensas no período de pandemia.

Atualmente, monitores e professores das creches e escolas dos municípios onde as bibliotecas atuam se mobilizaram e criaram uma forma de manter as atividades enquanto todos precisam ficar em casa. Eles estão gravando vídeos e organizando-se para que os conteúdos das oficinas cheguem até a casa dos alunos.

Os monitores enviam material e diversos conteúdos por meio de grupos de WhatsApp, que incluem atividades dos projetos de iniciação tecnológica, gibiteca, cinemateca e contação de histórias. O projeto organiza-se como um centro multimeios, que, além de disponibilizar livros, DVDs, CDs e acesso à Internet, promove a interação de seus usuários com o saber, apoiando as atividades de ensino aprendizagem e a formação do cidadão.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTAVA ALCOOLIZADO
Condutor que atropelou e matou mulher na Rio Branco estava alcoolizado
VÍTIMA FATAL
Mulher morre atropelada por caminhonete na Avenida Rio Branco
CPI DA COVID
Na mira da CPI: Corumba é um dos municípios com irregularidades nas ações da Covid
SAÚDE
Vacina contra Influenza está aberta para novos públicos
EM TEMPOS DE PANDEMIA
Morador transforma calçada em jardim como forma de terapia
QUEDA DE MOTO
Homem fica ferido após queda de moto no Cristo
OPERAÇÃO HÓRUS
PMA prende dois caçadores, apreende três armas e munições e frustra caçada ilegal
ECONOMIA
Com alta no mercado internacional, saca do milho em MS valoriza 130% em um ano
GERAL
Prefeitura lança IPTU 2021 com até 30% de desconto para pagamento à vista
POLICIAL
PM frusta golpe em locadora e recupera dois veículos que seriam levados para a Bolívia

Mais Lidas

EM TEMPOS DE PANDEMIA
Morador transforma calçada em jardim como forma de terapia
VÍTIMA FATAL
Mulher morre atropelada por caminhonete na Avenida Rio Branco
ESTAVA ALCOOLIZADO
Condutor que atropelou e matou mulher na Rio Branco estava alcoolizado
CPI DA COVID
Na mira da CPI: Corumba é um dos municípios com irregularidades nas ações da Covid