Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Importante acervo de MS, biblioteca estadual reabre com mais de 43 mil livros

04 setembro 2021 - 09h26MídiaMax

Após mais de um ano fechada por causa da pandemia da Covid-19, a Biblioteca Estadual Dr. Isaías Paim reabriu ao público na última terça-feira (31) em um novo ambiente. Agora, o acervo fica localizado no andar térreo do Memorial da Cultura e Cidadania “Apolônio de Carvalho”, em Campo Grande, e não mais no 2º andar, como anteriormente. 

De acordo com os responsáveis pelo espaço, a mudança foi tomada por questões de acessibilidade e biossegurança, a fim de evitar o uso de elevadores e formação de aglomeração. 

A Biblioteca Estadual Dr. Isaías Paim possui de cerca de 43.580 exemplares, buscando sempre atualizar seu acervo com obras que atendam às necessidades dos leitores com o objetivo de fomentar o desenvolvimento social e cultural dos cidadãos. 

Criada no dia 5 de dezembro de 1981, a biblioteca é uma unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, que abriu o espaço quando o Dr. Isaías Paim forneceu ao Estado cerca de 5 mil livros. São mais de 3,8 mil pessoas cadastradas e cerca de 1,4 mil empréstimos anuais. 

Acervo 

Conforme as informações passadas ao Midiamax, o acervo da biblioteca divide-se em: 

Acervo periódico: composto por aproximadamente 1000 periódicos. 

Acervo geral: composto por aproximadamente 30 mil livros de todas as vertentes do conhecimento. Relacionado a ele estão os periódicos, o acervo de referência, constituído por dicionários, enciclopédias e edições do Diário Oficial de Mato Grosso do Sul de 1979 até o ano de 2011. 

Acervo infanto-juvenil: o acervo infantil contém aproximadamente 3 mil livros. Ambiente acolhedor e harmonioso rico em obras literárias para crianças. 

Acervo regional (MS/MT): contendo aproximadamente 4 mil livros, este acervo é considerado o mais completo em relação a livros regionais. Vendo a necessidade de universitários por uma bibliografia local, esta é uma biblioteca ideal para esses tipos de pesquisa. 

No acervo regional, destacam-se obras literárias que contam os principais acontecimentos da história de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul: 

  • Campo Grande – 100 Anos de Construção, de Francisco Antônio Maia de Cunha; 
  • Mato Grosso do Sul – a construção de um Estado, de Marisa Bittar; 
  • Pelas Ruas de Campo Grande, de Paulo Coelho Machado; 
  • Gestes de Campo Grande, organizado por Loisa Mavignier; 
  • Campo Grande – memória em palavras, de Maura Simões Correa Neder Buainain; 
  • História de Campo Grande, de J. Barbosa Rodrigues. 

Novas regras na pandemia 

Por causa da pandemia, o espaço implementou os protocolos de biossegurança. Agora, é necessário fazer o agendamento para permanecer na biblioteca. Além disso, é permitida a permanência de apenas 15 pessoas por turno, que deverão respeitar o distanciamento social e evitar aglomerações. Não precisa fazer agendamento para retirar os livros. 

O Espaço Infantil pode receber até seis crianças, de até 12 anos, por turno. Também é necessário agendamento. Este espaço é monitorado por uma arte educadora durante todo o período de funcionamento da biblioteca, que será das 8 às 17 horas. 

Além disso, o uso de álcool em gel e máscara são obrigatórios. Mesmo com mudanças por causa do isolamento social, a reabertura da biblioteca empolgou os cidadãos. “Apesar da pandemia, as pessoas continuaram a estudar, a prestar concurso, e vem o Enem aí. E os livros são um alento para este momento difícil que estamos vivendo”, disse Eleuzina Crisanto de Lima, coordenadora do local. 

Empréstimo e devolução 

Antes de qualquer coisa, é necessário fazer o cadastro do usuário. Assim, a pessoa deve chegar ao local portando documento com foto e comprovante de residência. Com o cadastro finalizado, é possível fazer o empréstimo de até 3 livros por vez com prazo de devolução de 10 dias, podendo ser renovado pessoalmente ou por telefone. 

Acessibilidade 

A Biblioteca possui uma impressora em braile e outros equipamentos de acessibilidade (lupa para baixa visão e máquina Perkins), que podem ser utilizados por instituições ou por pessoas cegas. Para a utilização dos equipamentos e do Espaço Acessível, com livros em braille e audiolivros, também será necessário agendamento. Máximo de três pessoas por turno. 

Serviço 

A Biblioteca Pública Estadual Dr. Isaias Paim fica no andar térreo do Memorial da Cultura e da Cidadania “Apolônio de Carvalho”, na avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, Centro, Campo Grande. Telefones para agendamento: (67) 3316-9161 e (67) 3316-9177. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá