Menu
domingo, 25 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

IFMS abre 1.240 vagas em qualificação profissional a distância

Cursos, com duração que varia de três a cinco meses, serão oferecidos em 14 municípios. Inscrições terão início no dia 16 de dezembro

12 dezembro 2020 - 08h54Assessoria de Imprensa IFMS

Mais de 1 milhão de pratos de comida para quem mais precisa. Esse foi número de refeições que a campanha "Rede Voluntária Vale e Natal sem Fome", formada pela parceria entre a Ação da Cidadania e a Vale, registrou em apenas 10 dias.

A ação foi realizada via matching: a cada R$ 1 doado via Rede Voluntária, a Vale doava R$ 10. Em dez dias, a meta foi alcançada: foram R$ 100 mil em doações de voluntários e, como consequência, R$ 1 milhão em aporte pela Vale. A campanha "Rede Voluntária Vale e Natal Sem Fome" foi encerrada no dia 10 de dezembro e vai garantir 1,1 milhão de refeições para os brasileiros, mas ainda é possível doar diretamente no portal da Ação da Cidadania (www.acaodacidadania.org.br).

Além da mobilização financeira, a Vale também prestará apoio logístico à campanha, usando os trens que circulam nas ferrovias Estrada de Ferro Carajás e Vitória a Minas para transportar os alimentos, contando com o apoio da sua fornecedora, a empresa DellaVolpe. Ao todo, 200 toneladas de alimentos serão entregues, com apoio da Vale, para instituições sociais e associações locais em municípios no Maranhão, Pará, Espírito Santo e Minas Gerais.

Para Flávia Constant, Gerente Executiva de Investimento Social, Cultura, Pesquisa e Conhecimento daVale, a união de forças e a solidariedade é que permitiram esse resultado. "Estamos muito felizes de termos conseguido, juntos com voluntários de todo o Brasil, garantir1,1 milhão de refeições em apenas 10 dias de campanha 'Rede Voluntária Vale e Natal Sem Fome'. Estamos honrados em ser parte dessa trajetória", afirma.

Para Daniel Souza, presidente do Conselho da Ação da Cidadania, é muito gratificante ver a conscientização das pessoas e a preocupação com o próximo. "É uma alegria incomensurável ver nossos projetos virarem realidade. São nestas parcerias que enxergamos com muita positividade que o Brasil tem jeito e são através destas doações que o poder de transformação acontece dentro de cada um de nós", pontuou Souza.

Sobre o Natal Sem Fome
Criada em 1994 por Herbert de Souza, o Betinho, a Campanha Natal Sem Fome é considerada uma das maiores mobilizações solidárias da sociedade civil e já arrecadou mais de 32 milhões de kg alimentos para 20 milhões de pessoas em todo o país. A expectativa para este ano é arrecadar mais de 10 milhões de reais para o combate à fome, com ativações em todo o país até meados de dezembro. Para fazer doações, basta acessar o portal da Ação da Cidadania www.acaodacidadania.org.br.

Sobre a Ação da Cidadania
A Ação da Cidadania foi fundada em 1993 pelo sociólogo Herbert de Souza, conhecido como Betinho, com o intuito de combater a fome e a desigualdade socioeconômica em nosso país e ajudar os mais de 32 milhões de brasileiros vivendo abaixo da linha da pobreza naquele ano. Desde sua criação, a ONG deu início a uma série de iniciativas, sendo o Natal Sem Fome a mais célebre delas. Após dez anos sem ser realizada, a campanha voltou em 2017 e, em 2020, ganhou força total para ajudar os agora dezenas de milhões de brasileiros que vivem abaixo da linha da pobreza, segundo dados do Cadastro Único do Governo Federal.

Sobre Rede Voluntária Vale
Lançada em abril de 2020, a plataforma digital Rede Voluntária Vale foi criada com o objetivo de potencializar ações sociais do voluntariado da Vale, criado há 16 anos e que mobiliza ações de empregados, de seus familiares e de quaisquer pessoas dispostas a fazer a diferença na vida de outra pessoa. Mais informações emwww.redevoluntariavale.com.br.

 

 

A 2ª Vara Federal em Campo Grande (MS) deferiu pedido feito pelo Ministério Público Federal (MPF) em tutela de urgência e determinou que a União providencie, no prazo de 100 dias, o início das obras de perfuração e construção de poços artesianos na área em que se encontra instalada a comunidade indígena Ka’ikoe, na retomada Charqueada do Agachi, localizada no município de Miranda (MS). A União deverá promover ainda a instalação de uma rede de distribuição de água de maneira a possibilitar o abastecimento da referida comunidade, em quantidade suficiente para o fornecimento médio de 50 a 100 litros/dia, por morador.

Desde a reocupação da área, em abril de 2011, o MPF acompanha a realidade da comunidade e atua para garantir a instrumentalização do abastecimento de água potável para os moradores. Ao passo em que a prefeitura de Miranda não cumpre integralmente o acordo de fornecimento paliativo por meio de caminhões-pipa, o Distrito Sanitário Especial Indígena em Mato Grosso do Sul (Dsei/MS), unidade vinculada à Fundação Nacional do Índio (Funai) responsável pela gestão do Subsistema de Atenção à Saúde Indígena em âmbito local, alega que não pode investir na implementação do sistema de abastecimento de água porque o processo de demarcação da área ainda não foi concluído.

Para a Justiça Federal, os interesses patrimoniais não devem sobressair-se aos direitos e garantias fundamentais da população indígena em questão. Versa a decisão que “a referida Comunidade Indígena Ka’ikoe sofre com a omissão do Poder Público em lhe garantir acesso à água potável para uso pessoal, domiciliar e laboral, o que vilipendia, em parte relevante, seu direito à saúde, à vida plena e à própria dignidade humana, em nível individual e comunitário”.

Entenda o caso – A área ocupada pela comunidade Ka’ikoe integra o procedimento administrativo de revisão dos limites da Terra Indígena Cachoeirinha (de 2,6 mil para 36,2 mil hectares), que encontra-se, apesar da avançada fase de tramitação, paralisado há mais de 10 anos, ora por conta da morosidade administrativa da Funai, ora em função das numerosas ações judiciais intentadas pelos produtores rurais da região. Foi nesse contexto que o grupo de indígenas da etnia terena ocupou, em 2011, o imóvel rural então denominado “Fazenda Charqueada do Agachi”.

O abastecimento de água potável da comunidade foi instrumentalizado por meio de caminhões-pipa na frequência de duas vezes por semana até o início de dezembro de 2016, quando foi interrompido. Em meados de 2017, o serviço foi retomado através de um tanque de aproximadamente 5 mil litros puxado por um trator —, implicando a adoção de diversas medidas de economia no uso da água pela comunidade indígena, em prejuízo da saúde e da higiene do grupo.

Posteriormente, a prefeitura de Miranda se comprometeu a fornecer, de forma ininterrupta e intercalada, a quantia de 5 mil litros de água em uma semana (disponibilizados integralmente num único dia) e de 10 mil litros em outra (entregues em dois dias, de modo rateado), sendo esses os termos do acordo vigente até o presente momento e que não vem sendo integralmente cumprido pelo Executivo municipal.

Mesmo que a demarcação da área não esteja finalizada, o procedimento encontra-se em fase avançada, com estudos antropológicos realizados e com Relatório de Identificação e Delimitação da terra indígena publicado. Além disso, a comunidade indígena já está instalada no local há aproximadamente dez anos, tratando-se de situação consolidada no tempo. “Ocorre que, não pode a referida população tradicional manter-se negligenciada, indefinidamente, enquanto espera a conclusão de procedimento administrativo sabidamente complexo, delicado e, por conseguinte, moroso”, conclui a decisão.

ACP nº 5008947-14.2019.4.03.6000

Leia a íntegra da decisão no site do MPF: http://www.mpf.mp.br/ms/sala-de-imprensa/noticias-ms/justica-determina-que-uniao-providencie-a-perfuracao-de-pocos-artesianos-em-area-de-retomada-indigena-no-municipio-de-miranda-ms

 

 

O Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) abriu na sexta-feira, 11, processo seletivo para ingresso em cursos de qualificação profissional a distância. Os cursos serão oferecidos na modalidade Formação Inicial e Continuada (FIC), a partir do primeiro semestre de 2021, em 14 municípios.

São ofertadas 1.240 vagas para os cursos de Espanhol Básico I e II, Inglês Básico I e II, Operador de Computador e Vendedor distribuídas nos municípios de Água Clara, Aquidauana, Camapuã, Campo Grande, Corumbá, Costa Rica, Coxim, Dourados, Naviraí, Nova Andradina, Pedro Gomes, Ponta Porã, Sonora e Três Lagoas.

No IFMS, os cursos de qualificação profissional a distância têm duração que varia de três a cinco meses, e os estudantes participam de encontros presenciais semanais.

O quadro completo de vagas, com a escolaridade e a idade mínimas exigidas para o curso escolhido, o cronograma e as regras do processo seletivo estão disponíveis no edital de abertura, publicado na Central de Seleção do IFMS.

Inscrições - Serão gratuitas e deverão ser feitas entre os dias 16 de dezembro e 27 de janeiro, na Central de Seleção.

No ato da inscrição, o candidato deverá informar o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) em seu nome e escolher uma das opções de cursos oferecidos pelo IFMS no edital.

Os candidatos que não têm acesso à internet poderão fazer a inscrição nos endereços e horários informados no anexo III do edital de abertura do processo seletivo, de segunda a sexta-feira, exceto em recessos e feriados.

Seleção - Os inscritos serão selecionados e classificados por sorteio eletrônico, a ser realizado no dia 2 de fevereiro sob responsabilidade do Centro de Referência em Tecnologias Educacionais e Educação a Distância do IFMS (Cread).

Cada candidato receberá um número de participação no sorteio. A classificação será feita de acordo com a ordem dos números sorteados.

O resultado preliminar do sorteio, com a classificação de todos os inscritos, será publicado no dia 3 de fevereiro. No dia 22 do mesmo mês, serão divulgadas a classificação final do processo seletivo e a primeira chamada.

As matrículas da primeira chamada deverão ser feitas entre os dias 3 e 5 de março. No dia 12, será publicada a lista de espera, com previsão de matrículas para o período de 15 a 17 de março. O início das aulas está previsto para o dia 22.

Dúvidas sobre o edital devem ser enviadas ao e-mail [email protected].

Quadro de vagas

Campus/Polo

Curso

Escolaridade mínima

Encontros Semanais

Turno

Vagas

Água Clara

Espanhol Básico I

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Segunda-feira

Noturno

30

Espanhol Básico II

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Segunda-feira

Noturno

30

Aquidauana

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Quarta-feira

Noturno

40

Vendedor

Ensino fundamental completo (9º ano)

Quarta-feira

Noturno

40

Camapuã

Espanhol Básico I

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Quinta-feira

Noturno

40

Espanhol Básico II

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Sexta-feira

Noturno

40

Inglês Básico II

Ensino fundamental completo (9º ano)

Sexta-feira

Noturno

40

Campo Grande

Espanhol Básico I

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Espanhol Básico II

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Quarta-feira

Noturno

40

Inglês Básico I

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Inglês Básico II

Ensino fundamental completo (9º ano)

Quarta-feira

Noturno

40

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Segunda-feira

Noturno

40

Vendedor

Ensino fundamental completo (9º ano)

Segunda-feira

Noturno

40

Corumbá

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Quarta-feira

Noturno

30

Vendedor

Ensino fundamental completo (9º ano)

Sexta-feira

Vespertino

30

Costa Rica

Espanhol Básico I

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Terça e quinta-feira

Noturno

40

Inglês Básico I

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça e quinta-feira

Noturno

40

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Terça e quinta-feira

Noturno

40

Coxim

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Terça-feira

Noturno

30

Vendedor

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Dourados

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Vendedor

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Naviraí

Inglês Básico I

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Inglês Básico II

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Espanhol Básico II

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Segunda-feira

Noturno

40

Nova Andradina

Inglês Básico I

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Quinta-feira

Noturno

30

Pedro Gomes

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Quarta-feira

Noturno

40

Ponta Porã

Operador de Computador

Ensino fundamental I completo (5º ano)

Quarta-feira

Noturno

40

Vendedor

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça ou quinta-feira

Noturno

60

Sonora

Inglês Básico I

Ensino fundamental completo (9º ano)

Terça-feira

Noturno

40

Três Lagoas

Vendedor

Ensino fundamental completo (9° ano)

Quinta-feira

Noturno

40

 

Texto originalmente publicado em: https://www.ifms.edu.br/noticias/2020/abertas-1-240-vagas-em-qualificacao-profissional-a-distancia

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo
Empreendedorismo
Cinco erros que o empresário deve evitar no Marketing e Vendas
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Investigaçã
Famosos em MS, grupos de venda estão 'recheados' de produtos roubados
Saúde
Anvisa suspende estudos clínicos da Covaxin no Brasil
Sorte
Mega-Sena pode pagar R$ 7 milhões no sorteio deste sábado
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Tempo
Ar seco e quente pode marcar o sábado em Mato Grosso do Sul
Acidente
Motociclista fratura clavícula após perder controle em lombada

Mais Lidas

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo