Menu
quarta, 20 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Idosa morre carbonizada tentando apagar incêndio na cozinha de casa

08 julho 2021 - 08h21MídiaMax

Iva Maria Ferreira Stuani, de 72 anos, morreu carbonizada tentando apagar o incêndio de sua casa, no bairro Vila Morumbi, em Campo Grande, com baldes de água. A filha e o neto da vítima foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros.  

O incêndio começou por volta das 21 horas desta quarta-feira (7), quando todos estavam em casa, sendo que a filha da idosa estava deitada no quarto e Iva estava na sala, quando o neto da vítima correu até a sua mãe gritando, “Mamãe está pegando fogo”.  

Nisso, tanto Iva quanto a filha foram para a cozinha e com baldes tentavam apagar o fogo, que estava se espalhando. A mulher pediu para que o filho fosse até o banheiro e ligasse o chuveiro. Ela e o menino se abrigaram no banheiro, mas Iva continuou tentando apagar as chamas ficando presa no cômodo e morrendo carbonizada.  

De dentro do banheiro, a filha da idosa ligou para o Corpo de Bombeiros pedindo ajuda. Quando os bombeiros chegaram já não era possível mais salvar Iva, que teve 100% do corpo carbonizado. Inicialmente, havia suspeita de que o ex-marido da idosa pudesse ser o autor do incêndio, já que a idosa havia registrado um boletim de ocorrência contra ele recentemente. 

Mas, a filha de Iva contou que a mãe havia perdido um filho há cerca de 2 meses e tinha o hábito de acender vela toda noite para ele. A porta de frente da casa estava obstruída por um sofá, e somente a porta dos fundos era o acesso de saída, justamente onde se concentrou o incêndio.  

Como a casa tinha muitos entulhos, o incêndio pode ter sido acidental. Foi encontrada uma arma em meio aos entulhos queimados que foi apreendida pela perícia. A arma segundo a filha de Iva era de seu pai. 

Vizinhos tentaram ajudar

Vizinhos tentaram ajudar a moradora a sair da casa em chamas, mas como o fogo se alastrou rapidamente não conseguiram salvar a vítima.  

Um protético de 54 anos disse que a idosa morava no local a cerca de 20 anos, e que um descuido teria sido a causa do incêndio que acabou na sua morte. Ele contou que os vizinhos ao perceberem que havia pessoas na casa tentaram quebrar janelas para tentar salvar as vítimas, mas Iva acabou morrendo carbonizada. 

Protético de 54 anos, vizinho da vítima, acredita que uma vela tenha causado a trajédia.Protético de 54 anos, vizinho da vítima, acvredita que uma vela tenha causado a trajédia. Foto: Fábio Oruê | Jornal MídiaMax

Ele  contou que ela aparentava estar deprimida depois da morte de um filho a cerca de 2 meses e que tinha o costume de acender velas para o filho. O protético disse acreditar que isso tenha sido a causa do incêndio, e como, no local havia muito entulho as chamas se alastraram rapidamente. 

Inicialmente havia a suspeita de que o ex-marido da idosa teria colocado fogo na casa, já que ela tinha registrado um boletim de ocorrência contra ele. Mas a causa teria sido mesmo acidental.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Flexibilidade
Com redução dos casos de Covid-19, Prefeitura altera Toque de Recolher em Corumbá
Monumento Histórico
Vereadores defendem resgate de antigo Farol do Balduíno no Rio Paraguai
Sem Emendas
Câmara aprova Moção em Apoio à regulamentação da profissão de podologia
Pobreza Menstrual
Vereadora pede apoio de deputados para derrubar veto presidencial na distribuição de absorventes
Em tramitação
Proposta cria programa de apoio a catadores de recicláveis em Corumbá
Briga Antiga
Anatel convoca a Oi para reunião sobre internet em Corumbá
Na Câmara
Vereador questiona índices do ICMS Ecológico estabelecidos para 2022
Desdobramento
Denúncia contra os nove indiciados pelo Dracco na Operação "Dark Money" vira processo judicial
Desdobramentos
PF apreende arma, munição e faz termo de conduta durante operação Mercês
Crime na Capital
Após disparos, polícia prende ladrões que fizeram idosa e cuidadora de reféns na Capital

Mais Lidas

Investigação
Polícia federal cumpre sete mandados judiciais por crimes praticados na eleição 2020
Desdobramentos
PF apreende arma, munição e faz termo de conduta durante operação Mercês
Monumento Histórico
Vereadores defendem resgate de antigo Farol do Balduíno no Rio Paraguai
Desdobramento
Denúncia contra os nove indiciados pelo Dracco na Operação "Dark Money" vira processo judicial