Menu
quarta, 28 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Homenagens na Câmara marcam os 120 anos de fundação do Santa Teresa

04 abril 2019 - 10h14Câmara de Corumbá

Na passagem dos 120 anos de fundação do Colégio Salesiano de Santa Teresa, a Câmara Municipal de Vereadores de Corumbá realizou na noite de ontem, quarta-feira, 03 de abril, uma sessão solene para homenagear toda a família salesiana que tem um papel extremamente importante de bem educar o cidadão pantaneiro.

Foi durante uma Sessão Solene no Plenário da Casa do Barão de Vila Maria, dirigida pelo presidente do Poder Legislativo, vereador Roberto Façanha, e que contou com a presença inclusive do prefeito corumbaense, Marcelo Iunes.

Presentes também ao ato os vereadores Tadeu Vieira, André da Farmácia, Cristóvão Contador e João Mário, além de Regina Panovitch Duran, que representou o deputado estadual Evander Vendramini; padre Pasquale Forin, Vigário Episcopal e representante da Missão Salesiana – Polo Corumbá; Capitão de Mar e Guerra Mauro Nicolasso, que representou o comando do 6º Distrito Naval; tenente Fernandes, representando o comando da 18ª Brigada de Infantaria, além de outras autoridades.

Durante a Sessão Solene, a Câmara homenageou 15 personalidades que fazem parte da história do Colégio Salesiano de Santa Teresa, com Moções de Congratulações, ato enaltecido pelo padre Pasquale Forin que se sentiu lisonjeado com a lembrança.

Ele lembrou fatos que marcam a presença dos salesianos na cidade, principalmente no que se refere ao trabalho voltado para a educação, evangelização e ações sociais. “Corumbá foi a segunda cidade do Mato Grosso (antigo) a receber a Missão Salesiana (primeiro foi Cuiabá). Os salesianos vieram para cá para trabalhar com a juventude, fazer o bem no campo da educação, evangelização e plantou a sua primeira semente com a fundação do Santa Teresa”, destacou.

Lembrou as ações que vieram em seguida: Cidade Dom Bosco, projetos CAIJI, CRIPAM E Casa Marisa Pagen, entre outros. Disse se sentir honrado em residir em Corumbá já há 32 anos, mais da metade do tempo em que vive no Brasil (60 anos), presenciando e participando ativamente das obras de Dom Bosco.

A coordenadora pedagógica Cleidy Marluce Alves Baiaroski falou em nome dos homenageados e destacou a presença dos salesianos na região. Para ela, o ato da noite foi “por uma causa muito bonita e histórica”, e que as pessoas presentes “são protagonistas ou testemunhas desse grande acontecimento festivo da história da educação salesiana em Corumbá, porque tiveram a experiência e oportunidade de poder fazer parte de algum momento da história dos 120 anos do Colégio Salesiano de Santa Teresa”.

Anos marcantes

O prefeito Marcelo Iunes, por exemplo, é uma dessas pessoas citadas por Cleidy. Ele mesmo lembrou a época de estudante no Santa Teresa, das partidas de futebol no sol escaldante do meio dia, após as aulas, dos amigos que hoje caminham ao seu lado e que também estudaram naquele estabelecimento de ensino.

“Sinto-me duplamente honrado, pois além de ter estudado no Santa Teresa, meu pai também estudou, se formou no Rio de Janeiro e voltou para ser professor dessa escola que há 120 anos vem formando profissionais em nossa região, sendo uma referência na educação corumbaense, que cresceu com o passar do tempo, mas sempre fiel aos ensinamentos de Dom Bosco e atento às mudanças impostas pelo tempo”, lembrou.

Falou também sobre a presença da Faculdade de Santa Teresa e que a ideia é, junto com a Missão, trabalhar em Brasília, visando a vinda de mais cursos superiores para Corumbá.

Roberto Façanha também enalteceu a presença dos salesianos em Corumbá, responsáveis pela fundação do Santa Teresa. Citou o padre Forin, a quem conheceu logo que chegou a Corumbá, e demonstrou uma profunda admiração pelo trabalho que faz na cidade. Também elogiou o público presente, alegre, sorridente que, com aplausos, celebrou o momento preparado para homenagear personalidades que fazem parte da história do colégio.

“A Missão Salesiana é uma instituição que se caracteriza pela atuação educativas em instituições de ensino nos níveis infantil, fundamental, médio e superior; nas suas paróquias, obras sociais e missões indígenas”, observou citando também que, hoje, ex-alunos da escola se sobressaem nas mais diferentes áreas: advocacia, medicina, engenharia, agronomia, entre outros.

Em seu discurso, o presidente do Poder Legislativo não se esqueceu do saudoso Padre Ernesto Sassida, que também foi professor no Santa Teresa. E foi mais além ao lembrar que “hoje, dia 03 de abril, é o aniversário de 58 anos de fundação da Cidade Dom Bosco, um projeto idealizado pelo padre Sassida”.

Homenageados

Os homenageados da noite foram: Bispo Emérito de Corumbá, Dom Segismundo Martínez Alvares; vigário episcopal e responsável pelos projetos CAIJI, CRIPAM E Casa Marisa Pagen, padre Pasquale Forin; diretor da Faculdade Salesiana de Santa Teresa, padre Jair Marques de Araújo; reitor do Santuário e da Paróquia São João Bosco, padre Inácio Enaureu Martins da Silva.

Também foram homenageados o diretor administrativo e pedagógico do Colégio de Santa Teresa, padre Osvaldo dos Santos; diretor geral da Missão Salesiana - Polo Corumbá, padre Eduardo Moura; inspetor geral da Missão Salesiana, padre Gildásio Mendes; a coordenadora pedagógica Cleidy Marluce Alves Baiaroski; a coordenadora do curso de Direito Faculdade Salesiana de Santa Tereza, Maria Carolina Scheeren do Valle.

Na Sessão Solene foram agraciados ainda com Moção de Congratulação os servidores do setor administrativo Sérgio Maciel, Paulo da Costa Silva e Cristiane Pereira da Silva; a professora mais antiga do Colégio Salesiano de Santa Teresa, Natividade Mercedes Achucarro; a professora mais antiga do Ensino Fundamental I, Sônia Mara Monteiro, e a servidora do setor administrativo, educadora de pátio Marina Rodrigues de Siqueira.

História

Fundado em 04 de abril de 1899, o Colégio Salesiano de Santa Teresa é a escola particular mais antiga de Corumbá, responsável pela formação de muitos profissionais e até políticos que, hoje, atuam na sociedade corumbaense, no Estado e no Brasil.

Sempre fiel aos ensinamentos de Dom Bosco e dentro de um sistema político, social e religioso diferente daquele da sua fundação, atento aos sinais dos tempos, o Colégio Salesiano de Santa Teresa leva avante, não sem sacrifícios, o estandarte da educação integral de centenas de crianças e jovens dessa imensa região pantaneira.

A base pedagógica da educação salesiana, centrada na pedagogia do amor, tem sua continuidade na presença e dedicação de tantos educadores que juntamente com os salesianos, garantem a continuidade desta obra centenária.

O espírito arrojado e inovador em suas atividades pedagógicas, faz do Colégio Santa Teresa, uma referência em educação na cidade e no estado. Ao longo desses 120 anos, o colégio tem deixado marcas positivas e profundas para toda a comunidade corumbaense e região.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Olímíadas
Tóquio: seleção brasileira vence a Arábia Saudita e avança às quartas
Calendário
Comprovação para a primeira chamada do Prouni termina hoje
Na Capital
Júri absolve assassino confesso por ele ter agido em "ato de desespero"
28 de julho
Dia do Agricultor: data valoriza papel dos trabalhadores rurais na economia
Com restrições
Visitas presenciais são retomadas a partir de 1º de agosto nos presídios de MS
Monitoramento
Ladário sai da bandeira vermelha e volta para laranja
Posicionamento
Com vacinação de profissionais da educação, volta às aulas presenciais é urgente
340 vagas
Matrículas para cursos de línguas do IFMS começam nesta quarta (28)
Retomada
Fundtur apresenta calendário de eventos para promoção online e presencial do turismo de MS
Ilumina Pantanal
Projeto leva energia solar para sete municípios e mais de 2 mil famílias no Pantanal

Mais Lidas

Em Corumbá
Receita Federal publica Edital para leilão de 82 lotes
Agressão
Homem é preso após arremessar cadeira contra esposa
Distribuição
Corumbá e Ladário recebem novas doses da vacina contra Covid
Novo Parceiro
Santhiago forma nova dupla e retorna para música