Menu
quarta, 27 de janeiro de 2021
Andorinha Janeiro/Fevereiro
Andorinha Janeiro/Fevereiro Mobile
Geral

Há oito anos desaparecida família sonha em reencontrar jovem com vida

21 junho 2019 - 17h48Sylma Lima

Karina da Silva Vernier, nascida em 20 de Junho de 1997, so tinha 14 anos quando misteriosamente desapareceu sem deixar rastros. A menina saiu para ir a um lava jato na cidade de Mayrink, interior paulista, no dia 12 de Setembro de 2011 e nunca mais voltou. O sumiço da menina chegou a ser investigado pela polícia entretanto, segundo a irmã Patrícia Verner, o boletim de ocorrências apresentou muitas falhas e erros de informações. O fato, é que na época nenhum corpo foi encontrado, nada de estranho aconteceu na cidade, o que alimentou a esperança da família a buscar ajuda em todos os estados brasileiros, chegando a esta faixa de Fronteira, após pesquisar um jornal de credibilidade neste região.

Patrícia entrou em contato com nossa redação via wats app e narrou a história do sumiço da irmã, e o desespero da mãe em encontrar a filha, “ ela não tinha namorado, e era muito tranquila. Não tinha motivos para fugir ou tomar qualquer atitude semelhante” , disse a  irmã explicando que devido ao alcance do Capital do Pantanal e a penetração no pais vizinho, sentiu que poderia conseguir alguma informação a respeito do paradeiro da jovem.

Questionada se na época a família teria algum suspeito Patricia disse que havia um homem, que confeccionava correntinha  e vendia nas ruas, “ ele tinha interesse especial pela minha irma. E, depois que ela sumiu, ele também não foi mais visto na cidade” .

O apelo da família é comovente, pois nunca desanimaram e acreditam que a moça esteja viva. Eles so possuem uma foto para ajudar na identificação, “ morávamos na Cidade de Mairinque, do bairro Jardim Vitória, naquele dia que ela desapareceu disse para minha mãe que iria no lava rápido Jardim Cruzeiro, foi na parte da manhã mas o dono não estava e voltou na parte da tarde, porém nunca mais voltou pra casa. Por favor me ajudem, precisamos saber se ela esta bem. Nos ajudem a compartilhar. Somente quem tem um parente desaparecido sabe como é torturante essa aflição de não saber o que aconteceu” , e apela: “ Minha irmã eu penso em você como a mãe todos os dias, onde estiver ou caso alguém saiba o que aconteceu com ela, por misericórdia denuncie."

Deixe seu Comentário

Leia Também

PROMOÇÃO DE PASSAGENS
Andorinha disponibiliza passagens promocionais a R$59,90
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Povo das Águas atende ribeirinhos da região do Taquari a partir do dia 30
CONSUMIDOR
Anatel divulga balanço de reclamações em 2020
EDUCAÇÃO
IFMS divulga lista de inscritos para cursos de idiomas em andamento
Candidatos com a inscrição homologada deverão fazer testes de nivelamento de Espanhol, Inglês e Libras. Provas online serão aplicadas entre 1º e 9 de fevereiro
COVID-19
Mato Grosso do Sul registra 582 novos casos de Covid e 9 óbitos
COVID-19
Mais de 1200 pessoas já foram vacinadas contra a Covid-19 em Corumbá
CULTURA
Prefeitura disponibiliza, na quinta-feira, espetáculo "Conectados" na internet
GERAL
MS participa da 3ª edição de maratona mundial de criação de games
ECONOMIA
Nascidos em dezembro podem sacar auxílio emergencial a partir de hoje
TRÁFICO DE DROGAS
PRF apreende 3,3 Kg maconha em ônibus de viagem na BR-163

Mais Lidas

DENÚNCIA
Funcionários demitidos do hospital não recebem rescisão trabalhista
ECONOMIA
Governo federal aprova auxílio emergencial para 196 mil pessoas
CHUVA FORTE
Temporal em Corumbá causa queda de árvores e alagamentos
MORTE POR COVID-19
Cinco dias após morte do marido, ex-primeira-dama de Dourados não resiste à Covid-19