Menu
sábado, 16 de janeiro de 2021
Andorinha - campanha dezembro
Andorinha - Dezembro
Geral

Governo assina decreto que torna MS o 4º estado a modernizar ciência, tecnologia e inovação

14 dezembro 2018 - 09h04Portal do MS

Mato Grosso do Sul se tornou nesta quinta-feira (13.12) o quarto estado brasileiro a regulamentar o Marco Legal da Ciência, Tecnologia e Inovação. Decreto assinado pelo governador Reinaldo Azambuja desburocratiza atividades de pesquisa no Estado, integra instituições científicas e tecnológicas e incentiva pesquisadores. Além de MS, apenas os estados de Minas Gerais, Paraná e São Paulo já regulamentaram o Marco Legal.

Com a medida, o foco deixa de ser o processo da pesquisa e passa a ser o resultado – o que desburocratiza o segmento. Na prática, pesquisadores passarão a ser avaliadas pelo resultado do trabalho, e não pelo processo administrativo. A explicação é do secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck.

“Em vez de avaliar se um pesquisador entregou uma nota fiscal, será avaliado primeiro a área científica, o resultado da pesquisa. Se alguém propôs desenvolver uma nova variedade de soja, nós vamos avaliar se ele desenvolveu uma nova  variedade de soja para depois olhar a documentação prevista. Isso cria resultado”, explicou.

Para Reinaldo Azambuja, a medida representa avanço tecnológico para o Estado. “Estamos modernizando a Ciência, Tecnologia e Inovação. É uma ferramenta de desenvolvimento para Mato Grosso do Sul”, afirmou. “O decreto facilita principalmente entrega do produto final do pesquisador e dá agilidade aos processos, estimulando a ciência, a tecnologia e a inovação”, emendou.

A regulamentação ainda simplifica a celebração de convênios para pesquisa pública; facilita a internacionalização de instituições científicas e tecnológicas; e aumenta a interação entre elas e a iniciativa privada.

Participaram do ato de assinatura do decreto que regulamenta o Marco Legal da Ciência, Tecnologia e Inovação de Mato Grosso do Sul o diretor-presidente da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia de MS (Fundect), Márcio de Araújo Pereira; reitor da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (Uems), Fábio Edir dos Santos; reitor da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Marcelo Turine; reitor do Institito Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS), Luiz Simão Stasczak; pró-reitor da Anhanguera Uniderp, Alessandro Lewandowski; reitor da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), Padre Ricardo Carlos; reitora da Universidade da Grande Dourados (UFGD), Liane Maria Calarge; e representantes da Embrapa Pantanal, Embrapa Gado de Corte, Senai, Sebrae e Senar.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONCURSO DA PF
Polícia Federal publica edital de concurso com 1,5 mil vagas
POLICIAL
Com facada no coração, rapaz é deixado em frente padaria em cidade MS
SERVIÇOS
Em período chuvoso, saiba como receber alertas da Defesa Civil por SMS
PROCESSO SELETIVO
Sebrae abre processos seletivos com vagas na Capital e interior
São dois editais, sendo um para Pessoas com Deficiência. Salários chegam a R$ 4.802,92
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Povo das Águas atende ribeirinhos da parte alta do rio Paraguai a partir do dia 19
TURISMO
Turismo de MS espera vacinação e já planeja duas campanhas para fomentar o setor
SAÚDE
Decreto reabre crédito de R$ 1,6 bi para aquisição de vacinas
CONCURSO PÚBLICO
Edição extra do Diário Oficial traz editais do processo seletivo para contratação de médico
ESPORTE
Vasco recebe Coritiba em busca de vitória para se afastar do Z-4
GERAL
INSS: prazo para recorrer de auxílio-doença negado termina hoje

Mais Lidas

POLICIAL
Homem é preso por violência doméstica no Bairro Cristo Redentor
POLICIAL
Jovem com mandado de prisão em aberto é preso no Loteamento Pantanal
CAMPANHA SAÚDE MENTAL
Janeiro Branco: Profissionais falam da importância de cuidar da saúde mental
GERAL
Energisa inicia Projeto de Eficiência Energética na Base Fluvial em Ladário