Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Fundesporte idealiza ultramaratona e prova de mountain bike na Estrada Parque Pantanal

27 abril 2021 - 08h20Portal do Governo de MS

Nos próximos meses, o Governo do Estado, via Fundação de Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), quer intensificar o desenvolvimento de esportes de aventura no Estado por meio de eventos, como forma de aumentar o número de praticantes e potencializar o setor econômico, turístico, cultural e social.

Uma das propostas é realizar uma competição para dar início ao calendário esportivo de 2022, a depender do cenário da pandemia do novo coronavírus (Covid-19) no Estado. Serão três provas simultâneas: ultramaratona de corrida a corta-mato (cross country), ciclismo de montanha (mountain bike/MTB) e duathlon (ciclismo + corrida) na Estrada Parque Pantanal (EPP).

Conforme o Instituto Estadual de Meio Ambiente (Imasul), a EPP possui cerca de 120 quilômetros de estrada de terra, com início na rodovia BR-262 e que passa por 74 pontes de madeira, com aproximadamente 6,8 mil hectares, dos quais 85% pertencem a Corumbá. No trecho há a possibilidade de desfrutar de diversos tipos de paisagens, como serras e campos, de corixos ao Rio Paraguai, além das áreas de inundação sempre repletas de animais silvestres.

Equipe técnica-esportiva da Fundesporte, composta pela assessora especial da presidência, Fabiane de Oliveira Macedo, e pelo gerente da Unidade de Esporte de Participação, Aventura e Lazer (Uepla), Rodrigo Barbosa de Miranda, fez a primeira visita ao local no último final de semana. Servidores da Fundação de Esportes de Corumbá (Funec) e Fundação de Turismo do Pantanal (Fundtur Pantanal) acompanharam a visita, cujo objetivo foi avaliar os critérios que envolvem a prática de esportes de aventura integrada à biodiversidade da fauna e flora pantaneira.

Foram apresentadas as condições estruturais, compostas por hotéis e pousadas, e pontos de apoio ao longo da Estrada, além das características ecológicas, direcionadas pelo ciclo das águas e o período da pesca. O objetivo é organizar a competição em três dias consecutivos, sendo dois para o MTB e três para a ultramaratona e duathlon. Assim, os participantes farão as provas por etapas, terão locais para descanso e contemplação da natureza.  

O diretor-presidente da Fundesporte, Marcelo Ferreira Miranda, destaca que o evento vai agregar atletas, natureza e esporte, além de fomentar o setor econômico e turístico. “O esporte é capaz de mover toda uma cadeia produtiva. Então, é uma forma de retomarmos a economia local, especialmente a rede de hotéis e pousadas, impactada diretamente pela pandemia. É um evento que contribuirá para o desenvolvimento da região e para destacar ainda mais as belezas naturais do nosso Pantanal”.

Segundo o titular da Funec, Heliney de Miranda Júnior, Corumbá tem tudo a ver com o esporte de aventura. Ele ainda lembra a parceria de longa data entre Prefeitura e Governo do Estado na organização do Eco Pantanal Extremo. “Para Corumbá, é motivo de bastante satisfação e orgulho ter sempre essa parceria com o Governo do Estado, que há anos vem gerando bons frutos. Esse evento é uma grande sacada da Fundesporte e pode atrair turistas de vários locais do Brasil e até de outros países”.

Outra finalidade é envolver toda a comunidade pantaneira no entorno da Estrada Parque, com participação direta dos povos ribeirinhos, vaqueiros e peões. “É importante sempre trabalhar em cadeia, envolvendo toda a população, principalmente os ribeirinhos, que estão preparados para receber turistas”, salienta a diretora-presidente da Fundação de Turismo do Pantanal (Fundtur Pantanal), Elisângela Oliva.

A visita técnica na Estrada Parque Pantanal também contou com a presença de dois membros da Fundtur Pantanal: o gerente de Políticas de Turismo, Carlos Augusto Espíndola, e assessor executivo, Luiz Francisco Valdonado.

Além de competir, os atletas poderão desfrutar das belezas do Pantanal Foto: Lucas Castro

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá