Menu
terça, 07 de dezembro de 2021
Andorinha Dezembro
Mobile - Andorinha Dezembro
Geral

França detecta 1º caso da nova variante de Covid-19

A nova cepa foi detectada em um francês residente no Reino Unido que está assintomático e em quarentena

26 dezembro 2020 - 09h09G1

O primeiro caso da nova variante da Covid-19 que surgiu no Reino Unido foi detectado na sexta-feira (25), na cidade de Tours, centro da França, anunciou o Ministério da Saúde francês.

 

A nova cepa foi detectada em um francês residente no Reino Unido que está assintomático e em quarentena.

 

Após ter chegado "de Londres em 19 de dezembro (...), recebeu atendimento médico em um hospital e no dia 21 testou positivo", disse o governo, assegurando que se trata do "primeiro contagiado pela variante VOC 202012/01", em território francês.

 

França recebe primeiras doses

 

Já neste sábado (26), a França recebeu as primeiras doses da vacina contra a Covid-19, desenvolvida pelos laboratórios americano Pfizer e o alemão BioNTech. Os frascos foram entregues à farmácia central da organização dos Hospitais de Paris.

 

Como em outros países da União Europeia (UE), a vacinação começará no domingo (27) na França, onde mais de 62.000 pessoas morreram vítimas da Covid-19.

 

As primeiras injeções acontecerão em duas casas de repouso, em Sevran, perto de Paris, e em Dijon, na região leste do país.

 

Quase 19.500 doses da vacina foram transportadas a bordo de um caminhão frigorífico que percorreu o trajeto a partir da fábrica da Pfizer em Puurs, na Bélgica, afirmou a agência de notícias France Presse.

 

Já a Itália recebeu as primeiras doses na sexta (25). 

 

6 vacinas contratadas

 

A vacina da Pfizer e BioNTech é apenas uma da seis que já foram contratadas pela União Europeia. “No total, compramos doses mais do que suficientes para todos na Europa", disse a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, no dia 17 dezembro.

 

Além da Pfizer, o bloco comprou os imunizantes da AstraZeneca, CureVac, Johnson & Johnson, Moderna e Sanofi-GlaxoSmithKline.

 

Se todas essas vacinas forem aprovadas, os 27 países – que somam cerca de 450 milhões de habitantes – terão, ao todo, dois bilhões de doses.

Médicos usam equipamentos de proteção para atender paciente em UTI em Marselha, na França, em foto de 8 de setembro. — Foto: Eric Gaillard/Reuters

 

 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação
IFMS convoca para heteroidentificação em seleção de cursos técnicos integrados
Tecnologia
Webinar das Cidades Digitais reúne Prefeituras do MS e Ministério das Comunicações nesta terça
Fiscalização
PMA aplica R$ 17 mil em multas e apreende 47 quilos de pescado no primeiro mês de piracema
Cidadão
Caixa divulga calendário de pagamentos do INSS de 2022
Transparência
Médicas de Campo Grande tinham até três cargos públicos com escala de 100 horas semanais
Serviço Público
Recesso na Assembleia começa no próximo dia 22 e trabalhos retornam em fevereiro
Eleições 2022
Tucanos buscam apoio no MDB e PSD
Desdobramentos
Caixa se pronuncia sobre prisão de estagiário acusado de furtar beneficiários do auxílio
Há 4 dias
Encontrado trabalhador rural que estava desaparecido na região do Paiaguás
Colisão entre motos
Jovem internado no CTI não resiste e morre antes da transferência para Capital

Mais Lidas

Desdobramentos
Caixa se pronuncia sobre prisão de estagiário acusado de furtar beneficiários do auxílio
Transparência
Médicas de Campo Grande tinham até três cargos públicos com escala de 100 horas semanais
Colisão entre motos
Jovem internado no CTI não resiste e morre antes da transferência para Capital
Há 4 dias
Encontrado trabalhador rural que estava desaparecido na região do Paiaguás