Menu
sábado, 24 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Fertel é parceira na abertura do sinal digital da TV Assembleia e TV Senado

27 novembro 2018 - 12h32Assessoria de imprensa
Bosco Martins, Lígia Sabka e Adriano Furtado, em visita ao controle master da TVE Cultura, durante inspeção para conhecer a estrutura da emissora. Foto: Humberto Marques

Por orientação do governador Reinaldo Azambuja, acordo de cooperação técnica permitira que Poder Legislativo e Senado usem estrutura da TVE Cultura para realizar transmissões pelo canal 34.1.

Acordo de cooperação técnica entre a Fertel (Fundação Luiz Chagas de Rádio e TV Educativa de Mato Grosso do Sul) e a Assembleia Legislativa, formalizado por orientação do governador Reinaldo Azambuja, vai viabilizar a abertura do sinal digital da TV Assembleia e da TV Senado para a região de Campo Grande até o fim de 2018, gerando novas oportunidades de acompanhamento da classe política e de acesso a uma nova alternativa de programação. Nesta terça-feira (27), representantes do Legislativo estadual estiveram no Palácio das Comunicações, onde conheceram detalhes da estrutura que vai abrigar equipamentos da TV Assembleia, como o transmissor e a antena digital.

“Pelo acordo, costurado com aval e orientação do governador Reinaldo Azambuja, vamos ceder o espaço para a Assembleia instalar o transmissor que será usado pelos canais digitais da TV Assembleia e da TV Senado, disponibilizando sua programação para a população por meio do sinal aberto”, explicou Bosco Martins, diretor-presidente da Fertel, reforçando a cooperação reforça a parceria existente entre a fundação e o Legislativo estadual –que hoje já envolve a produção e intercâmbio para veiculação de programas entre da TVE Cultura e a TV Assembleia.

Lígia Sabka, gerente da TV Assembleia, explica que o sinal digital da emissora estará disponível na região de Campo Grande no canal 34.1. A transmissão se dará por meio da multiprogramação da TV Senado –que, ao lado da TV Câmara, é responsável por distribuir canais para os Legislativos dos Estados–, que cedeu o transmissor e a antena digital. A Assembleia fornecerá parte da estrutura elétrica para funcionamento dos equipamentos, enquanto a Fertel oferecerá a estrutura física.

“É uma parceria entre entes públicos e o acordo de cooperação já está assinado. Com essa etapa, agora providenciaremos a vinda do transmissor para a instalação o mais rapidamente possível”, destacou Lígia. A expectativa é de que a TV Senado e a TV Assembleia estejam disponíveis para a população em sinal aberto já no ano que vem.

 

 

 

--

Deixe seu Comentário

Leia Também

Acidente
Motociclista fratura clavícula após perder controle em lombada
Bombeiros
Incêndio urbano atinge vegetação em morraria com difícil acesso
Município
Decreto prorroga por mais 14 dias medidas para diminuir contaminação pela Covid-19
Decisão Popular
Servidores optaram por receber o 13° salário de forma integral em dezembro
Previsão
Sancionada LDO que prevê receita de R$ 18,47 bilhões para MS em 2022
Esperança
Taxa de contágio da Covid se mantém abaixo de 0,90 há uma semana em MS
Investigação
Caso Maria Stella Coimbra: jovem teria fotografado documento do suposto estuprador
Sem contrato
Santa Casa de Corumbá perde serviço de Urologia
Tempo
Final de semana continua com alerta para tempo seco em Mato Grosso do Sul
Facilidade
Saúde credencia laboratório e exames podem ser agendados na própria unidade de saúde

Mais Lidas

Sem contrato
Santa Casa de Corumbá perde serviço de Urologia
Investigação
Caso Maria Stella Coimbra: jovem teria fotografado documento do suposto estuprador
Acidente
Motociclista fratura clavícula após perder controle em lombada
Município
Decreto prorroga por mais 14 dias medidas para diminuir contaminação pela Covid-19