Menu
segunda, 26 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Estado prevê recuperação econômica com aumento de 2,7% do PIB em 2021

24 agosto 2020 - 08h43Paulo Fernandes do Portal MS

Apesar do estrago causado pela Covid-19, Mato Grosso do Sul (MS) deverá obter o melhor desempenho do país no crescimento da economia no próximo ano. É o que revela levantamento da Tendências Consultoria Integrada, divulgado no jornal O Estado de São Paulo. Segundo o estudo, MS deve estar entre os cinco estados brasileiros a encerrar o próximo ano com crescimento no Produto Interno Bruto (PIB), em relação a 2019.

Enquanto 21 estados e o Distrito Federal podem fechar 2021 com queda, Mato Grosso do Sul deverá exceder em 2,7% o PIB do ano passado. Os outros estados com estimativa de crescimento são Pará, Mato Grosso, Rio de Janeiro e Goiás. O Produto Interno Bruto é a soma de todas as riquezas geradas por um país.

Para o governador Reinaldo Azambuja, o papel do poder público deve continuar sendo o de permitir uma retomada segura da economia. “Todo mundo teve prejuízos por causa da pandemia, da dona de casa aos governos, e quem respondeu melhor à pandemia foi o agronegócio, que em Mato Grosso do Sul tem um papel essencial. Mais uma vez, os produtores brasileiros mostraram que, da porteira para dentro, eles dão show. Não chegamos a paralisar nenhuma atividade, mas criamos protocolos e medidas de segurança para o trabalhador, trabalhadora e criamos o Comitê Gestor do Plano de Retomada Pós-Crise para apoiar iniciativas que contribuam para a retomada segura das atividades econômicas. Queremos estimular o mercado, mesmo que o retorno a essa nova normalidade seja diferente. É com responsabilidade, que vamos superar essa crise”, disse.

De acordo com a reportagem, o desempenho do Estado é explicado em parte pela agroindústria, em especial a de papel e celulose. “Com localização privilegiada, próxima de São Paulo, a indústria de celulose do Estado deve ser favorecida pela expectativa de ampliação da demanda asiática por papel tissue, pela tendência estrutural de substituição do plástico por produtos de papel e pelo câmbio brasileiro desvalorizado”, explica o economista da Tendências Lucas Assis.

Não é a toa que o Governo de Mato Grosso do Sul não tem medido esforços em promover a integração logística para facilitar o escoamento da produção. Na última semana, o governador Reinaldo Azambuja assinou um acordo com o colega Carlos Roberto Massa Ratinho Junior, do Paraná, para viabilizar a construção de um corredor ferroviário de exportação com 1.370 quilômetros, ligando regiões produtoras de Mato Grosso do Sul ao porto de Paranaguá.

Isso, sem falar da Rota Bioceânica, projeto encabeçado por Mato Grosso do Sul que irá reduzir em 14 dias a distância e o custo do transportes dos produtos da América do Sul ao continente asiático - que é o maior consumidor do Estado.

Empregos

O crescimento do PIB não é apenas uma projeção. Mato Grosso do Sul já tem respondido melhor à crise e obtido os melhores resultados do país em vários segmentos. Na geração de empregos com carteira assinada, por exemplo, obteve o terceiro melhor desempenho do país no acumulado de janeiro a julho de 2020.

De acordo com o novo Cadastro de Empregados e Desempregados (Novo Caged), do Ministério da Economia, entre janeiro e julho o estado registrou 118.148 admissões, o que resultou em um saldo de 1.561 novos postos de trabalho, atrás apenas de Maranhão e Mato Grosso.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Imunização
Quem pode se vacinar nesta segunda (26)
Operação Hefesto
Incêndio atinge linha férrea sobre o Rio Paraguai
Economia
Prefeitura reúne meios de hospedagem para sensibilização turística e uso do QR Code 
Plantão
Incêndio atinge aterro sanitário de Corumbá
Suspeito
Governo prorroga contrato com empresa investigada por pagar propina a filho de Reinaldo
Tráfico de Drogas
Mala com 14 quilos de pasta base é encontrada na rodoviária de Corumbá
Pedrada
Briga de família termina com mãe ferida e filho preso
Polícia Militar
Homem denuncia filho foragido
Alerta Infectologista
Vacinados contra Covid-19 devem aguardar 48 horas para ingerir bebida alcoólica
Oportunidade
Inscrições para estágio na Justiça Federal terminam nesta terça (27)

Mais Lidas

Seguiriam para Bolívia
Dois veículos que seriam atravessados para Bolívia são recuperados
Imunização
Sábado tem vacinação contra Covid até 12h no drive do Poliesportivo
Cidade Tranquila
Operação conjunta combate crimes fronteiriços em Corumbá e Ladário
Mais tempo
Exame toxicológico na emissão de CNH tem prazo ampliado para utilização do laudo