Menu
sexta, 14 de maio de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Escola da REME é selecionada para conferência estadual do meio ambiente

07 maio 2018 - 14h42Assessoria PMC

A Escola Municipal de Educação Integral Luiz Feitosa Rodrigues foi selecionada para a etapa estadual da V Conferência Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente. Neste ano a proposta da Conferência é “Cuidando do Brasil: cuidando das águas”, elaborado pelo Ministério da Educação e Ministério do Meio ambiente para a implementação da Lei Federal nº 9.433/97 (Lei de Águas), que instituiu a Política Nacional de Recursos Hídricos.

Partindo desta premissa, a Escola Municipal de Educação Integral Luiz Feitosa Rodrigues incorporou em sua proposta pedagógica a “sustentabilidade”, visando estimular processos dialógicos e participativos para enfatizar a importância da ação coletiva e da atuação em rede em sua localidade. A escola desenvolveu o projeto “Pensando global e agindo local: Bairro Borrowiski”. A ação faz parte do projeto macro, intitulado, “O Brasil que queremos: olhando as águas”, como proposta anual da escola.

A conferência na etapa escolar e obrigatória ocorreu nos dias 26 e 27 de março na escola, com a participação de todos os estudantes, professores e comunidade externa. Foram apresentados quatro projetos com a participação de oito delegados com idades a partir de 11 anos, previsto em regulamento. A escolha do delegado e do projeto ocorreu de forma democrática no princípio “jovem escolhe jovem”. O estudante Wellison Bras Mattos Leite (7ºano) foi o selecionado e representará a escola na etapa estadual que irá ocorrer no Eco Hotel Chácara do Lago, em Campo Grande (MS), nos dias 11 a 13 de maio de 2018. A etapa Nacional está prevista para junho.

Segundo a gestora da unidade escolar, Tânia Regina Giacometti, a iniciativa “tem o objetivo de apoiar processos de transformação de valores, atitudes, hábitos e comportamentos para o uso sustentável da água na escola e na comunidade, por meio de ações coletivas para alcançar o cuidado com as águas, na qual acreditamos e realizamos todos os anos”.

O secretario municipal de Educação, Genilson Canavarro de Abreu, destacou a importância do trabalho com projetos, pois oferece inúmeros benefícios para a comunidade escolar, aumenta a participação dos alunos, reduz a evasão escolar, estimula a capacidade de aprendizagem cooperativa e melhora o desempenho dos estudantes.  “Como educadores devemos pensar numa escola que promova esse aprendizado com ‘sustentabilidade’ com a finalidade de se ensinar a importância de atitudes de preservação, para que as gerações futuras não sofram com a destruição ambiental”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
Uniderp abre seleção para mestrado e doutorado em Odontologia
Candidatos podem escolher entre duas áreas de concentração
SEGURANÇA PÚBLICA
Vereadora reivindica aumento do efetivo de policiais civis e militares na região
ASSISTÊNCIA SOCIAL E CIDADANIA
Município reforça enfrentamentos às violações de direitos de crianças e adolescentes
GERAL
Consórcio Brasil Central autoriza assinatura de contrato para importação da vacina Sputnik V
VACINAÇÃO
Poliesportivo está aberto para repescagem e aplicação de segunda dose da vacina da Covid-19
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar o auxílio emergencial
SAÚDE
Mato Grosso do Sul recebe nesta sexta novo lote de vacinas da Coronavac
ACIDENTE DE TRÂNSITO
Bombeiros socorrem vítimas de colisão de carros no Centro
PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS FLORESTAIS
Bia Cavassa trata com Tereza Cristina sobre recursos para capacitação de brigadistas
OPORTUNIDADE
IEL tem 91 vagas de estágio para Campo Grande, Camapuã e Corumbá

Mais Lidas

POLICIAL
PF prende quatro pessoas e apreende 180 kg de cocaína em MS
POLICIAL
PM apreende droga, plantas de maconha e prende autor de tráfico
POLICIAL
PM evita suicídio de homem, e o prende após violência doméstica
POLÍTICA
Iunes aceita convite do Podemos