Menu
sexta, 14 de maio de 2021
Andorinha - Maio
Andorinha - Maio
Geral

Em Mato Grosso do Sul, programa Escola Segura, Família Forte reforça a segurança nas escolas

16 março 2019 - 09h34Portal do MS

O programa Escola Segura, Família Forte, desenvolvido pelo Governo de Mato Grosso do Sul, por meio da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) tem realizado rondas ostensivas e preventivas em 60 escolas municipais e estaduais da Capital, com objetivo de garantir segurança para estudantes, professores e pais nos locais de ensino e aos arredores. O Programa é desenvolvido há mais de um ano, ao todo são 20 policiais militares e cinco viaturas, que atendem exclusivamente essas unidades de ensino.

Para se ter uma ideia o policiamento escolar que é desenvolvido pela Polícia Militar, realizou em 16 dias letivos do mês de fevereiro deste ano, na Rede Municipal de Ensino, 192 visitas à direção de escolas, três palestras e 97 abordagens fora do ambiente escolar. Já na Rede Estadual de Ensino em seis dias letivos, foram 78 visitas à direção de escolas, duas palestras, 56 abordagens fora do ambiente escolar, entre outras ações. 

O coordenador do projeto Escola Segura, Família Forte, Valson Campos, explica que com a ronda escolar e o contato direto dos diretores com a polícia o ambiente escolar se tornou mais seguro para os alunos, familiares e todo entorno da escola. Conforme avaliação feita com os dirigentes das escolas atendidas em relação à relevância do Programa para a sua unidade de ensino, a nota média é de 9,28.

“Hoje com o programa funcionando, podemos analisar algumas situações que aconteciam por falta de policiamento especializado, e agora com um projeto específico, com as viaturas caracterizadas e a interlocução de todas as policias, os resultados são excelentes. As atividades e ocorrências registradas durante o mês de novembro, por exemplo, nas escolas da rede estadual foram um total de 148 ocorrências prontamente atendidas”, destaca o coordenador.

Campos ainda explica que a meta tem sido atuar não só na resolução de delitos, mas também na prevenção. “Fazemos um papel preventivo; se tem ameaça de briga, que os pais ou professores informaram para a direção da escola, a ronda é acionada para fazer a segurança na saída dos alunos e não ter briga”, relata.

O Escola Segura, Família Forte já conquistou prêmio internacional por sua metodologia de trabalho. Ele foi selecionado entre os nove vitoriosos dentre mais de 90 projetos de toda a América Latina pela I Convocatória Internacional de Avaliação de Impacto – processo de seleção da Corporação Andina de Fomento (CAF), Banco de Desenvolvimento da América Latina semelhante ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para receber uma consultoria gratuita por três anos. No fim de 2019 deve ser apresentada a avaliação do programa, que irá permitir a extensão e ampliação das escolas atendidas.

Deixe seu Comentário

Leia Também

GERAL
Para prevenção aos focos de incêndio no Pantanal, IHP e Sindicato Rural alinham atuação
EDUCAÇÃO
Uniderp abre seleção para mestrado e doutorado em Odontologia
Candidatos podem escolher entre duas áreas de concentração
SEGURANÇA PÚBLICA
Vereadora reivindica aumento do efetivo de policiais civis e militares na região
ASSISTÊNCIA SOCIAL E CIDADANIA
Município reforça enfrentamentos às violações de direitos de crianças e adolescentes
GERAL
Consórcio Brasil Central autoriza assinatura de contrato para importação da vacina Sputnik V
VACINAÇÃO
Poliesportivo está aberto para repescagem e aplicação de segunda dose da vacina da Covid-19
ECONOMIA
Trabalhadores nascidos em novembro podem sacar o auxílio emergencial
SAÚDE
Mato Grosso do Sul recebe nesta sexta novo lote de vacinas da Coronavac
ACIDENTE DE TRÂNSITO
Bombeiros socorrem vítimas de colisão de carros no Centro
PREVENÇÃO DE INCÊNDIOS FLORESTAIS
Bia Cavassa trata com Tereza Cristina sobre recursos para capacitação de brigadistas

Mais Lidas

POLICIAL
PF prende quatro pessoas e apreende 180 kg de cocaína em MS
POLICIAL
PM apreende droga, plantas de maconha e prende autor de tráfico
POLICIAL
PM evita suicídio de homem, e o prende após violência doméstica
POLÍTICA
Iunes aceita convite do Podemos