Menu
sábado, 16 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Donos de pizzaria em Corumbá investem em dark kitchen do Divino Fogão

15 junho 2021 - 09h51Assessoria Divino Fogão

Descoberta no Brasil em 2020, as dark kitchens são velhas conhecidas de países europeus e nos Estados Unidos. O termo se refere às cozinhas invisíveis que utilizam seus espaços para o preparo de pratos de outras marcas, com foco no delivery. Em solo brasileiro, este tipo de negócio teve seu crescimento após o fechamento do comércio devido a pandemia da covid-19. Grandes empresas, como o Divino Fogão, enxergaram neste nicho um novo formato de negócio para ampliar a atuação nas entregas em domicílio, em regiões onde não contam com restaurantes da marca. No caso da rede fundada há 37 anos, a dark kitchen é destinada para empresários que já atuam no segmento de alimentação, como bares, restaurantes e pizzarias.

Donos de uma pizzaria desde 2016 em Corumbá, no Mato Grosso do Sul, Danilo e Lilian Cunha decidiram apostar em uma dark kitchen do Divino Fogão. Moradores de uma cidade do interior e empresários de um negócio que funcionava apenas à noite, o casal operava em um espaço com despesa integral, mas que era utilizado durante seis horas por dia. "Já conhecíamos o termo dark kitchen, mas ainda não era tão disseminado no Brasil. Em 2020, a força das cozinhas invisíveis me permitiu conhecer o modelo do Divino Fogão, que era o que buscávamos para operar a cozinha no tempo ocioso, quando a pizzaria estava fechada", relembra Danilo.

Há 440 quilômetros da capital Campo Grande, Corumbá é uma das cidades que, geralmente, tem uma escassa lista de marcas conhecidas de alimentação, tanto em lojas de rua, mas principalmente para atender as demandas por delivery. Este também foi um dos motivos para que os donos da pizzaria Donana investissem no projeto de licenciamento do Divino Fogão. Aliado à expertise de operar seu próprio negócio e a qualidade da rede, que não está presente na região, a dark kitchen opera há dois meses na cidade.

"Como morador de uma cidade de interior, sentia falta de marcas que são conhecidas em grandes metrópoles ou shopping centers, como é o caso do Divino Fogão. Então, ao ter a chance de levar os principais pratos de uma rede consolidada no mercado e ainda utilizar o espaço que já contava, tais fatores foram fundamentais para fechar esta parceria de sucesso", revela Danilo. que teve todo o suporte da franqueadora e treinamento em uma unidade de Campo Grande, do Divino Fogão, para operar o delivery em sua região.

Segundo o empresário, com a sinergia entre os dois negócios, a ideia é expandir ainda mais a presença da rede em Corumbá. "Estamos no início da operação de dark kitchen, então nosso principal objetivo é disseminar a presença da rede e garantir uma entrega de qualidade e um prato saboroso", comenta.

O projeto de dark kitchen do Divino Fogão foi idealizado em parceria com a Guersola Consultoria, e é voltado às empresas que tem experiência no mercado alimentício e desejam se tornar um licenciado da marca. Com investimento inicial baixo, de R$ 8 mil, que é destinado à compra de insumos para produção, embalagem e treinamento, é possível se tornar um licenciado da rede e atuar por meio da cozinha invisível. O faturamento médio mensal é de R$ 20 mil. O intuito do Divino Fogão é chegar até o fim do ano com 50 unidades de dark kitchen em operação.

Sobre o Divino Fogão:

Desde 1984, o Divino Fogão lançou-se no mercado com uma estratégia inovadora, servindo o que há de mais saboroso e variado da comida típica da fazenda. Hoje, o Divino Fogão é nacionalmente reconhecido por seus produtos de excelente qualidade e com sabor genuinamente brasileiro. Receitas próprias e exclusivas foram desenvolvidas ao longo dos anos, procurando atender o gosto e o paladar brasileiro. A rede conta hoje com 171 restaurantes presentes em todas as regiões do País.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no Rio Paraguai fez sete vítimas; cinco corpos foram encontrados até o momento
Dia do Professor
Façanha destaca papel do professor no período pós-pandemia

Mais Lidas

Monitoramento
Defesa Civil alerta para chance de novos temporais
Estudo em andamento
Plano de transporte intermunicipal de MS vai passar por mudanças em 2022
Corumbá
Dupla é presa com 20 quilos de maconha
Reforço
Saúde de Corumbá e Ladário recebem mais de 500 equipamentos doados pela Vale