Menu
quinta, 05 de agosto de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Maio
Geral

Cultura, diversão, arte e inclusão social no 20º Festival de Inverno de Bonito

07 julho 2019 - 09h25Portal do MS

Mais de 100 artistas entre músicos, atores, dançarinos, artesãos, escritores, artistas plásticos e chefs de cozinha vão ocupar as ruas de Bonito entre os dias 25 e 28 de julho, durante o 20º Festival de Inverno de Bonito. Com a preocupação de integrar todas as vertentes culturais, a programação deste ano reúne os mais diversos gêneros da arte cênica, música e prestigia a cena cultural de Mato Grosso do Sul, cujos participantes foram escolhidos por edital. Na abertura do Festival, que aconteceu na última terça-feira (02.07) no auditório da Governadoria, com a presença da Diretora Presidente da Fundação de Cultura, Mara Caseiro e diversas autoridades estaduais e municipais, artistas e produtores culturais externaram agradecimentos ao governador, Reinaldo Azambuja que, apesar das dificuldades econômicas do Estado e do País, não deixou de realizar o Festival. Para a classe artística, o Festival representa a divulgação e valorização da cultura de MS, e para os bonitenses uma valiosa contribuição aos setores da educação, cultura e turismo da cidade.

As homenagens desta edição comemorativa serão dedicadas à cinco figuras fundamentais na construção da nossa identidade cultural. São eles: o artista plástico Isaac de Oliveira, o músico Castelo, a artista plástica bonitense, Buga Peralta, o historiador (em memória) Elinor Noasco Falcão, o Noé e a professora, ex-Secretária de Cultura do Estado e uma das grandes incentivadoras das artes no Estado, Idara Duncan, que além de inúmeras atividades na área de cultura e educação, integrou o Conselho Estadual de Cultura de MS ao longo de 16 anos e foi vice-presidente do Fórum Nacional de Secretários de Cultura. Escritora e historiadora, em sua gestão governamental Idara criou o MIS (Museu da Imagem e do Som) e a Lei Estadual de Incentivos Fiscais à Cultura.

A extensa programação do Festival que tem como tema “Arte, aprendizado e protagonismo” acrescentou ainda uma prévia das atrações para atender as comunidades próximas a cidade. A partir de 20 de julho (sábado) começa o Pré Festival, que levará a escolas, distritos, assentamentos e bairros do município atividades que envolvem teatro, artes visuais, cinema e educação. As atividades acontecem no distrito de Águas de Miranda, no Assentamento Projeto Guaicurus, nas escolas municipais Vitalina Vargas Machado, Durvalina Dornelles Teixeira e João Alves da Nóbrega, na Escola Estadual Bonifácio Camargo Gomes e no Centro de Múltiplo Uso.

Interatividade a acessibilidade

O cinema também está presente no Festival com destaque para a acessibilidade. No sábado, dia 26 de julho e no domingo, dia 27, o filme “Sobre Rodas” terá recursos acessíveis para cegos e surdos e logo após a sessão haverá um bate papo com o diretor do filme, Mauro D’Addio. Para a exibição de “Teu mundo não cabe nos meus olhos” do dia 27, haverá intérprete de libras e após a sessão também acontecerá um bate-papo com especialistas em acessibilidade cultural. E a boa surpresa cinematográfica são os filmes regionais selecionados por edital para exibição durante o Festival, como “Boas vindas”, de Ara de Andrade Martins; “As Invenções de Akins”, de Ulisses Silva; “Fujona – Em busca da liberdade”, Lú Bigatão; “Irmãos de Alma”, de Filipi Silveira; “Rema Tour – Bonito MS 2018”, de Pedro Henrique Subtil e “À Procura de Marçal”, de Caroline Cardoso e Natália Morais.

A praça da Liberdade este ano vai dividir o protagonismo do Festival com outros dois palcos que serão montados próximo ao centro. No espaço de multiuso a tenda do artesanato, na Praça Central, haverá exposições com peças de Mato Grosso do Sul, do Amazonas, como Estado convidado, e ainda o “Espaço Mãos que criam”, local disponível aos mestres artesãos para a demonstração das suas técnicas artesanais. Além disto o 20º Festival de Inverno de Bonito contará com intervenções musicais nas ruas da cidade mostrando a qualidade dos instrumentistas que atuam em Mato Grosso do Sul com El Trio e Duo Callado. Tudo isto sem deixar de fora shows de artistas e bandas locais como Guilherme Rondon e Banda Urben. (Acesse a programação completa na página do Festival de Bonito 2019).

Deixe seu Comentário

Leia Também

Fiscalização
Vereador solicita inclusão de Corumbá na CPI da Energisa na Assembleia
Calendário
Pré-selecionados do Fies têm até sexta-feira para complementar inscrição
Arte Popular
Jardim do Artesanato expõe e comercializa trabalhos de artesões da cidade
Destaque Nacional
MS atinge 80% da população adulta vacinada
Assistência Social
Povo das águas encerra com 180 famílias atendidas do Taquari
Melhorias
Vereador solicita pavimentação da Rua Edu Rocha, no Guaicurus
De volta!
Câmara de Corumbá adota medidas mais flexíveis e retoma atendimento presencial
Como fica?
Universidades de MS devem manter aulas presenciais suspensas até o fim do ano
Olímpiadas
Rebeca Andrade será porta-bandeira do Brasil no encerramento
Calendário
Inscrições para o Incentiva+MS Turismo termina neste fim de semana

Mais Lidas

Como fica?
Universidades de MS devem manter aulas presenciais suspensas até o fim do ano
De volta!
Câmara de Corumbá adota medidas mais flexíveis e retoma atendimento presencial
Arte Popular
Jardim do Artesanato expõe e comercializa trabalhos de artesões da cidade
Fiscalização
Vereador solicita inclusão de Corumbá na CPI da Energisa na Assembleia