Menu
domingo, 25 de outubro de 2020
Geral

Corumbá teve aumento de 25 novos casos de Covid-19 em 10 dias

03 junho 2020 - 08h52Gesiane Sousa

A curva de crescimento de infectados pelo novo Coronavírus em Corumbá está ascendente. Do dia 23 de maio até ontem, 2  de junho, dia em que a secretaria de saúde emitiu o boletim epidemiológico atualizado, foram 25 novos casos, o que dá mais de dois casos por dia.

O rápido crescimento da curva pode estar ligado ao aumento das testagens, com a implantação do drive thru na cidade, desde o dia no dia 9 de maio. Recentemente, no dia 27 do mês passado, a secretaria de saúde do estado ampliou o número de testes no drive thru de Corumbá, que agora realiza 120 testes por semana. Segundo infectologistas e especialistas da área da saúde, os testes são essenciais para que o município tenha informações reais da atual condição de seus habitantes, para então definir estratégias eficientes de combate e controle do vírus.

Desde o mês de Março, Corumbá vem adotando medidas preventivas e restritivas a locomoção para deter a disseminação do novocoronavírus. As barreiras sanitárias instaladas nas entradas da cidade estão em funcionamento por mais de 60 dias, e mais de 15 mil pessoas já foram abordadas. Todos que entram em Corumbá por estradas regulares preenchem um cadastro com informações pessoais e tem a temperatura aferida. A barreira serve para controlar a entrada de pessoas com suspeitas de Covid-19.

Outro ponto é o transporte intermunicipal, paralisado por decreto desde o final de março, a cidade tem percebido um aumento descontrolado da clandestinidade. Pessoas oferecem “caronas” diariamente nas redes sociais e terminam se deslocando entre as cidades sem a segurança assegurada pelas empresas regularizadas no município. A prefeitura já admitiu ter conhecimento do transporte clandestino que ocorreo e afirmou estar avaliando a possibilidade de reabrir a rodoviária intermunicipal, para realizar um melhor controle da situação, porém até o momento nada foi divulgado.  Na última Live transmitida pela prefeitura, no final de maio, informaram que ainda estão realizando avaliação técica e as medidas que deverão ser adotadas pelas empresas credenciadas. Segundo o secretário de saúde Rogério Leite, as barreiras sanitárias também atuam nesse sentido, “percebemos um aumento dos transportes irregulares, clandestinos ou grupo de caronas. Sempre que os fiscais se deparam com uma situação desta o órgão competente é acionado imediatamente”.

O ponto positivo é que dos 44 casos confirmados, apenas um está internado, trata-se de uma mulher de 44 anos, notificada no dia 1º de junho. Outros 25 se recuperaram da doença e 18 estão em tratamento domiciliar, o que seginifica que apresentam quadro de saúde estável, sem sintomas graves da Covid-19. 

 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Evento
“Mulheres podem fazer ciência?” encerra programação do 1º Ciclo de Webconferências da UFGD
Encerramento domingo
Criatividade e atividades virtuais marcaram Outubro Rosa na pandemia
Despedida e Agradecimento
Bombeiros do Paraná e Distrito Federal encerram participação na Operação Pantanal II
Salvo
Tucano ferido é resgatado por moradora do Universitário
Colaborativo
MPT recebe sugestões de ações de combate à discriminação de pessoas negras no mercado de trabalho
Atualização Covid-19
MS registra 410 novos casos de coronavírus e 14 óbitos em 24 horas
Feliz Aniversário
Pelé 80 anos: vida longa ao rei do futebol
Trânsito
Motociclista fica ferido em colisão com moto e carro no Popular Velha
Leilão Encerrado
Aegea Saneamento vence leilão da PPP para universalizar esgotamento sanitário em MS
Violência Doméstica
Homem tenta invadir casa da ex e termina preso pela PM

Mais Lidas

Homicídio
Homem é encontrado morto no bairro Cristo Redentor
Flagrante
Traficante é preso com 16 quilos de maconha
Encerramento domingo
Criatividade e atividades virtuais marcaram Outubro Rosa na pandemia
Trânsito
Motociclista fica ferido em colisão com moto e carro no Popular Velha