Menu
segunda, 18 de janeiro de 2021
Andorinha - campanha dezembro
Andorinha - Dezembro
Geral

Corumbá tem a gasolina mais cara do Estado com novo reajuste

01 maio 2019 - 10h21Correio do Estado

Os preços dos combustíveis tiveram nova majoração nesta semana de quase 4% em relação à semana passada e podem subir ainda mais com a mudança amanhã na pauta fiscal dos produtos em Mato Grosso do Sul. Pesquisa da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), realizada entre 21 e 27 de abril em 88 postos do Estado, aponta que, somente na Capital, a gasolina subiu 1,43%, com valor médio chegando a R$ 4,163. O menor preço ficou em R$ 4,055, enquanto o mais caro chegou aos R$ 4,339.

No Estado, o preço médio ficou em R$ 4,255 para os consumidores, com a cotação mais elevada em Corumbá, que chegou a R$ 4,64 em média.

Já o preço médio do etanol teve aumento de 3,48% em uma semana nos estabelecimentos de Campo Grande, chegando a R$ 3,475 o custo médio. O valor mais em conta ficou em R$ 3,199 e o maior, em R$ 3,999. Em MS, a média ficou em R$ 3,552, avanço de 2,92% diante da semana passada.

O diesel apresentou média de R$ 3,686 no Estado. O valor mais barato registrado pela ANP foi de R$ 3,499 na Capital e o mais caro, de R$ 3,990 no município de Nova Andradina. A média na Capital foi de R$ 3,639. A pesquisa do diesel foi realizada em 50 postos de Mato Grosso do Sul.

Pauta

O consumidor de Campo Grande ainda deve se preparar para mais aumentos dos combustíveis nestes próximos dias. Com a mudança da pauta fiscal hoje, a majoração pode chegar a 4,29%, como no caso da gasolina. De acordo com tabela publicada semana passada no Diário Oficial da União pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), em relação à gasolina comum, o Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final (PMPF) do combustível sairá de R$ 4,1274 para R$ 4,3046 – um avanço de dezessete centavos. Para a aditivada, o novo valor de referência é de R$ 6,0955, o que representa alta de 1,79% em relação aos R$ 5,9880 praticados atualmente.

O etanol terá elevação de 1,11% e valor de referência fixado em R$ 3,4251, diferença de três centavos em relação ao preço médio em vigor, de R$ 3,3876.

Outro produto com acréscimo expressivo no preçomédio ao consumidor será a querosene de aviação, com alta de 4,01%, subindo de R$ 3,0698 para R$ 3,1928.

Ainda conforme o Ato Cotepe do Confaz, o valor de referência para o litro do diesel S-10 no Estado vai de R$ 3,7241 para R$ 3,7576, acréscimo de 0,89%. Já no óleo diesel, o reajuste ficará em 0,96%, com valores passando de R$ 3,6077 para R$ 3,6425 no próximo mês.

O gás de cozinha (GLP) traz uma surpresa, com leve queda de 1,03% nos valores. A tabela do Confaz estabelece preço de R$ 5,5146 – um pouco abaixo dos R$ 5,5718 praticados no mercado.

 Enquanto isso, o gás natural veicular (GNV) mantém o valor de referência igual ao atual. O preço médio para o combustível fica em R$ 2,9429.

O chamado Preço Médio Ponderado ao Consumidor Final é uma espécie de preço médio no comércio varejista de combustíveis e resulta de sondagem realizada pela Secretaria de Estado de Fazenda para fins de tributação.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ENEM
Confira as medidas de segurança durante a prova do Enem
EMPREGO
Eldorado Brasil oferece mais de 800 vagas para início imediato
Em Mato Grosso do Sul, são ofertadas novas posições para atuar nas unidades de Água Clara, Inocência e Selvíria
Coronavírus
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
CONCURSO DA PF
Polícia Federal publica edital de concurso com 1,5 mil vagas
POLICIAL
Com facada no coração, rapaz é deixado em frente padaria em cidade MS
SERVIÇOS
Em período chuvoso, saiba como receber alertas da Defesa Civil por SMS
PROCESSO SELETIVO
Sebrae abre processos seletivos com vagas na Capital e interior
São dois editais, sendo um para Pessoas com Deficiência. Salários chegam a R$ 4.802,92
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Povo das Águas atende ribeirinhos da parte alta do rio Paraguai a partir do dia 19
TURISMO
Turismo de MS espera vacinação e já planeja duas campanhas para fomentar o setor
SAÚDE
Decreto reabre crédito de R$ 1,6 bi para aquisição de vacinas

Mais Lidas

POLICIAL
Com facada no coração, rapaz é deixado em frente padaria em cidade MS
CONCURSO DA PF
Polícia Federal publica edital de concurso com 1,5 mil vagas
Coronavírus
Em 24 horas MS registra 1.316 exames positivos de Covid-19 e 13 mortes
GERAL
INSS: prazo para recorrer de auxílio-doença negado termina hoje