Menu
domingo, 26 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Corumbá destaca-se em número de altas a pacientes com Covid

16 abril 2021 - 11h37Mariana Conte

Em meio ao caos que Mato Grosso do Sul vive atualmente devido a pandemia que hoje contabiliza um total de 5.055 mortes de acordo com o Boletim Covid do Estado desta quinta-feira,15, o município de Corumbá tem se destacado com relação ao número de altas dos pacientes com a doença.

Desde o início da pandemia a Cidade Branca conta com uma boa estrutura hospitalar para atender os pacientes de Covid. Atualmente a Santa Casa de Corumbá possui 20 leitos para tratamento semi-intensivo, 20 leitos na enfermaria com suporte para ventilação mecânica e o governo do Estado disponibilizou para Corumbá nesta semana mais 10 leitos para UTI, resultando agora no total de 17 leitos UTI.

Segundo o médico Manoel João Costa Oliveira, plantonista em medicina intensiva da Covid, o município tem uma das melhores estrutura e corpo de saúde para tratamento da doença. De acordo com ele Corumbá tem registrado de 10 a 12 altas de pacientes por semana.

“E isso é devido a estrutura que montamos desde o início junto ao Prefeito Marcelo Iunes, com equipamentos, leitos e um excelente corpo clínico composto por médicos, fisioterapeutas e enfermeiros capacitados. Já conseguimos dar alta até para pacientes que aqui chegaram com 80% do pulmão comprometido. Posso dizer que hoje Corumbá conta com uma boa estrutura no setor de Covid”, comentou Manoel João.

O médico lembrou que pela boa estrutura Corumbá está recebendo para atender pacientes de outros municípios. “De ontem para hoje recebemos cinco pacientes de fora. Hoje por exemplo já demos alta para um paciente que veio de Bonito e que ficou dez dias entubado. Aqui trabalhamos para que o paciente saia com vida”, contou Manoel João.

Mesmo com um total de 324 mortes em Corumbá desde o início da pandemia o município destaca-se no Estado em número de altas devido a estrutura e o corpo clínico que possui para atender os pacientes de Covid.

Nesta semana Corumbá registrou uma morte no dia 13 de abril de um homem de 61 anos que tinha diabetes e doença cardiovascular crônica. Ele foi notificado com a doença no dia 28 de março.

VACINAS

O Governo do Estado recebeu na noite desta quinta-feira (15) o 13º lote com 77,9 mil doses da vacina contra Covid-19. Com a nova remessa, Mato Grosso do Sul soma 708.010 doses recebidas da vacina contra o coronavírus.

O 13º lote é composto por 31,4 mil doses da vacina Coronavac e 46,5 mil doses da vacina AstraZeneca. Com isso, Mato Grosso do Sul soma 708.010 doses recebidas do imunizante. O carregamento com as doses da vacina Coronavac desembarcou no Aeroporto Internacional de Campo Grande na noite desta quinta-feira.  Os imunizantes foram colocados no caminhão de transporte.

 

Paciente do município de Bonito que recebeu alta após 10 dias internado Foto: Divulgação
Corumbá tem uma boa estrutura para atender pacientes Foto: Divukgação

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Palestras
3ª edição da Semana da Saúde do Sesc tem foco nos reflexos da pandemia
SCT 2021
IFMS abre inscrições para Semana de Ciência e Tecnologia
Javaporco
PMA flagra criação ilegal de javalis em propriedade de Dourados
Alerta
De agendamentos a esquemas de 'pirâmides', entenda os maiores golpes do Pix em MS
Retomada
Fundtur recebe inscrições no Programa "Incentiva+MS Turismo" até 5 de outubro
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Balanço
Mais de 50% das drogas apreendidas na Operação Fronteiras e Divisas I são de MS
Economia
Comércio deve facilitar pagamento e ser cauteloso para o Dia das Crianças

Mais Lidas

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Desenvolvimento
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida