Menu
domingo, 26 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Construção da Casa da Mulher Pantaneira ganha apoio de prefeito corumbaense

11 abril 2018 - 09h59Câmara de Corumbá

A construção da Casa da Mulher Pantaneira ganha força em Corumbá a partir da adesão do prefeito Marcelo Iunes à iniciativa do vereador Tadeu Vieira que, no ano passado, solicitou autoridades federais, bem como ao Governo do Estado, ao Poder Executivo Municipal, visando tornar realidade na região, esta importante estrutura que vai permitir ampliar as ações em defesa da mulher.

O apoio a este importante projeto foi feito em um encontro do prefeito Marcelo Iunes com os vereadores corumbaenses, durante sessão da Câmara nessa terça-feira (10) à noite. O assunto foi ventilado a partir da preocupação demonstrada pelos vereadores, em especial Tadeu Vieira, em relação a uma maior estrutura voltada para ações e programas em defesa da mulher.

Marcelo destacou que se trata de uma obra importante para a região e que este assunto está sendo tratado com a primeira-dama Amanda Balancieri Iunes, secretária especial de Cidadania e Direitos Humanos. Sugeriu inclusive uma alteração no nome - Casa da Mulher Pantaneira Brasileira de Fronteira - o que fortalece as chances de buscar recursos federais para sua construção.

Tadeu Vieira celebrou a conquista. “Não é somente minha, mas de todas as mulheres pantaneiras dessa região de fronteira. O prefeito Marcelo sinalizou de forma positiva e que a construção da casa já foi discutida com a secretária. Isso me deixou muito feliz”, destacou, lembrando os inúmeros projetos e requerimentos já apresentados e aprovados pela Câmara, por ações e projetos em defesa das mulheres.

O vereador lembrou inclusive que Campo Grande já conta com uma Casa da Mulher Brasileira e que Corumbá também necessita de uma benfeitoria como esta. “É nosso dever e obrigação buscar e ajudar na solução de vários tipos de crimes que atingem a mulher brasileira. Em Corumbá, cidade localizada na fronteira, as mulheres também necessitam desse importante benefício, tanto para sua saúde, segurança, respeito e melhor convívio na sociedade. Essa é a minha obrigação, o meu respeito a todas as mulheres”, completou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Palestras
3ª edição da Semana da Saúde do Sesc tem foco nos reflexos da pandemia
SCT 2021
IFMS abre inscrições para Semana de Ciência e Tecnologia
Javaporco
PMA flagra criação ilegal de javalis em propriedade de Dourados
Alerta
De agendamentos a esquemas de 'pirâmides', entenda os maiores golpes do Pix em MS
Retomada
Fundtur recebe inscrições no Programa "Incentiva+MS Turismo" até 5 de outubro
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Balanço
Mais de 50% das drogas apreendidas na Operação Fronteiras e Divisas I são de MS
Economia
Comércio deve facilitar pagamento e ser cauteloso para o Dia das Crianças

Mais Lidas

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Desenvolvimento
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida