Menu
quarta, 22 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Com dor na garganta, homem passa mal, é socorrido e morre 3 horas depois em hospital

13 agosto 2018 - 10h09Midiamax

André Cláudio Vargas da Silva, de 43 anos, morreu na noite deste domingo (12) após passar mal com dores na garganta, no bairro São Francisco, em Campo Grande. Ele foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

A esposa de Cláudio contou que o marido passou a reclamar de dores na garganta por volta das 22 horas deste domingo (12). Ele sentou no sofá e relatou à mulher que a dor estava se expandindo para as costas, braços e pernas, e que não estava sentindo as pernas.

Vizinhos foram em socorro e fizeram massagem cardíaca até a chegada do Samu. Ele foi levado para o hospital, mas morreu três horas depois.

Segundo sua esposa, ele já teve um AVC (Acidente Vascular Cerebral) em outra ocasião. O caso foi registrado como morte a esclarecer.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Política
Brasil quer atrair mais investimentos privados, diz presidente na ONU
21 de setembro
Incêndios continuam e Corumbá não tem motivo para celebrar o dia da árvore
Mudança no prazo
Saúde mantém vacinação para adolescentes em MS
Dados Estatísticos
Índices de criminalidade apresentam queda em Mato Grosso do Sul
Limpeza
Nos dias 22 e 23 tem ação de combate à dengue no bairro Cravo Vermelho
Evento Virtual
Semana Temática do Empreendedorismo acontece nos dias 28, 29 e 30 de setembro
Crime
Concen pede ação da Polícia Civil no combate ao furto de fios de energia em MS
Maratona
Prorrogadas inscrições para o Hackathon IFMS
Naviraí
Casal preso por tráfico de aves silvestres recebe multa de R$ 2,5 milhões da PMA
243 anos
Corumbá celebra aniversário com retomada de desenvolvimento

Mais Lidas

Denúncia
Bar é fechado e proprietário é multado em R$ 5 mil por poluição sonora
Fronteira
Mulher presa com "cinturão de cocaína" receberia R$ 1.500 pela travessia
Oportunidade
Senac Corumbá abre inscrições para cursos na área da saúde
Tempo
Primavera terá La Niña de fraca intensidade, chuvas abaixo da média e muito calor