Menu
sábado, 25 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Cinco erros que o empresário deve evitar no Marketing e Vendas

24 julho 2021 - 09h21Redação

Pensando no cenário atual em que muitos empresários estão utilizando com mais frequência os recursos digitais para vender e divulgar seus produtos, o Sebrae/MS elencou cinco situações que devem ser evitadas quando o assunto é Marketing e Vendas. 
 
Segundo a instituição, é importante que o empreendedor ou responsável por essa função na empresa faça um planejamento prévio de como as ferramentas serão utilizadas no dia a dia do pequeno negócio. “As redes sociais de uma empresa devem ser utilizadas como um canal para conversar com o cliente. É necessário um questionamento sobre o público alvo que se quer atingir e relacionar com a vendas. Um dos componentes do marketing é promover o seu produto, uma saída bastante utilizada é a criação de conteúdos alternativos”, afirmou Rodrigo Sleiman, analista técnico do Sebrae/MS. 
 
De acordo com Sleiman, quando falamos de Marketing e Vendas, é importante em um negócio nascente o empresário conhecer para quem está vendendo, "É muito comum pensar em todo o planejamento mas as vendas não podem ser deixadas de lado. Quando se trabalha com Marketing é preciso abranger os quatro principais componentes: preço; produto; praça e promoção", complementa o analista. 
 
Confira as dicas: 
 
“Não tenho link do WhatsApp Business. Anota aí o número” – A orientação do Sebrae é o empresário utilizar todos os recursos do WhatsApp para se comunicar melhor e vender mais, como a criação de um link direto para o WhatsApp Business da empresa. O aplicativo é gratuito e está disponível para celulares Android e iPhone (iOS) e a alteração pode ser feita manualmente, a partir de um código disponibilizado por meio de ferramentas na web. 
 
“Quer que entrega? Vem buscar” – Mesmo com as portas abertas, o delivery, como ficou conhecido o serviço de entrega, deve permanecer nos negócios. Durante a pandemia, as vendas com entrega aumentaram significativamente, já que essa opção oferece segurança e conforto para o consumidor. A recomendação é manter um misto de atendimento, onde o comércio fique aberto no presencial e com atendimento delivery também.  
 
"Não estou no Google, mas para quê? Você já sabe onde fica" – O negócio que não está no Google fica invisível para clientes atuais e futuros na internet. É possível cadastrar a empresa gratuitamente no Google Meu Negócio. Acesse o site google.com.br/business
 
“Comentário, DM, Inbox, avaliação? Nunca nem vi” – É importante estar atento e sempre responder as mensagens, comentários e avaliações nas redes sociais da empresa. Vale lembrar que a forma mais eficiente de divulgação, é a indicação. Para isso, o empreendedor precisa ter um bom relacionamento com o público, respondendo as mensagens o mais breve possível. Outra dica é estar aberto a escutar e fazer as melhorias, diminuindo as reclamações. 
 
“Preço Inbox” – Omitir informações e preços dos produtos do cliente é crime, podendo até ter suas atividades suspensas. De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, o cliente tem direito ao acesso de forma direta a todas as informações do produto ou serviço oferecido. Por isso, nas redes sociais, a recomendação do Sebrae é comunicar o preço do produto no post, na legenda ou até mesmo em comentários, evitando o “preço por Inbox”. 
  
Tem muito mais informação no portal oficial ms.sebrae.com.br
   

Deixe seu Comentário

Leia Também

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Palestras
3ª edição da Semana da Saúde do Sesc tem foco nos reflexos da pandemia
SCT 2021
IFMS abre inscrições para Semana de Ciência e Tecnologia
Javaporco
PMA flagra criação ilegal de javalis em propriedade de Dourados
Alerta
De agendamentos a esquemas de 'pirâmides', entenda os maiores golpes do Pix em MS
Retomada
Fundtur recebe inscrições no Programa "Incentiva+MS Turismo" até 5 de outubro
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Balanço
Mais de 50% das drogas apreendidas na Operação Fronteiras e Divisas I são de MS
Economia
Comércio deve facilitar pagamento e ser cauteloso para o Dia das Crianças

Mais Lidas

Bairro Vila Mamona
Funcionários de construção amarram autor de furto e acionam PM
Capital
Presos usam celulares até em banho de sol na Máxima
Flagrante
Dupla é presa por tráfico de drogas na área central de Corumbá
Estava Foragida
Boliviana investigada por desastre da Chapecoense é mantida em Corumbá até extradição