Menu
domingo, 28 de novembro de 2021
Cassems - Rede Amo
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Casa Rosa: atendimento integrado contra o câncer de mama inaugura em novembro

26 outubro 2021 - 09h47Redação

Campo Grande já tem data para inaugurar a Casa Rosa, um espaço voltado para saúde da mulher na prevenção do câncer de mama. Proposta viabilizada pelo corumbaense, vereador na Capital, Dr. Victor Rocha, o projeto inovador começa a funcionar em novembro, na maternidade Cândido Mariano, com o diferencial de oferecer consultas integradas e resolutivas. 

"A gente idealizou um espaço onde será possível que a mulher tenha acesso completo à saúde, principalmente na prevenção ao câncer de mama. Na Casa Rosa será possível passar pela consulta com mastologista, fazer exame e, se for detectado nódulo, já passar pela biópsia. Tudo no mesmo dia", explica o vereador que também é médico mastologista. 

O início dos atendimentos será no dia 11 de novembro, a partir das 13h. Neste dia serão disponibilizadas 40 vagas de atendimento e, no dia seguinte, outras 40 mulheres poderão ser atendidas. No espaço, cedido pela Maternidade Cândido Mariano, haverá cinco consultórios, mamografia e ultrassonografia. 

“Como mastologista sei da importância do diagnóstico precoce no câncer de mama e do tratamento em tempo hábil. Por isso me comprometi com a criação da Casa Rosa, um espaço que deve funcionar pelo SUS, com a rapidez da rede privada e atendimento gratuito para a população de Campo Grande”, afirma o vereador. 

O projeto conta ainda com apoio do Deputado Federal Dagoberto Nogueira, que destinou emenda parlamentar de R$ 350 mil para iniciar os trabalhos. "Este é um grande projeto, inclusive o que me motivou a entrar na política, para poder democratizar o atendimento às mulheres e combater o câncer de mama", destaca Victor Rocha. 

O câncer de mama é o que mais atinge mulheres no Brasil e é por isso que a conscientização durante o Outubro Rosa é sempre importante. Em 2020 foram registrados 66.280 mil casos novos da doença no Brasil e 850 casos novos no Mato Grosso do Sul, com taxa estimada de 17,12 casos para cada 100 mil mulheres, segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer). 

“Nossa missão é viabilizar o atendimento das mulheres, pacientes do SUS, para que realizem consultas e seus exames de rotina em um único dia, ou seja, a mulher com mais de 40 anos será consultada e fará a mamografia no mesmo dia. Já as mulheres com idade inferior aos 40 anos, serão atendidas por equipe médica e havendo necessidade farão ultrassonografia no mesmo dia”, explica Victor Rocha.  

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Geral
Bombeiros atendem dois acidentes na BR 262
Esporte
Corumbaense e ladarense vencem campeonato de Fisiculturismo em Bonito
Policial
Jovem é assassinado após discussão no bairro Jardim dos Estados
Ele é irmão de um outro rapaz assassinado no Dom Bosco há 26 dias
Policial
PM apreende 47kg de cocaíma no bairro Aeroporto
Policial
Travesti é assassinada a golpes de faca na Edú Rocha
Curiosidades
A história de Owen
Campo Grande
Após 90 dias, Cassems registra primeira internação por Covid
Educação
Enem continua no domingo com conteúdos de Ciências da Natureza e Matemática
Naviraí
Rádio clandestina é fechada e um homem é pela Polícia Federal
Até 5 de dezembro
Marinha do Brasil abre inscrições para concurso de nível superior

Mais Lidas

Naviraí
Rádio clandestina é fechada e um homem é pela Polícia Federal
Até 5 de dezembro
Marinha do Brasil abre inscrições para concurso de nível superior
Furtada em 2015
Estátua de Bronze furtada do cemitério há seis anos era vendida em grupo de trocas na cidade
Sonho realizado
Casal de idosos ribeirinhos comemoram chegada de energia elétrica em casa