Menu
terça, 27 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Bombeiros utilizam fogo controlado para exterminar marimbondos em Ladário

07 março 2018 - 08h50Gesiane Medeiros

Enxame de marimbondos presente em árvore da Alameda Almirante Frontin, na região central de Ladário, próximo a condomínio militar da Marinha, atacavam pedestres e moradores do local. Viatura do corpo de bombeiros compareceu nesta terça (6) e conseguiu exterminar os animais que causavam grande transtorno.

Os moradores do residencial foram orientados a fechar as janelas e portas e os bombeiros precisaram utilizar técnica de fogo controlado para exterminar o enxame.

Para evitar problemas com marimbondos, abelhas e vespas, o Corpo de Bombeiros Militar recomenda:

- Evite movimentos bruscos e excessivos quando próximo a colmeias;

- Não grite, pois as abelhas e Maimbondos são atraídas por ruídos, principalmente os agudos;

- Evite operar qualquer máquina barulhenta próximo a colmeias. Examine a área de trabalho antes de usar equipamentos motorizados;

- Ensine as crianças a se precaver e não matar as abelhas, vespas ou marimbondos jogando pedras ou qualquer outro material onde estão concentrados;

- Se for atacado, proteja o pescoço e o rosto das picadas, com a ajuda de uma camisa ou outra vestimenta. Se a ferroada ocorrer na cabeça e/ou pescoço, procure imediatamente auxílio médico;

- Pessoas alérgicas a picada de insetos devem evitar caminhadas em áreas de mata, pois para quem é sensível à peçonha, apenas uma picada pode ser suficiente para gerar um choque anafilático;

- Caso seja alérgico a picadas, pergunte ao seu médico o que fazer;

- Caso alguém seja picado, é importante que faça a remoção imediata dos ferrões, pois eles continuam liberando peçonha gradativamente. A sua retirada interrompe esse processo;

- Após a picada, a abelha perde seu ferrão e a bolsa de peçonha e morre. Contudo, o mesmo não se aplica às vespas e marimbondos. Após picar eles estão prontos para atacar novamente;

- Em casos de formação de colmeias em residências, o proprietário deve acionar um apicultor especializado para a remoção do foco. Nos casos mais críticos, acionar o Corpo de Bombeiros pelo telefone 193.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Em Corumbá
Receita Federal publica Edital para leilão de 82 lotes
Município
Primeira parcela do IPTU 2021 vence nesta sexta-feira; pagamento à vista vai até 10 de agosto
Distribuição
Corumbá e Ladário recebem novas doses da vacina contra Covid
Novo Parceiro
Santhiago forma nova dupla e retorna para música
Olimpíadas 2021
Da tampa de isopor ao ouro olímpico, a longa jornada de Ítalo Ferreira
Ação Social
Famílias ribeirinhas recebem cestas básicas e cobertores
Financiamento Estudantil
Fies abre inscrições nesta terça-feira (27)
Agressão
Homem é preso após arremessar cadeira contra esposa
Nova Remessa
Mais de 110 mil doses de vacina contra Covid chegam esta semana em MS
Em redução
Julho segue com a menor média de casos de Covid no ano em MS

Mais Lidas

Pedrada
Briga de família termina com mãe ferida e filho preso
Última semana
Julho termina com intensa massa de ar polar; saiba quais serão os dias mais frios no Estado
Oportunidade
Inscrições para estágio na Justiça Federal terminam nesta terça (27)
Tráfico de Drogas
Mala com 14 quilos de pasta base é encontrada na rodoviária de Corumbá