Menu
domingo, 14 de julho de 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Andorinha - 76 anos - Junho 2024
Geral

Azambuja pede apoio de Bolsonaro na segurança das fronteiras e revitalização da malha ferroviária

19 agosto 2020 - 08h24Gesiane Sousa com informações do Governo de MS

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) aproveitou sua participação no evento de inauguração da Estação Radar, em Corumbá, nesta terça-feira (18), com a presença do presidente Bolsonaro, para pleitear apoio do governo federal em pontos importantíssimos para o Estado de Mato Grosso do Sul. Azambuja pediu pela manutenção da segurança integrada nas fronteiras e a revitalização urgente da Malha Oeste.

Em seu discurso, durante o evento, Azambuja afirmou que "quem protege as fronteiras, protege o Brasil! Esse radar com certeza vai criar as condições necessárias para nós coibirmos principalmente as entradas que nós temos hoje de entorpecentes e de ilícitos a baixa altitude que até então não poderia ser interceptada. É uma visão estratégica do nosso Estado".

Reinaldo Azambuja lembrou ainda que as forças policiais de Mato Grosso do Sul são parceiras do Governo Federal na proteção das fronteiras com Bolívia e Paraguai, sendo as principais responsáveis pela apreensão de drogas que irrigariam os grandes centros urbanos do Brasil.

"Registramos no ano de 2020 a maior apreensão de drogas da história de Mato Grosso do Sul de todos os tempos: 467 toneladas de entorpecentes nessa parceria. Isso mostra o quão importante é a integração entre as nossas forças de segurança. Somos gratos e pela parceria e pelo apoio", enumerou.

Sobre a malha ferroviária, o governador destacou que a importância da ferrovia de MS na integração latino-americana. “Se nós sairmos daqui presidente, de Corumbá, o senhor chega a Cochabamba, no país vizinho, com a ferrovia implantada e estabelecida. É possível acessar os portos chilenos, então nós teríamos com a revitalização da Malha Oeste a primeira e viabilizada integração sul-americana de Atlântico e Pacífico. Com certeza, ela traria uma grande capacidade de desenvolvimento social e de geração de oportunidade ao Brasil e, principalmente, ao Centro-Oeste brasileiro, tornando nossos produtos competitivos aos mercados internacionais", projetou.

Estação Radar

Os euipamentos instalados no aeroporto de Crumbá é composto por radares primário e secundário com capacidade de detectar aerovanes clandestinas em baixas altitudes no território aereo nacional, principalmente nas fronteiras com o Paraguai e a Bolívia, de onde vêm a maior parte da droga que entra no país. Com a Estação Radar em pleno funcionamento, a repressão ao tráfico internacional de drogas e armas ficará mais ostensivo.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Aumento de Temperatura
Ecoa analisa recuo do fogo no Pantanal e alerta para risco de novos incêndios nos próximos dias
Madrugada
Morador de rua morre em noite com frio de -4ºC em bairro da Capital
Na Capital
MS abre Paralimpíadas Escolares com foco na inclusão e no poder do esporte em transformar vidas
Virtual
Iphan realiza oficina de divulgação do Prêmio Rodrigo no Mato Grosso do Sul
Operação Pantanal II
Forças Armadas montam base avançada para acolher 100 brigadistas no Pantanal de MT
Conscientização
Dia Mundial do TDAH: especialista fala sobre sintomas, diagnóstico e tratamento
Destaque
Senac MS recebe selo 'melhores empresas para se trabalhar' pela segunda vez
Aposta
Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 15 milhões
Meio Ambiente
Biólogos tentam salvar fauna ameaçada pelo fogo no Pantanal
Plantão
Bombeiros combatem incêndios em terrenos baldios de Corumbá e Ladário

Mais Lidas

Madrugada
Morador de rua morre em noite com frio de -4ºC em bairro da Capital
Plantão
Motociclista sofre suspeita de fratura em colisão no centro
Plantão
Casa pega fogo durante a madrugada no bairro Aeroporto
Tempo
Sábado amanhece nublado e com termômetros marcando mínima de 10°C em Corumbá
Corumbá tem máxima de 18°C