Menu
domingo, 26 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Assentado é multado é R$ 5 mil por explorar madeira com uso de moto serra

09 fevereiro 2019 - 10h44Sylma Lima

Policiais Militares Ambientais de Aquidauana realizavam fiscalização ambiental na região do assentamento Andalúcia, próximo à cidade de Nioaque ontem (7) e constataram o corte ilegal de árvores nativas da espécie aroeira, para exploração da madeira, dentro da reserva legal coletiva (área protegida) do assentamento.

O criminoso havia realizado o corte de várias árvores e transformado em 60 postes de madeira que seriam vendidos por R$ 30,00 cada um, sem a devida licença ambiental. O infrator também utilizou uma motosserra que não possuía a licença de porte e uso (LPU), a qual foi apreendida, juntamente com a madeira e uma motocicleta usada na ação. As atividades foram interditadas.

O infrator (41), residente no assentamento, foi autuado administrativamente e multado em R$ 5.000,00, referente ao corte da vegetação e pelo uso ilegal de motosserra. O autuado foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Nioaque, juntamente com a motosserra e a motocicleta e responderá por crimes ambientais de exploração ilegal de madeira, que prevê pena de seis meses a um ano de detenção e por crime de uso de motosserra ilegal em florestas, pena de três meses a um ano de detenção.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Palestras
3ª edição da Semana da Saúde do Sesc tem foco nos reflexos da pandemia
SCT 2021
IFMS abre inscrições para Semana de Ciência e Tecnologia
Javaporco
PMA flagra criação ilegal de javalis em propriedade de Dourados
Alerta
De agendamentos a esquemas de 'pirâmides', entenda os maiores golpes do Pix em MS
Retomada
Fundtur recebe inscrições no Programa "Incentiva+MS Turismo" até 5 de outubro
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Balanço
Mais de 50% das drogas apreendidas na Operação Fronteiras e Divisas I são de MS
Economia
Comércio deve facilitar pagamento e ser cauteloso para o Dia das Crianças

Mais Lidas

Denúncia
Homem morre e família acusa médica da UPA de negligência
Imunização
Veja quem pode se vacinar neste fim de semana em Corumbá
Desenvolvimento
Comissão mista homologa consórcio que vai construir ponte da Rota Bioceânica em MS
Bonito
Mulher é multada em R$ 5 mil por desmatamento ilegal em área protegida