Menu
sábado, 31 de julho de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Expresso Mato Grosso - Promoção de Junho
Geral

Assassino de professora tenta enganar a polícia e acaba preso

10 março 2019 - 16h26Sylma Lima

O crime chocou a cidade de Corumbá nesta manhã de domingo, 10 de Março, dois dias após as comemorações do dia da Mulher. A professora Nadja Sol Neves, 38 anos, foi morta pelo ex companheiro Edevaldo Costa, com 36 facadas , por volta das 7:30h, na casa da vítima,  na Alameda Idalina, bairro Universitário.

Delegado Fernando Araújo prendeu o assassino em flagrante. Foto: Sylma Lima

Edevaldo, seguiu a professora após vê-la em companhia de amigos num pagode da cidade , e ficou de ‘espreita’ ate ela chegar em casa pela manhã. Após discussões , Edevaldo, pegou uma faca que estaria na janela do imóvel, e deu 36 golpes contra a professora porque ela pos fim a um relacionamento. Em seguida para fraudar o flagrante e escapar impune, ele foi e se apresentou na delegacia de polícia civil. Segundo o Delegado Fernando Araujo  da Cruz Junior, que preside este inquérito policial, “mantive preso porque a vítima já estava morta e havia perseguição policial” . Fernando explicou que ele vai responder por homicídio com vários agravantes como o ‘feminicidio’ ( homicídio qualificado pena de 12 a 30 anos de cadeia), além disso pode responder por outras qualificadoras como , motivo fútil, emboscada e traição. A lei Maria da Penha esta em vigor desde 2006 e crimes contra às mulheres continuam acontecendo, porque, os parceiros se recusam em perder e não aceitam que as ex parceiras tenham outro.

Professora Nadja Luz, mais uma vítima de feminicídio. Foto: Reprodução Face Book

Depoimento

À polícia civil Edevaldo disse que, viu a ex num pagode acompanhada de duas amigas e um homem. Ela saiu da casa noturna, ele foi atrás dela. Chegando na residência de Nadja, o carro dela estava estacionado, mas ela não se encontrava. Ele perguntou para vizinhos que afirmaram que a vítima deixou seu carro e entrou num outro ,cujas as características do condutor batem com a do homem que estava  no pagode. Ele ficou esperando ela chegar e partiu para a agressão com uma faca, que segundo o acusado, estava na janela. Nadja ainda tentou dizer para ele que estava gravida para que ele parasse com os golpes, as ele continuou até mata-la. Após perícia o delegado Fernando Araujo disse que a autopsia revelou que Nadja não estava gravida, “ possivelmente tentou se salvar, apelando , mas não deu certo” .

Quanto a Edevaldo ele tentou enganar a polícia se apresentando, acabou preso em flagrante delito (havia perseguição)  e deve passar por audiência de custodia, e com os agravantes do  diante do ‘modus operandis’ deve pegar mais de 30 anos de prisão.

Nadja havia saído com amigas para comemorar o aniversário de 38 anos neste domingo, 10, mas acabou morta tragicamente. Ela dava aula de Português nas escolas Pedro Paulo de Medeiros e Isabel Correa. A família estava fazendo uma ‘’vaquinha’ para custear o velório.

Faca usada no crime.  Perícia constatou 36 golpes no corpo da professora. Foto: Divulgação Polícia Civil

Deixe seu Comentário

Leia Também

Flagrante
Trio é preso por descaminho em ônibus irregular
Pedido Liminar
MPT pede suspensão de portarias do governo federal que altera normas de segurança no trabalho
Imunização
Veja quem pode se vacinar nesta sexta (30) em Corumbá
Calendário
Primeira parcela do IPTU 2021 vence hoje (30)
Açãode Marketing
Equipe do Bonito CVB visita Corumbá para parceria de divulgação turística
Pagamento Liberado
Servidores do município recebem salários de julho hoje (30)
Receptação
Homem vai parar na Delegacia por moto comprada no Trocas
Calendário
Inscrições para o Fies 2021.2 terminam às 23h59 de hoje (30)
Bombeiros
Incêndio destrói casa de madeira no bairro Industrial
GAPA
Grupo recebe R$ 40 mil para projeto de castração animal em Corumbá

Mais Lidas

Receptação
Homem vai parar na Delegacia por moto comprada no Trocas
Fronteira
Bilhete com ameaças foi deixado sobre sacos com partes do corpo de rapaz sequestrado em MS
Flagrante
Trio é preso por descaminho em ônibus irregular
Imunização
Veja quem pode se vacinar nesta sexta (30) em Corumbá