Menu
sexta, 17 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Ao descobrir que seria morto, homem executa policial pistoleiro na fronteira

23 agosto 2018 - 09h57Midiamax

Um suboficial da polícia paraguaia e seu colega que foram executados no fim de semana, em Pedro Juan Caballero, fronteira com Ponta Porã, teriam sido assassinados depois da descoberta de que seriam pistoleiros contratados para executar uma pessoa.

Eles teriam sido atraídos para uma emboscada quando foram executados a tiros em uma estrada vicinal a 40 quilômetros de Ponta Porã. O suboficial Diego Maidana Vilagra e seu colega Mauricio Jara foram mortos a tiros de fuzil após uma perseguição.

Segundo o site Porã News, a vítima do ‘contrato’ de execução teria descoberto o plano e que o suboficial teria sido contratado para matá-la. No local, a polícia encontrou evidências que podem ajudar na identificação dos autores da execução.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Bodoquena
Assentamento é multado em R$ 60 mil por incêndio no Pantanal
Ambiente Competitivo
MS é o quarto estado que mais dispensa alvarás e licenças; afirma Fecomércio
Sustentabilidade
MS vai ganhar uma nova usina de energia solar em 2022
Imunização
Mato Grosso do Sul recebe mais 85.240 doses de vacina contra a Covid-19
"Branca Pura"
Operação apreende 47 quilos de cocaína; carga é avaliada em R$ 650 mil
Campo Grande
Tesouro Nacional reprova administração do prefeito Marquinhos Trad e secretário
Saúde
Campanha alerta que família tem palavra final na doação de órgãos
Economia Nacional
Governo encaminha ao Congresso plano de redução de benefícios fiscais
Criminoso
Polícia investiga incêndio na ponte do Saran na Estrada Parque
Conscientização
Abertura da Semana Nacional de Trânsito acontece dia 18 em Corumbá

Mais Lidas

Sem Transparência
Contas da Santa Casa continuam na mira de investigação do legislativo
Mudança no Tempo
Vento forte derrubou duas árvores em Corumbá
Evento
17º Amistoso da Diversidade é neste sábado (18) no Centro América
Imunização
Veja quem pode se vacinar nesta quarta (15) em Corumbá