Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Alunos do Moinho Cultural do Programa Vale Música celebram 250 anos de Beethoven

Série de vídeos com repertório exclusivo foi idealizada pela Orquestra Ouro Preto para os projetos de formação musical do Programa Vale Música

08 dezembro 2020 - 14h57Assessoria de Imprensa Vale

 O Grupo de Cordas e Madeiras do Instituto Moinho Cultural, de Corumbá, é protagonista do quinto vídeo, lançado nesta terça-feira, do repertório exclusivo que a Orquestra Ouro Preto desenvolveu em comemoração dos 250 anos de Beethoven com alunos do Programa Vale Música - Instituto Moinho Cultural (MS), Vale Música Serra (ES) e Vale Música Belém (PA).

Por meio de aulas à distância, professores especialistas guiaram os alunos em gravações inéditas a partir do tema do "Rondo", do célebre "Concerto para Violino". As versões ganharam temperos brasileiros, em arranjos para percussão, cordas e sopros, tudo com muita originalidade e gravadas de dentro das casas dos alunos. Ao final, juntos, esses movimentos formam uma obra única que celebra, também, o trabalho feito ao longo de 2020 entre alunos e professores. O resultado, com sete variações especiais, pode ser visto no site da Orquestra Ouro Preto. Mais dois vídeos serão lançados até final de dezembro.

Samara Perucci é estudante de flauta do Instituto Moinho Cultural e se apresenta junto com o Grupo de Cordas e Madeiras no quinto vídeo, intitulado Toada pelo Rio Reno. "O intercâmbio deste ano superou as expectativas. Os professores passaram muita segurança e nos ajudaram a lidar com as dificuldades da distância. Gostei muito das aulas, aprendi coisas novas e as que eu já sabia pude me desenvolver mais", conta a jovem.

Para o Maestro Rodrigo Toffolo, a experiência foi um marco na carreira dos jovens artistas. "O processo de gravar representa para um músico o desafio maior. É deixar sua marca, seu som para a posteridade, é como diz aquela máxima esportiva: treino é treino, jogo é jogo". Ao longo deste caminho de troca e aprendizagem, que culminou com a gravação dos arranjos em vídeo, os alunos tiveram a oportunidade de se tornar músicos melhores e mais seguros de si. Os vídeos finais corroboram todo o processo através da alegria, do orgulho e da autoestima de um trabalho conjunto compartilhado.


Christiana Saldanha, Gerente do Instituto Cultural Vale, avalia que o ano em isolamento trouxe desafios, mas também superação. "Ao longo de 2020 a rede colaborativa de ensino e aprendizagem que é o Programa Vale Música estabeleceu uma conexão ainda mais próxima, apesar do distanciamento social. Virtualmente, os estudantes participaram de várias atividades e elevaram sua percepção musical nesse processo didático de excelência conduzido pela Orquestra Ouro Preto. É com alegria que vemos o encerramento deste ciclo através dos vídeos produzidos e do crescimento de cada um dos nossos alunos", afirma.

 

Confira a agenda de vídeos:


Vídeo 1 - Disponível
Moinho Corpo Funk
Arranjo: Leonardo Gorosito
Grupo de Percussão do Instituto Moinho Cultural - MS
O tema de Beethoven ganha a irreverência do funk e uma percussão corporal, cheia de personalidade.


Vídeo 02 - Disponível
Serra Bossa Jazz
Arranjo: Nélson Ayres
Vale Música Jazz Band - ES
A mistura da bossa nova brasileira e do jazz contemporâneo com o clássico de Beethoven revelam sons primorosos com arranjos do grande pianista e compositor Nelson Ayres.


Vídeo 03 - Disponível
Desafio 2.5.0
Arranjo: Fred Natalino
Grupo de Cordas Vale Música Belém - PA
A sonoridade armorial ganha a companhia da composição magistral de Beethoven. Um som pulsante, arrebatador.


Vídeo 04 - Disponível
Canção para Ninar Elisa
Arranjo: Fred Natalino
Orquestra Jovem Vale Música - ES
O afago sob a forma de música. As partituras de Beethoven recebem o acalanto de uma canção de ninar.


Vídeo 05 - Disponível
Toada pelo Rio Reno
Arranjo: Fred Natalino
Grupo de Cordas e Madeiras do Instituto Moinho Cultural - MS
A sonoridade de uma toada pantaneira ecoa em homenagem ao grande gênio da música: Beethoven.


Vídeo 06 - Lançamento em 15/12/2020
Beethoven Beat
Arranjo: Leonardo Gorosito
Grupo de Percussão Vale Música Belém - PA
A força pulsante do maracatu atômico, típica do movimento Mangue Beat, traduz a música de Beethoven para uma realidade vibrante.


Vídeo 07 - Lançamento em 23/12/2020
Finale - Concerto Integração
Arranjo: Fred Natalino
Todos juntos.
A alegria, o orgulho e a autoestima, em conexão com a música produzida em diversos cantos do país, culminando na união de todos os envolvidos.


Iniciativa: Instituto Cultural Vale
Realização: Orquestra Ouro Preto

Sobre o Programa Vale Música
Desde o início dos anos 2000 a Vale cria oportunidades para estudantes participarem de formações musicais e desenvolverem seus talentos nos estados do Espírito Santo, Minas Gerais, Pará e Mato Grosso do Sul. Em 2019, a empresa criou o Programa Vale Música, uma rede colaborativa de ensino e aprendizagem composta pelos projetos musicais dos quatro estados e as maiores orquestras do país. Ao todo, a rede envolve mais de 240 profissionais e mais de 1.000 estudantes. São parceiras do Programa Vale Música a Orquestra Sinfônica Brasileira, a Orquestra Ouro Preto e a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, patrocinadas pela Vale por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Sobre a Orquestra Ouro Preto
Uma das mais prestigiadas formações orquestrais do país, a Orquestra Ouro Preto completou 20 anos de atividades ininterruptas em 2020. Sob a regência e direção artística do Maestro Rodrigo Toffolo, o grupo se dedica à formação de diferentes públicos, com uma extensa programação nas principais salas de concerto e espaços diversos no Brasil e no mundo. Sob os signos da excelência e versatilidade, atua também em projetos sociais e educacionais que vão muito além da música, como o Núcleo de Apoio a Bandas e a Academia Orquestra Ouro Preto. Premiado nacionalmente, o grupo comemora uma trajetória com 12 trabalhos registrados em CD, sete DVDs. Foi vencedora do Prêmio da Música Brasileira em 2015, na categoria "Melhor Álbum de MPB", e indicada ao Grammy Latino 2007, como "Melhor Disco Instrumental", por Latinidade. Os discos "Latinidade - Música para as Américas", "Antônio Vivaldi - Concerto para Cordas" e "The Little Prince", versão em inglês do tributo prestado pela Orquestra à literatura de Saint-Exuperry, tem distribuição mundial pela gravadora Naxos, a mais importante do mundo dedicada à música de concerto.

Sobre o Instituto Cultural Vale
O Instituto Cultural Vale é um instrumento de transformação social com o propósito de democratizar o acesso e fomentar a arte, a cultura e o desenvolvimento das expressões artísticas regionais. Com o objetivo de gerar impacto positivo na vida das pessoas e construir um legado para futuras gerações através da produção cultural, tem, sob sua gestão, mais de 60 projetos criados, apoiados ou patrocinados pela Vale em mais de 50 municípios brasileiros em 2020. Dentre eles, uma rede de espaços culturais próprios com visitação gratuita, atuação junto a escolas e organizações sociais, com identidade e vocação únicas: Memorial Minas Gerais Vale (MG), Museu Vale (ES), Centro Cultural Vale Maranhão (MA) e Casa da Cultura de Canaã dos Carajás (PA). Fechados temporariamente desde março de 2020 em função da pandemia da Covid-19, estes espaços mantêm programação online gratuita em seus canais próprios, para conservar vivo o diálogo com seus públicos.

Sobre o Instituto Moinho Cultural
Localizado em Corumbá (MS), há 16 anos o Instituto Moinho Cultural Sul-Americano transforma vidas. São ofertadas para crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade e risco social aulas de ballet e música clássica, dança contemporânea, tecnologia e informática, apoio escolar e grupo de convivência e fortalecimento de vínculos. O Moinho também beneficia crianças e jovens do município de Ladário e das cidades bolivianas Puerto Suarez e Puerto Quijarro, o que possibilita um importante intercâmbio cultural.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá