Menu
domingo, 17 de outubro de 2021
Andorinha - Setembro e Outubro
Andorinha - Outubro e Novembro - MOBILE
Geral

Alunos da zona rural reclamam de dificuldades no retorno para casa

06 outubro 2021 - 10h26Redação com informações da Câmara de Corumbá

A Câmara Municipal de Corumbá iniciou entendimentos com a Prefeitura e com a empresa responsável pelo transporte coletivo de passageiros, Viação Cidade Corumbá, no sentido de adequar horários de viagens para a Zona Rural, e atender alunos do ensino médio que frequentam escolas na área urbana, em período integral, e estão tendo dificuldades para retornar às suas casas, no final das aulas. 

O assunto foi levantado esta semana, durante sessão do Poder Legislativo corumbaense, por um grupo de estudantes da Escola Estadual Júlia Gonçalves Passarinho (JGP), que foram à Câmara a convite do vereador Alexandre Vasconcellos, para expor o problema. 

O grupo frequenta o 2º ano do curso de Auxiliar Jurídico, e estava acompanhado da professora Bruna Gonçalves, de Direito do Consumidor, e Harri Mendes, de Direito Civil. 

Na oportunidade, o aluno Felipe Ribeiro de Souza ocupou a tribuna da Câmara e em nome dos colegas, pediu apoio da Casa de Leis, para atender os estudantes que residem nos assentamentos de Corumbá. 

Ele explicou que o ensino é em período integral e as aulas se encerram às 15h20. “Temos muitos alunos que moram na Zona Rural, nos assentamentos, e todos têm dificuldades para chegar às ruas casas após as aulas, o que geralmente acontece somente no período noturno”, explicou. 

Felipe argumentou que o horário do transporte coletivo para a zona rural é às 17h40. “Como as aulas terminam às 15h20, todos são obrigados a ficar aguardando o transporte e só chegam em casa à noite. É preciso ter um horário de viagem logo após o final das aulas para que todos possam retornar ainda cedo, de dia, om tempo de fazer o dever de casa, descansar e retornar no dia seguinte com disposição”, afirmou. 

Diante do pedido, os vereadores optaram por encaminhar um requerimento à Prefeitura, por meio da Agência Municipal de Trânsito e Transporte (Agetrat), e à Viação Cidade Corumbá, buscando flexibilização do horário de transporte coletivo de passageiros para a zona rural, atendendo alunos não só da Escola JGP, mas de outros estabelecimentos de ensino da cidade, que cumprem o regime de ensino integral. O documento foi assinado por todos os vereadores. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Inédito
Tempestade de areia: Energisa recebeu 4 mil chamados em Campo Grande
Dia Mundial da Alimentação
Em MS, 69% da população está com excesso de peso e 36% com obesidade
Ensino Superior
UEMS investe mais de R$ 13 milhões em bolsas e auxílios para estudantes
Transporte
Expresso Queiroz tem autorização suspensa por incapacidade de atender passageiro
Defesa Civil
Tempestade de poeira e vendaval causaram estragos em pelo menos sete nos municípios
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá
Previsão Meteorológica
Tempo continua fechado com chance de mais chuva para grande parte do Estado
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas

Mais Lidas

Tragédia
Médico do interior de SP é um dos sobreviventes de barco que naufragou; quatro parentes morreram
Tragédia
Naufrágio no rio Paraguai deixou sete pessoas desaparecidas
Atualizações
Dois dos corpos encontrados no rio Paraguai são identificados
Cidade em alerta
Ventos de 64 km/h destelharam 20 casas em Corumbá