Menu
sábado, 18 de setembro de 2021
Expresso Mato Grosso - Junho
Geral

Aluna do Sesi da Capital é convidada para publicar projeto em revista científica

15 fevereiro 2021 - 10h08ASCOM FIEMS

Depois do desenvolvimento do projeto de iniciação científica “Empoderamento Feminino em Quadrinhos”, a estudante Anna Luiza Costa da Cruz, aluna da 3ª série do Ensino Médio da Escola do Sesi de Campo Grande, foi convidada para ter seu trabalho publicado no periódico semestral da revista científica Brazilian Journal of Development (Qualis B2).

 Anna Luiza da Cruz desenvolveu o trabalho durante o ano de 2020 nas aulas de iniciação científica. O objetivo de sua pesquisa era demonstrar a importância das mulheres durante da história da humanidade, exaltando suas conquistas e como elas contribuíram para o mundo como o conhecemos hoje.

 Seu produto final foi uma história em quadrinhos em que a protagonista passava por todas essas figuras femininas históricas e exaltava seus feitos, dando ênfase as mulheres que, por ventura, foram esquecidas pelos registros históricos. Além desse convite, ela também apresentou seu trabalho na Fecintec (Feira de Ciência e Tecnologia de Campo Grande) e na Mocc (Mostra Científica do Cerrado).

 O trabalho envolveu várias etapas, como a pesquisa, o levantamento de dados e a produção do material. O critério utilizado para convite da revista Brazilian Journal of Development, segundo os editores, foi a relevância do trabalho em seu campo de estudo. Na avaliação do professor Edgar Gomes, orientador do projeto, a ciência tem o objetivo de apresentar aos alunos o mundo acadêmico e dar a eles o primeiro contato com a produção de artigos científicos e publicações neste formato.

 “A Anna apresenta um talento muito grande para o desenho e demonstrou um interesse excelente para as causas sociais. Desta forma, conseguimos unir os dois na produção de seu trabalho. É uma pesquisa que envolve informação histórica, opinião pessoal e um toque artístico”, afirmou Edgar Gomes.

Já para a aluna Anna Luiza Costa da Cruz o trabalho tem o papel de demonstrar a importância da mulher em nossa sociedade. “Muitas mulheres que tiveram enorme importância na história da sociedade, foram encobertas por homens de suas épocas, isto é, eles levaram os créditos por conquistas femininas. Com esse trabalho podemos ao menos diminuir um pouco dessa injustiça histórica”, finalizou.

Anna Luiza desenvolveu o trabalho durante o ano de 2020 nas aulas de iniciação científica Foto: Divulgação

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Tentativa de Homicídio
Adolescente é socorrido com perfuração de bala na coxa
Auditoria
Brechas favorecem corrupção em mais de 90% das organizações públicas de MS, revela TCU
Espancamento
Rapaz vítima de agressão é socorrido inconsciente no bairro Camalote
Trânsito
Motociclista é socorrido com fratura na perna
Limpeza
Centro e Aeroporto recebem mutirão da dengue
23 vagas
Inscrição para o processo seletivo da Saúde de Corumbá termina às 17h de hoje
Imunização
Veja quem pode se vacinar nesta sexta (17) em Corumbá
PMA
Usina é multada em quase R$ 2 milhões por incêndio em áreas protegidas por lei
Cursos Grátis
Confira programação das carretas do Cidade Empreendedora em Corumbá
Repasses
MEC lança Painel de Investimentos em Educação Básica

Mais Lidas

Espancamento
Rapaz vítima de agressão é socorrido inconsciente no bairro Camalote
Trânsito
Motociclista é socorrido com fratura na perna
23 vagas
Inscrição para o processo seletivo da Saúde de Corumbá termina às 17h de hoje
Homenagem
Praça Palestina em Corumbá completa dois anos de criação