Governo - Campanha HPV

Vereador sugere posto de fiscalização de transporte de pessoas na fronteira

Por Assessoria de imprensa15 MAI 2018 - 12h14min
Foto: Divulgação - Sugestão de Tadeu é que fiscalização seja implantada em antigo posto de pedário na Ramão Gomez

A implantação de um posto de fiscalização na região de fronteira com atribuições voltadas ao transporte de pessoas, especialmente crianças, foi sugerida pelo vereador Tadeu Vieira à Prefeitura de Corumbá, como forma de combater crimes, especialmente o tráfego de pessoas.

A sugestão foi feita pelo vereador durante sessão da Câmara, em forma de requerimento em regime de urgência especial, e aprovado pelos demais pares da Casa de Leis.

O requerimento será encaminhado ao prefeito Marcelo Iunes; ao procurador geral do Município, José Luiz Aquino de Amorim; ao secretário especial de Segurança Pública e Defesa Social, César Freitas Duarte, e ao comandante da Guarda Municipal de Corumbá, Claudinei Soares Gonçalves.

Tadeu sugere que estas autoridades busquem entendimento com a Superintendência da Polícia Rodoviária Federal, no sentido de ceder ao município, uma estrutura com cobertura existente na BR 262 (Rodovia Ramão Gomez), em frente ao prédio da PRF, onde já funcional o posto de pedágio.

“Já existe uma estrutura e a nossa sugestão é que seja implantado este posto para fiscalizar o transporte de pessoas, das crianças, que, muitas vezes, entram na Bolívia sem documentos”, explicou Tadeu. “A fiscalização, nesse caso, seria feita desenvolvida em parceria pela Polícia Rodoviária Estadual e Guarda Municipal, com cada uma cumprindo suas atribuições, cabendo à Guarda, fiscalizar o transporte de pessoas”, continuou.

O vereador lembra que a rodovia é Federal. No entanto, ele acredita que não haverá problemas na cedência do espaço, bem como no estabelecimento de uma parceria entre o Município e o Estado, para um trabalho conjunto.

“Isso será muito importante para melhorar a segurança das nossas famílias, dos nossos jovens e das nossas crianças que, muitas vezes, atravessam a fronteira sem nenhuma documentação de identificação. Dessa forma, vamos evitar vários tipos de crimes na região de fronteira”, completou.

Pedágio

Durante a discussão da matéria, o vereador Yussef Salla lembrou que o local poderá também servir de posto de pedágio, como já foi antigamente, caso seja aprovado um Projeto de Lei (reapresentado por ele), instituindo cobrança de pedágio na fronteira, de veículos com placas de fora, com renda revertida aos Fundos de Assistência Social e da saúde, em especial ao hospital de Corumbá.

 

Deixe seu comentário

Leia Também

Acessibilidade

Vereador pede ao Governo, recuperação de calçada de escola estadual

Educação

Com diretores da REME, Prefeitura celebra Dia dos Professores

Meio ambiente

PMA realiza soltura de jacaré-de-papo-amarelo capturado por bombeiros

Economia

MS teve 2,2 mil demissões por acordo desde o início da reforma

Acessibilidade

Solicitada recuperação de passarela de acesso a escola em Porto Esperança

Geral

Dois morrem afogados em córrego e amigos usam anzol para encontrar corpos

Geral

Depois de alerta de emergência, Rio Miranda volta ao nível normal