Menu
terça, 10 de dezembro de 2019
Campanha Viajar Andorinha - Abraço
Mobile - Campanha Viajar Andorinha - Felicidade
Geral

Vereador pede definição sobre implantação da feira noturna na esplanada

14 agosto 2019 - 09h54Câmara de Corumbá

A implantação de uma feira livre noturna na região da antiga estação ferroviária de Corumbá foi reforçada pelo vereador Tadeu Vieira que, durante sessão da Câmara, pediu uma posição do Poder Executivo em relação ao assunto.

A solicitação foi feita por feita por meio de requerimento endereçado ao prefeito Marcelo Iunes, bem como aos secretários Ricardo Ametlla, de Infraestrutura e Serviços Públicos, e Luiz Henrique Maia de Paula, de Finanças e Gestão, para que sejam tomadas providências quanto à implantação dessa feira noturna.

Tadeu lembrou que o projeto previa uma feira na praça existente em frente à antiga estação ferroviária, atrás do Ginásio Poliesportivo, com expectativa de que se tornasse um novo produto turístico da cidade.

Além da feira, o vereador pediu providências cabíveis visando a recuperação do prédio da estação para abrigar setores da própria Prefeitura. “O prédio da antiga agência da NOB está totalmente abandonado. Temos certeza que teria uma utilidade imensa para o Poder Executivo Municipal, abrigando vários setores da Administração Pública Municipal, como postos de arrecadação, de vacinação, de orientação aos turistas e tantos outros benefícios que ajudariam a nossa população e aos turistas que visitam a nossa cidade”, reforçou.

Trânsito

O vereador pedetista está ainda solicitando à Prefeitura, a remoção de um conjunto semafórico existente na Rua Major Gama com a Monte Castelo, transferindo-o para o cruzamento da Rua Firmo de Matos com a Duque de Caxias.

O pedido foi direcionado ao prefeito Marcelo Iunes; ao secretário de Infraestrutura e Serviços Públicos, Ricardo Ametlla; ao procurador geral do Município, Alcindo Cardoso do Vale Junior, e ao diretor da Agetrat, Alexandre do Carmo Taques de Vasconcellos.

Ele explicou que o fluxo de veículos na Firmo de Matos com a Duque de Caxias é intenso, inclusive com elevado índice de acidentes, ao contrário do que ocorre na Major Gama com a Monte Castelo.

Oncologia

Outra reivindicação de Tadeu Vieira se refere à liberação de seis leitos na parte superior do Hospital de Corumbá (1º andar), para que sejam ocupadas definitivamente pelo Centro de Oncologia, com acesso pela Rua Colombo, para atender pacientes com câncer que necessitam de internação.

O pedido foi direcionado ao prefeito Marcelo Iunes; ao secretário de Saúde, Rogério Leite; ao procurador do Município, Alcindo Cardoso do vale Junior; ao promotor de Justiça do Estado de Mato Grosso do Sul em Corumbá, Luciano Bordignon Conte, bem como à Junta Interventora na Sociedade Beneficência Corumbaense em Corumbá.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Garantido
Ações culturais de MS para 2020 conquistam apoio do Secretário Nacional de Cultura
Carne
Queda no preço da arroba do boi não chega aos açougues
Educação
MEC divulga novas diretrizes do ensino médio em tempo integral
Cultura
Exposição dos alunos da Apae Corumbá e Campo Grande unem patrimônio cultural e inclusão social
Comércio
Postura intensifica fiscalização de ambulantes em Corumbá
Morando Sozinho
Idoso é socorrido com suspeita de AVC em casa da rua Cabral
Alerta
Vizinhos impendem incêndio em residência com chá erva mate esquecido no fogão
Cidade
TJMS derruba liminar e prefeitura determina reinício imediato de obras
Previsão do Tempo
Com máxima de 32°C chuvas devem continuar nesta terça-feira em MS
Porteira Aberta
Empresas de MS e de outros cinco Estados na mira da PF por esquema de propina na agropecuária
Investigação aponta que esquema criminoso movimentou mais de R$ 6 milhões em propinas a servidores públicos de fiscalização sanitária federal

Mais Lidas

Garantido
Ações culturais de MS para 2020 conquistam apoio do Secretário Nacional de Cultura
Carne
Queda no preço da arroba do boi não chega aos açougues
Educação
MEC divulga novas diretrizes do ensino médio em tempo integral
Cultura
Exposição dos alunos da Apae Corumbá e Campo Grande unem patrimônio cultural e inclusão social