Menu
terça, 07 de abril de 2020
Andorinha - Medidas Preventivas Coronavírus
Andorinha - medidas preventivas
Geral

TSE informa que calendário eleitoral para filiação de candidatos será mantido

20 março 2020 - 10h10Portal da Educativa

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu nesta quinta-feira, 19, por unanimidade, confirmar o dia 4 de abril como data limite para a filiação partidária de quem pretende concorrer às eleições municipais deste ano. O tribunal disse não ter o poder de alterar o calendário previsto pela legislação eleitoral.

O adiamento do prazo havia sido requerido pelo deputado Glaustin Fokus (PSC-GO), na sexta-feira (13), tendo em vista a pandemia do novo coronavírus (Covid-19) declarada pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

De acordo com o TSE, o calendário das eleições municipais está previsto na Lei das Eleições (9.504/1997) e que a Justiça Eleitoral não tem o poder de alterar as datas, sendo o prazo para filiação partidária “insuscetível de ser afastado” pelo tribunal, disse a presidente da Corte Eleitoral, ministra Rosa Weber.

O prazo de filiação partidária é o marco mais próximo do calendário eleitoral desde o agravamento da crise provocada pelo Covid-19. Com a decisão desta quinta-feira (19), o TSE indica ao Legislativo que qualquer modificação nas datas eleitorais como um todo, em decorrência da pandemia, depende de aprovação no Congresso.

“Esses prazos não estão à disposição do TSE, eles constam da legislação federal”, reforçou o ministro Luís Roberto Barroso, que assume o comando do TSE em 19 de maio e deve estar à frente da Justiça Eleitoral durante a realização do pleito nos municípios, cujo primeiro turno está marcado para 4 de outubro.

Após a sessão, Barroso afirmou que a Justiça Eleitoral não trabalha, no momento, com um eventual adiamento das eleições municipais. “Por enquanto, não cogitamos essa possibilidade. Cada dia com sua agonia. Tenho fé que até outubro tudo terá sido controlado.”

Sessões

Também nesta quinta-feira (19), o TSE decidiu que as sessões de julgamento presencial da Corte serão realizadas com o espaçamento de 15 dias, de modo a reduzir o contato entre os ministros. Foi aprovada uma resolução que permite a análise virtual de todos os tipos de processo, de forma semelhante ao estabelecido na quarta-feira (18) pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), João Otávio Noronha, por sua vez, decidiu prorrogar o cancelamento de todas as sessões presenciais até 17 de abril, e autorizou o trabalho remoto para a grande maioria dos servidores.

No Tribunal Superior do Trabalho (TST), as sessões presenciais estão suspensas até 31 de março.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Confirmado
Paciente com Covid-19 internado na Santa Casa apresenta quadro estável
O tão Aguardado
Aplicativo para cadastro do Auxílio Emergencial de R$ 600 já está disponível
Com Cautela
Detran-MS retoma atividades dia 13 com alerta para evitar aglomerações
Tempo
Terça-feira de céu nublado e máxima de 31°C em MS
Condenada à morte
Após 20 dias de atropelada, idosa morre e motorista bêbado segue em liberdade
Alívio
Sem grandes recursos, a prevenção ao Covid-19 é a melhor estratégia para Ladário
Testes de dois pacientes ladarenses com suspeita de Coronavírus deram negativos
Economia
Bancos processam 2 milhões de pedidos de renegociação de dívidas
Valor chega a R$ 200 bilhões, segundo a Febraban
Dica Boa
Em tempos de quarentena, aproveitamento integral de alimentos é essencial
Burlando a Crise
Na capital, empreendedores apostam em delivery para vender na Páscoa
Energia Elétrica
Conta de luz sofrerá reajuste na quarta-feira

Mais Lidas

Condenada à morte
Após 20 dias de atropelada, idosa morre e motorista bêbado segue em liberdade
Escolta até a Fronteira
Mesmo impedidas empresas de transporte mantém percurso por Corumbá
Adaptação
Detran-MS altera calendário de licenciamento de 2020
Cidade
Rixa entre gangues deixa dois esfaqueadas em bairro de Ladário