Matrículas - Sesi

Tristeza e dor no sepultamento do prefeito de Corumbá Ruiter Cunha

Por Gesiane Medeiros02 NOV 2017 - 10h05min
Uma multidão acompanhou sepultamento de Ruiter. Foto: Laura Toledo/TV Morena

O dia de finados de 2017 jamais será esquecido pela polulação corumbaense, que sepultou na manhã desta quinta-feira, 2 de novembro, o corpo do prefeito da cidade, Ruiter Cunha de Oliveira (PSDB). Centenas de pessoas acompanharam o cortejo que saiu do Corumbaense, por volta das 8h e seguiu rumo ao cemitério Santa Cruz, na região central. 

No cemitério, uma verdadeira multidão de moradores aguardavam pela chegada do corpo do prefeito eleito por três vezes para comandar o município. Marinheiros do 6º Distrito Naval e militares do Exército se apresentaram em forma para recepcionar comitiva com corpo de Ruiter, que foi recebido ao som do Hino da cidade e de orações. Não houveram discursos, apenas uma oração feita pelo padre Fábio Vieira. No momento do enterro, uma chuva de aplausos faziam a última homenagem à Ruiter.

Estavam presentes: a esposa, os dois filhos, o então empossado pefeito Marcelo Iunes, secretários e servidores municipais, o prefeito de Ladário Ruso, amigos, moradores, o governador Reinaldo Azambuja, a vice-governadora Rose Modesto e vereadores.

Centenas de pessoas acompanharam o cortejo do corpo de Ruiter até o cemitáeio. Foto: Laura Toledo/TV Morena

O prefeito Ruiter Cunha faleceu à 00h28 desta quarta feira, dia 1°, em Campo Grande. Aos 53 anos, ele foi submetido a uma cirurgia cardíaca de emergência devido a uma dissecção aguda da aorta, mas não resistiu no pós-operatório e veio a óbito seis horas depois. Conforme informações médicas, Ruiter sofreu várias paradas cardíacas após a cirurgia, o coração não voltou a bombear o sangue como deveria e a pressão arterial estava oscilante. O organismo não respondeu à operação, nem à medicação. Ruiter estava no primeiro ano de sua terceira gestão como prefeito do município de Corumbá.

Biografia

Ruiter Cunha de Oliveira nasceu em 24 de janeiro de 1964, em Corumbá. Ele foi auditor fiscal do estado. Durante a gestão de Zeca do PT no governo do estado foi superintendente de administração tributária.

Também pelo PT, Ruiter foi eleito prefeito de Corumbá em 2004, se reelegendo em 2008. Em 2012 foi candidato a deputado estadual pelo partido obtendo 18.502 votos e ficando como primeiro suplente da coligação. Em março de 2016, se desfiliou do PT e ingressou no PSDB.

Em 2016, Ruiter foi eleito prefeito da Cidade Branca, pela terceira vez. Ele recebeu 23.556 votos, o que corresponde a 46,41% do total. Com informações do G1-MS.

 

Deixe seu comentário

Leia Também

Combate ao tráfico

Polícia Civil estoura ‘boca’ no Loteamento Pantanal

Procon

Empresas são autuadas por impedirem reserva de passagens interestaduais gratuitas

Emprego

Mercado de Trabalho de MS inicia recuperação e gera mais de 700 vagas em outubro

Educação

IFMS divulga gabarito do Exame de Seleção para os cursos técnicos

Brasil

Presídios terão banco de dados sobre situação de detentos

Concorrência

Ônibus vai operar de Corumbá para Capital com fretagem a R$ 140 ida e volta

Segurança

Receita doa câmeras ao Município e amplia videomonitoramento na fronteira