Menu
domingo, 21 de julho de 2019
Andorinha - Viaje para Campo Grande com a Andorinha
Mobile Andorinha
Geral

Sede do CRAM funciona em novo endereço na área central da cidade

12 julho 2019 - 10h41Prefeitura de Corumbá

O Centro de Referência de Atendimento à Mulher em Situação de Violência (CRAM), que é vinculado à Secretaria Especial de Cidadania e Direitos Humanos, está funcionando em novo endereço. A nova sede do CRAM está localizado na rua 15 de Novembro, 659-A, no Centro da cidade, e funciona de segunda a sexta-feira das 07h30 às 11h30 e das 13h às 17 horas. Os telefones são (67) 3907-5479 e 3907-5640.

 O CRAM tem como objetivo essencial prestar acolhida, acompanhamento psicossocial e orientação jurídica às mulheres em situação de violência, bem como atuar no enfrentamento à violência de gênero, visando à promoção da autonomia das mulheres, conforme diretrizes propostas pela Gerência de Políticas Públicas para a Mulher.

 São atribuições prioritárias do CRAM: acolher e prestar atendimento especializado às mulheres vítimas de violência de gênero, incluindo-se atendimento psicológico continuado e orientação jurídica; orientar e encaminhar as mulheres aos serviços necessários, articulando os entes estaduais e municipais da Rede de Enfrentamento à Violência contra a Mulher, conforme o caso; encaminhar as mulheres em risco de morte para a Casa Abrigo Estadual, enviando relatório multidisciplinar pormenorizado, a fim de não provocar revitimização; realizar palestras, instituir grupos de orientação e vivência com as mulheres atendidas, mulheres  da  comunidade  e  profissionais  habilitados,  visando  à reintegração na vida social e econômica, à defesa de seus direitos, à prevenção e à identificação da violência; pactuar parceria com organismos governamentais e não governamentais, com objetivo de promover o empoderamento e autonomia social e econômica das mulheres com a realização de oficinas, seminários, cursos de qualificação e capacitação, campanhas educativas e orientação sobre direitos; encaminhamento ao mercado de trabalho, a emissão de documentos; exercer outras atividades correlatas e registrar  dados  e  consolidar  estatísticas  anuais  sobre  a  violência  contra mulheres.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

'Adoção'
Comunidade palestina corumbaense é homenageada com denominação de praça
Tempo
Sexta-feira será de calor de 33°C e pancadas de chuva isoladas em MS
Geral
Prefeitura e equipe do Fonplata avaliam execução do projeto em Corumbá
Geral
Trotes para números de emergência colocam vidas em risco e causam prejuízos aos cofres públicos
Policial
Criança de 9 anos era estuprada e obrigada a enviar fotos nuas para amigo da família
Geral
Empossados novos membros do Conselho Municipal da Juventude de Corumbá
Geral
Incêndio em depósito clandestino de materiais recicláveis mobiliza bombeiros
Geral
Ladário Participa de Feira de Sementes Crioulas no Sul do Estado
Economia
Abono do PIS/Pasep começa a ser pago na próxima quinta-feira
Mistério
Piloto desaparece ao sair de Poconé (MT) para fazer serviço em Corumbá

Mais Lidas

'Adoção'
Comunidade palestina corumbaense é homenageada com denominação de praça
Tempo
Sexta-feira será de calor de 33°C e pancadas de chuva isoladas em MS
Geral
Prefeitura e equipe do Fonplata avaliam execução do projeto em Corumbá
Geral
Trotes para números de emergência colocam vidas em risco e causam prejuízos aos cofres públicos