Menu
domingo, 29 de março de 2020
Andorinha - Horários Econômicos - CorumbáXCampo Grande - Março
Andorinha_Horários Econômicos_CorumbáXCampo Grande_Março
Geral

Prefeitura interdita praça do bairro Generoso e apura responsabilidades

14 fevereiro 2020 - 11h12Assessoria PMC

A Prefeitura de Corumbá instaurou procedimento para apurar responsabilidades em relação à manutenção dos brinquedos da praça do bairro Generoso, onde na noite da quinta-feira, 13 de fevereiro, uma criança de três anos morreu após um escorregador ter caído sobre ela. O Município iniciou vistoria emergencial em todas as praças públicas para atestar as condições de segurança de cada um destes locais e promover as interdições que se mostrarem necessárias.

“Por determinação imediata do prefeito Marcelo Iunes, nosso setor jurídico promoveu abertura de procedimento interno de investigação para apurarmos todos os fatos e as devidas responsabilidades. Já estamos verificando as condições de segurança e interditando aquelas praças que não atenderem essas normas. A Prefeitura executa a manutenção das praças ao longo de todo o ano”, explicou o secretário Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Ricardo Ametlla. “É um dia triste para todos nós, aconteceu uma tragédia e estamos apurando as responsabilidades”, completou o secretário.

A praça do bairro Generoso vai ser interditada para que o espaço tenha garantida a segurança para todos.  “Após a orientação do prefeito reunimos as equipes da Secretaria e formalizamos as ações de vistorias e do processo jurídico interno”, ressaltou Ametlla.

A Prefeitura de Corumbá mantém uma rotina de revisão e manutenção em todas as praças da cidade. “Temos essa previsão de revisão e avaliação de todas as nossas praças. Vamos agilizar os serviços de avaliação das praças para que possamos garantir segurança”, reforçou o secretário de Infraestrutura. “Lamentamos essa tragédia e estamos verificando a situação para a devida responsabilização”, ressaltou Ametlla ao enfatizar a existência de um cronograma de vistorias e manutenção.

Ricardo Ametlla lembrou que mesmo com os serviços do Município, muitos bens públicos sofrem com atos de vandalismo. “Não justifica o fato, mas temos observado muito vandalismo nos espaços públicos. Não comentamos isso para efeito de justificar essa tragédia, de maneira nenhuma. Tivemos notícias de que uma grande quantidade da fiação da Praça da Independência foi furtada e, quando isso acontece, deixa fios expostos e aumentando os riscos à população. Ontem, houve ação de vândalos que, praticamente, que destruíram as estátuas da Via Sacra do Morro do Cruzeiro. O município tem sofrido com essa parte do vandalismo. Mas, volto a dizer, que não se justifica essa tragédia. É com muita dor e pesar que lamentamos o que aconteceu com a criança e nos solidarizamos com a família”, finalizou.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Denúncia
Vítima de crime cibernético vereador mais uma vez aciona a justiça
28 casos em MS
Jovem de 21 anos é o segundo caso de coronavírus em Dourados
Fiscalização
MPT recebe mais de 2.400 denúncias de violações trabalhistas relacionadas à Covid-19
Contribuição
Mais R$ 75 mil em recursos trabalhistas são transferidos para contenção da Covid-19 em MS
Com esse aporte, reversão de valores para aquisição de equipamentos chega a quase R$ 200 mil em menos de uma semana. No país, passou de R$ 61 milhões
De Corumbá para as passarelas
Ganhador do ‘Garoto Corumbá 2020’ pode virar modelo nacional
Cidade
Bairro do centro e Aeroporto podem ficar sem água neste sábado
Prêmio
Segundo sorteio do Programa Nota Premiada acontece neste sábado (28)
Alimento na mesa
Mais de 4 mil famílias em Corumbá receberão kit mernda escolar
Política
Justiça proíbe Bolsonaro de adotar medidas contra isolamento
Política
MS conquista suspensão da dívida com União por seis meses

Mais Lidas

De Corumbá para as passarelas
Ganhador do ‘Garoto Corumbá 2020’ pode virar modelo nacional
Denúncia
Vítima de crime cibernético vereador mais uma vez aciona a justiça
28 casos em MS
Jovem de 21 anos é o segundo caso de coronavírus em Dourados
Fiscalização
MPT recebe mais de 2.400 denúncias de violações trabalhistas relacionadas à Covid-19