Menu
sábado, 16 de fevereiro de 2019
Andorinha promoção 2019 (Grande 1260x100)
Andorinha Promoção 2019 - Mobile
Geral

Povo chamado pela Enersul a pagar pelo que não deve

13 julho 2018 - 18h19José Carlos Cataldi e Sylma Lima

Deputados repassam para conta de luz, gastos com furto de energia e isenções. Coincidentemente, a Enersul manda carta aos clientes chamando para acordo no fórum, sem esclarecer motivação, já na sexta-feira (20), em Corumbá.

A lambança começa em Brasília. O governo federal enviou ao Congresso, projeto para destravar a venda das distribuidoras de energia da Eletrobrás. Parlamentares aproveitaram para inserir ‘penduricalhos’, chamados ‘jabutis’, que vão encarecer as contas de luz para os pagantes, em até 5%, em 2019.

Uma das emendas eleva a conta de todos os consumidores brasileiros para cobrir as perdas das empresas com ligações clandestinas, os chamados ‘gatos’, e, a incompetência delas em coibir a prática. A outra, isenta famílias de baixa renda, transferindo a despesa para quem paga habitualmente.

A convocatória de acordo da Enersul precisa ser bem explicada. Não é justa a divisão do prejuízo da incompetência na fiscalização e na cobrança. A empresa chama leigos para um acordo. Mas, pagar por quê? As pessoas vão de peito aberto, sem advogado ou defensor?

O advogado Márcio Saldanha, ouvido pelo ‘Capital do Pantanal’, disse que a OAB-Corumbá vai intervir na questão. Vai chamar, inclusive, o Promotor responsável pela Defesa do Consumidor, Luciano Bordignon Conte para reforçar a luta e bloquear a covardia da convocação, num encontro prévio, previsto para segunda-feira (16).

Curiosidade nisso tudo é a participação pífia da ANEEL nesse processo. A Agência, criada para equilibrar forças entre fornecedores e consumidores, sempre acaba pendendo para o lado do poder econômico.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação
Convocados na 3ª chamada do Sisu devem fazer a matrícula no IFMS nesta sexta-feira
Serviços Públicos
Câmara reativa aplicativo WhatsApp para atender população corumbaense
Lançamento carnaval 2019
Carnaval terá shows nacionais de Tattau e Terra Samba
Incêndio
Casa pega fogo enquanto mãe leva filhos na escola
Entupimento do canal
Bombeiros enfrentam ‘baceiro’ para resgatar jovem doente no Taquari
Choque violento
Fuzileiro naval e companheira morrem ao bater moto em traseira de caminhão
Barragem
MPF pede nova vistoria em barragens de Corumbá
Barragens
Imasul apresenta relatório da vistoria da força-tarefa em barragens de Corumbá
Arquive-se
MP publica primeira relação de arquivamento em massa de investigações
Portal da Transparência
Prefeito de cidade do MS assina compromisso com o MP de aplicar a lei

Mais Lidas

Choque violento
Fuzileiro naval e companheira morrem ao bater moto em traseira de caminhão
Lesão corporal grave
Homem espancado na saída de pagode tem perdas de dentes e traumatismo craniano
Justiça
Acusada de ‘mensalinho’ pastora Lilian consegue benefício de prisão domiciliar
Policial
Polícia recupera tv furtada e devolve para proprietária em Ladário