Menu
sexta, 05 de junho de 2020
Andorinha - Medidas Preventivas Coronavírus
Andorinha - medidas preventivas
Geral

Polícia Ambiental autura dois em R$ 318,5 mil por desmatamento ilegal

20 setembro 2019 - 08h18Kamilla Marques

Durante fiscalização ambiental nas propriedades rurais do município de Bataguassu, visando a prevenção e repressão ao desmatamento ilegal e ao tráfico de papagaios, a Polícia Militar Ambiental autuou nesta quarta-feira (18), dois pecuaristas por desmatamentos ilegais. As áreas desmatadas ilegalmente medidas com uso de GPS perfizeram 46,93 hectares destruídos, dentro de área protegida.

Um paulista (89), residente em Presidente Venceslau (SP), foi autuado e recebeu multa administrativa de R$ 216.519,00 pelo desmatamento de 30,93 hectares, em sua fazenda no município de Bataguassu. Outro infrator (62), residente em Campo Grande, foi autuado administrativamente em R$ 112.000,00, por ter desmatado 16 hectares em sua propriedade, também no município de Bataguassu.

Os infratores suprimiram a vegetação há algum tempo para plantio de pastagem. A madeira proveniente da vegetação desmatada não estava mais no local, havendo somente restos de árvores em meio à pastagem.

Os autuados também responderão por crime ambiental, que prevê pena de um a três anos de detenção. Além disso, eles foram notificados a apresentar um Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada (PRADA) junto ao órgão ambiental estadual.

Deixe seu Comentário

Leia Também

quatro bairros
Bairros de Ladário ficam sem água até as 13h30
Democracia
MPT-MS assina nota pública conjunta em favor do Estado Democrático de Direito
Saneamento Básico
Conselho Administrativo da Sanesul autoriza licitação da Parceria Público Privada
Crime Ambiental
Morador de Miranda é multado pela derrubada de quatro árvores da espécie Oiti
Agricultura
Safra de milho de MS será menor do que a esperada
Covid-19
Santa Casa de Corumbá recebe mais de R$ 3 milhões do Ministério da Saúde
Atualização
Municípios de MS continuam com taxa de isolamento abaixo dos 50%
Política
Lei da Ficha Limpa faz dez anos
Sociedade civil vê avanço, mas não suficiente para combater corrupção
Protesto
Transporte de carga é liberado na fronteira de Arroyo Concépcion com Corumbá
A Associação dos municípios de Santa Cruz ainda não se pronunciou sobre o resultado obtido com o protesto
Feriadão
Dia 12 de junho será ponto facultativo em MS

Mais Lidas

Corumbá
Menor é preso vendendo cocaína no bairro Centro América
Corumbá
Motorista desatento colide em canteiro e quatro ficam feridos
Protesto
Transporte de carga é liberado na fronteira de Arroyo Concépcion com Corumbá
Feriadão
Dia 12 de junho será ponto facultativo em MS