Andorinha

PMA e parceiros visitam escolas ribeirinhas e indígenas às margens do rio Paraguai

Por Assessoria23 OUT 2017 - 10h01min

Policiais Militares Ambientais de Corumbá acompanhados pelo Instituto Águas da Serra da Bodoquena, Instituto Homem Pantaneiro, Acaia Pantanal, Prefeitura de Ladário e Fundação de Turismo de Corumbá, realizaram trabalhos de Educação Ambiental para 200 alunos e professores de cinco escolas rurais localizadas à margem do rio Paraguai.

Os trabalhos ocorreram entre os dias 18 e 20 de outubro, com palestras e debates para os alunos das escolas dos povoados Jatobazinho, Paraguai-Mirim, São Lourenço, Aldeia Guató e Porto Índio, percorrendo um total de 300 quilômetros subindo o rio Paraguai.

Vários temas ambientais foram discutidos, tais como, as questões voltadas à fauna, como o tráfico de animais silvestres, caça ilegal; desmatamento que são causas de extinção de espécies e que causam vários desequilíbrios (ambientais e sociais), levando a diversos problemas em cadeia, como: erosões, assoreamento, desequilíbrio na distribuição dos recursos hídricos, ciclo da água, poluição, entre outros. Palestras do PROERD (Programa Antidrogas), projeto da PMMS, também foram ministradas, discutindo temas sobre alcoolismo, tabagismo, drogas e bullying.

EDUCAÇÃO AMBIENTAL É PRIORIDADE PARA A PMA

Todas as 25 Subunidades da Polícia Militar Ambiental realizam Educação Ambiental. O Comando da PMA considera extremamente proveitoso o trabalho de Educação Ambiental, haja vista, toda a movimentação da população em defesa das questões ambientais. O Comando acredita que, só por meio da Educação Ambiental, com crianças e adolescentes, as infrações e crimes ambientais diminuirão e, as decisões deles, que no futuro estarão no Comando das ações no País, com certeza, serão mais planejadas do que estão sendo agora.

O Comandante da Subunidade de Corumbá ressalta a importância da educação ambiental como atividade multidisciplinar e universal. Conforme a Constituição Federal de 1988 esta atividade deve abranger todos os níveis de ensino e segmentos sociais. Por esse motivo, todos os órgãos e, principalmente, aqueles voltados para o trato da questão ambiental, devem dispensar especial atenção para o tema.

A Companhia da PMA de Corumbá coloca-se à disposição da sociedade corumbaense e ladarense, tanto para as ações repressivas, quanto preventivas voltadas ao meio ambiente.

 

Deixe seu comentário

Leia Também

Cultura

Clube de Leitura vai dissecar a obra "Azul dentro do banheiro", no Sesc Corumbá

Política

População aprova projeto de Moka que faz presos pagarem despesas

Protesto

Servidores da UFMS fazem protesto contra reforma da Previdência

Acidente de transito

Carro pendurado em mureta e nariz quebrado

5º Caso

Militar é preso após estuprar menina de seis anos

Policial

Falso policial é preso tentando extorquir comerciantes

Evento

Corredores agroecológicos são apresentados no Sudeste goiano