Governo - Doação de Órgãos

Optchá a Mocidade traz os Ciganos para a passarela do samba

Por sandro Asseff11 FEV 2018 - 23h02min
Baianas impecáveisFoto: Sylma lima

Conforme o release oficial, o GRES Mocidade Independente da Nova Corumbá, no carnaval de 2018, saudou aqueles que não tem chão ou nação, que escolheram a liberdade do ir e vir, e fizeram disso seu traço e modo de viver.

Rememorou-se aqueles que fazem das estrelas o seu teto. Trazem o conhecimento vindo das pradarias por onde um dia vagaram. São filhos e cidadãos do mundo, porque não há ninguém sob este solo que não saiba reconhecer o povo Cigano.

Com o perfume mágico dos incensos, a crença na purificação através do fogo das fogueiras, o trote dos cavalos que puxam as carruagens, anunciou ao longe sua chegada. As marcas dessa migração, deixadas nas estradas, escrevem junto com a poeira que levanta, a sua história. O som dos pandeiros ornados com fitas, as saias e as pulseiras se banham na luz da lua, anunciam que a grande tenda está armada em Corumbá.

 A magia da sorte e do amor foi anunciada, sob os bons auspícios que emanam das forças da natureza, e pedindo todas as bênçãos, o pavilhão tricolor reverenciou todos os ciganos.

A escola da zona sul, desfilou com aproximadamente mil componentes, divididos em quinze alas, intercaladas por quatro alegorias e bateria Barcelona composta por cento e vinte ritmistas.

Foi um desfile epopeico, com muito brilho, luxo e glamour. Os destaques ficaram para a comissão de frente, o primeiro casal de mestre-sala e porta bandeira.

Finalizando, mais uma vez o carnavalesco e artista plástico, Ricardo Vilalva, responsável pelas destaques e alegorias, surpreendeu a todos com tanta beleza e esmero.

A Mocidade veio para brigar pelo título. Fica a dica.

Deixe seu comentário

Leia Também

Acessibilidade

Vereador pede ao Governo, recuperação de calçada de escola estadual

Educação

Com diretores da REME, Prefeitura celebra Dia dos Professores

Meio ambiente

PMA realiza soltura de jacaré-de-papo-amarelo capturado por bombeiros

Economia

MS teve 2,2 mil demissões por acordo desde o início da reforma

Acessibilidade

Solicitada recuperação de passarela de acesso a escola em Porto Esperança

Geral

Dois morrem afogados em córrego e amigos usam anzol para encontrar corpos

Geral

Depois de alerta de emergência, Rio Miranda volta ao nível normal