Andorinha - Nova Frota

O deboche foi o enredo da Caprichosos de Corumbá

Por Sandro Asseff12 FEV 2018 - 03h05min

Encerrou a noite do primeiro dia de desfiles das Escolas de Samba, a Caprichosos de Corumbá, com enredo que fez um protesto bem-humorado acerca da situação política do Brasil.

Sob a inspiração do carnavalesco Leandro Cavalheiro, o enredo foi contado em mais de quinze alas, quatro carros alegóricos e mais de seiscentos componentes. Com refrão forte ...” Sacode a Brasil, levanta a poeira” ...do compositor Robinho da Caprichosos, já passava das duas horas e dez minutos quando a agremiação começou o seu desfile.

Leandro, começa falando da chegada dos conquistadores portugueses, passando pela cobiça do ouro e a consequente sonegação de impostos praticada no século XVIII. Termina o desenvolvimento do enredo com o retrato do Brasil atual.

Um ponto impactante e corajoso do carnavalesco, quando uma de suas alas aborda a questão dos presos e a situação do sistema penitenciário e por fim, tudo termina no carnaval. Um fato que merece destaque o belo acabamento e soluções para os carros alegóricos e a beleza da rainha da bateria Giovanna Bastos.

Na noite de hoje (12), teremos o início das apresentações das últimas cinco escolas: Estação Primeira do Pantanal, Marquês de Sapucaí, Unidos de Vila Mamona, Imperatriz Corumbaense e encerrando os desfiles de 2018, Império do Morro.

 

Deixe seu comentário

Leia Também

Prestação de contas

Saldo do carnaval foi altamente positivo, diz prefeito em prestação de contas

Economia

Carnaval 2018 injetou mais de R$ 14 milhões na economia corumbaense

Obras

Prefeito assina ordens de serviço e autoriza contratação de 14 obras

Limpeza

Na Câmara, vereador solicita limpeza na região da Escola João Leite

Interior

Rio não baixa, mas famílias começam a voltar para limpar casas após cheia

Saneamento

Vereador pede informações sobre a qualidade da água consumida pela população

Cultura

Eleição no Conselho Municipal de Cultura acontece na segunda, dia 26