Matrículas - Sesi

Novos personagens podem mudar o cenário da sucessão estadual

Por Correio do Estado06 NOV 2017 - 11h06min
André discursa quando Nelsinho foi escolhido para concorrer ao governo estadual em 2014.Foto: Valter Campanato / Agência Brasil

Novos personagens poderão mudar o atual cenário da sucessão estadual se não aparecer fatos relevantes contra os atuais pré-candidatos ou mesmo em virtude da estratégia política de cada partido. O ex-prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad (PTB), por exemplo, trabalha para concorrer a uma vaga de senador. Ele está concentrado nesse projeto político desde quando começou a surgir oportunidade de conquistar uma das duas vagas em jogo nas eleições de 2018.

Mas Nelsinho poderá se transformar em opção na disputa para governador dentro de aliança com PMDB e PSD. Isto se o ex-governador André Puccinelli (PMDB) estiver impedido por questão judicial ou por desejo pessoal de não participar do processo eleitoral.

Nelsinho seria hoje a primeira opção do grupo de André para concorrer à sucessão estadual. O ex-prefeito, no entanto, também espera não sofrer mais nenhum revés na Justiça por causa das investigações sobre supostas irregularidades na sua administração. Nem ele, nem André estão inelegíveis por não terem condenação em segunda instância. O ex-governador não foi ainda julgado nem na primeira instância das investigações da Coffee Break e Lama Asfáltica.

 

Deixe seu comentário

Leia Também

Conexão Internacional

Voo direto entre Campo Grande e Paraguai começa funcionar

Capital

Caminhada em Campo Grande pede tolerância com diversidade religiosa

Internacional

Paraguai reconstitui hoje assassinato de jornalista na fronteira com MS

Oportunidade

Semana começa com 420 vagas em concursos e salários de até R$ 19,4 mil

Serviço

Ação Cidadania da Fiems encerra o ano com 36,9 mil atendimentos

Educação

Prova do IFMS reúne mais de 3,4 mil candidatos em dez municípios

Serviço

Em Corumbá, vereador cobra instalação de loja ou posto de atendimento da Oi