Menu
sexta, 17 de janeiro de 2020
Andorinha - Horários Economicos
Mobile - Campanha Viajar Andorinha - Saudade
Geral

Mais de 2 mil recebem R$ 6,9 milhões do Imposto de Renda nesta semana

13 janeiro 2020 - 09h13Correio do Estado e Agência Brasil

Receita Federal paga, na quarta-feira (15), R$ 6,9 milhões a 2.216 contribuintes em Mato Grosso do Sul, referente ao lote residual de restituição do Imposto de Renda Pessoa Física de janeiro. Pagamento será para declarações de 2008 a 2019 e beneficiará contribuintes que estavam na malha fina, mas regularizaram as pendências com o Fisco.

As restituições terão correção de 4,77%, para o lote de 2019, a 113,05%, para o lote de 2008. Em todos os casos, os índices têm como base a taxa Selic (juros básicos da economia) acumulada entre a entrega da declaração até este mês.

O dinheiro será depositado nas contas informadas na declaração no próximo dia 15. 

A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Se o contribuinte não fizer o resgate nesse prazo, deverá fazer requerimento por meio da internet, mediante o Formulário Eletrônico - Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

O contribuinte que não receber a restituição deverá ir a qualquer agência do Banco do Brasil ou ligar para os telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para ter acesso ao pagamento.

Consulta ao lote de restituição foi aberta no dia 8 de janeiro. Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na internet, ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, no serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nessa hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, um aplicativo para tablets e smartphones, que facilita consulta às declarações do IRPF e a situação cadastral no CPF. Com esse aplicativo será possível consultar diretamente nas bases da Receita Federal informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Evento
Festival Internacional de Pesca Esportiva em Corumbá esta confirmado para Abril
Para Enonomizar
Pesquisa divulga variação do preço de materiais escolares em três lojas de Corumbá
Aumento de 12,84%
MEC divulga reajuste do piso salarial de professores da educação básica para 2020
Eliminando Focos
Sábado é dia de mutirão de limpeza no bairro Popular Nova
Inédito
Comunidade indígena vítima de aplicação irregular de agrotóxico é indenizada em R$ 150 mil
Justiça atendeu pedido do Ministério Público Federal e condenou um proprietário rural, um piloto agrícola e a empresa contratante por danos morais coletivos
Polícia
Ponto de venda de droga é estourado no bairro Cravo Vermelho I
Polícia
Foragido é flagrado com mais de 80 papelotes no bairro Borroski
Educação
Estudantes de todo o país já podem conferir notas do Enem
As notas não cabem recurso. O espelho da prova, com detalhes da correção dos textos, será divulgado em março
Bombeiros
Marimbondos invadem quatro residências da parte alta de Corumbá
Tempo
Sexta-feira será de tempo instável no Estado

Mais Lidas

Acidente
Quatro árvores caíram sobre casas de Corumbá nas últimas 24 horas
Saúde
Dengue: imóveis reincidentes estão sendo notificados em Corumbá
Acidente de Trânsito
Queda acidental de moto deixa passageira ferida no centro de Ladário
Parceria
Iunes e consulesa da Bolívia discutem questões fronteiriças em Corumbá