Matrículas - Sesi

Ladário exibe curta em comemoração ao dia Internacional da Animação

Por Assessoria PML27 OUT 2017 - 10h09min

Em 2017, o Dia Internacional da Animação (DIA) - Mostra de Curtas metragens de Animação - chega a sua 14ª edição, sendo exibido em centenas de cidades de todos os estados do Brasil. Simultaneamente, no dia 28 de outubro, todos os municípios participantes exibem as mostras de curtas metragens de desenhos animados, com entrada franca.

Nesse ano, para homenagear o centenário do cinema de animação brasileiro, além da exibição da Mostra Nacional, composta por uma hora de curtas metragens brasileiros atuais, ao invés da tradicional Mostra Internacional, será exibida a Mostra Histórica, composta por uma hora de curtas metragens de destaque na história do estilo no Brasil, realizados entre 1930 e 1997. Para fechar a sessão histórica será exibido o curta, Reanimando o Kaiser, releitura do que é considerado o marco zero do cinema de animação no Brasil, a charge animada “O Kaiser”. 

 

COMO SURGIU O DIA INTERNACIONAL DA ANIMAÇÃO:

Em 28 de outubro de 1892, Émile Reynaud realizou a primeira exibição pública de imagens animadas do mundo do seu teatro óptico no Museu Grevin, em Paris. Para celebrar este marco, a Associação Internacional do Filme de Animação (ASIFA) lançou a comemoração

contando com o apoio de diferentes grupos internacionais filiados. No Brasil, o Dia Internacional da Animação é realizado pela Associação Brasileira de Cinema de Animação (ABCA) desde 2004.

O evento tem objetivo de difundir o cinema de animação nacional em todas as regiões do país, proporcionar o contato do público com o trabalho de diretores brasileiros, estimular debates, revelar talentos, despertar o interesse do espectador em assistir filmes de animação. Ainda, reforçar a animação como técnica cinematográfica que pode ser utilizada para realizar obras de distintos gêneros (comédia, terror, romance...) e para várias faixas etárias.

O DIA também gera a integração cultural em todas as regiões do país, mobilizando diversas comunidades e facilitando a inclusão e o acesso da população à cultura. Além da exibição dos curtas metragens no dia 28 de outubro, algumas cidades organizam durante a semana do evento, atividades paralelas como exibições de filmes regionais, oficinas, palestras, etc.

Além dos objetivos de difusão da produção do cinema de animação nacional e formação de público, o projeto chama atenção pela rede formada por coordenadores locais voluntários, responsáveis pela exibição da mostra em cada município.

Toda a programação do evento tem entrada franca e será realizado na Casa de Cultura, localizado na Avenida 14 de Março, centro. 

A seguir a lista de curtas metragens que compõem cada Mostra.

MOSTRA NACIONAL - Classificação Livre

Caminho dos Gigantes – Direção: Alois Di Leo

Space Scape – Direção: Bruno Monteiro

Sayounara – Direção: Débora Mini

Cara, qual vai ser o nome da nossa animação? – Direção: Julia de Macedo Nicolescu

Plantae – Direção: Guilherme Gehr

O Violeiro Fantasma – Direção: Wesley Rodrigues

Cartas – Direção: David Mussel

O Mal – Direção: Carlon Hardt

O Projeto do meu Pai – Direção: Rosaria

 

MOSTRA INFANTIL - Classificação Livre

Nimbus, O Caçador de Nuvens – Direção: Marco Nick

As Aventuras do Chauá – Direção: Alunos da Escola Municipal Santo Antônio do Norte

No Caminho da Escola – Direção: Alunos do Projeto Animação Instituto Marlin Azul

Space Scape – Direção: Bruno Monteiro

O Fim da Fila – Direção: William Côgo

Macacada – Direção: Thomas Larson

Caminho dos Gigantes – Direção: Alois Di Leo

 

MOSTRA HISTÓRICA – Sessão CEM ANOS de Animação Brasileira - Classificação 14 anos

As Aventuras de Virgulino, de Luiz Sá (1930)

Frivolitá, de Luiz Seel (1930)

O Átomo Brincalhão, de Roberto Miller (1961)

Faz Mal, de Stil (1979) – 5 min

Precipitação, de Marcos Magalhães (1983)

Noturno, de Aída Queiroz (1986)

Informística, de Cesar Coelho (1986)

Treiler, de Otto Guerra, José Maia e Lancat Motta (1986)

Uma Saída Política, de Arnaldo Galvão (1990)

Cuidando, Dá Linha, do Núcleo de Animação de Campinas (1997)

Reanimando o Kaiser (reconstituição/releitura coletiva do filme de 1917 de Seth) – 3 min 

 

Deixe seu comentário

Leia Também

Fuga

Interno não consegue entrar com celular e foge do semiaberto

Serviço

Testes na nova ETA de Ladário pode causar falta de água até sábado (25)

Otimismo

Aumenta vagas de emprego no comércio de MS

Comunicado

Prorrogada publicação dos classificados no processo seletivo da Fundtur

Educação

Governo finaliza compra de uniformes, kits e merenda escolar para 2018

Economia

Com R$ 1,6 bilhão de MS, volume contratado do FCO em 2017 já é recorde histórico no País

Conflito territorial

Fazenda Baía da Bugra em Porto Esperança é invadida por indígenas