Andorinha

Falso médico é preso na fronteira com simulacro, dinheiro e documentos falsificados

Por Gesiane Medeiros18 OUT 2017 - 11h01min
Autor levava documentos pessoais e diploma de medicina falsificados. Foto: Divulgação/RFB

O falso médico Israel Souza de Menezes, de 45 anos, foi flagrado pela equipe da Receita Federal na manhã desta terça-feira, 17 de outubro, tentando atravessar a fronteira para a Bolívia. Segundo informações, o acusado estava em um ônibus coletivo e levava consigo um simulacro de arma de fogo e R$ 3.750 mil em cédulas falsificadas.

Dentro da bagagem de Israel havia também equipamentos médicos, documentos pessoais, carteira do Conselho Federal de Medicina, identificação da Ordem dos Advogados do Brasil e até diploma de medicina de São Paulo, todos falsificados.

Havia mais de R$ 3 mil em notas falsas. Foto: Divulgação/RFB

Durante pesquisa em sistemas de segurança foi constatado que o mesmo já havia sido preso outras duas vezes por estelionato e falsidade ideológica, quando exercia medicina ilegalmente. Registros jornalísticos apontam que o falso médico chegou a atender irregularmente em postos de saúde de cidades como Itatiba, Campo Limpo Paulista e Santa Fé do Sul, quando foi preso em dezembro de 2010.

O autor foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal de Corumbá 

Deixe seu comentário

Leia Também

Cultura

Clube de Leitura vai dissecar a obra "Azul dentro do banheiro", no Sesc Corumbá

Política

População aprova projeto de Moka que faz presos pagarem despesas

Protesto

Servidores da UFMS fazem protesto contra reforma da Previdência

Acidente de transito

Carro pendurado em mureta e nariz quebrado

5º Caso

Militar é preso após estuprar menina de seis anos

Policial

Falso policial é preso tentando extorquir comerciantes

Evento

Corredores agroecológicos são apresentados no Sudeste goiano