Menu
quarta, 19 de junho de 2019
Câmara de Corumbá - Banho de São João
Mobile Andorinha
Geral

Erva-mate vira tinta para crianças

13 outubro 2018 - 08h32Kamilla Marques

Uma nova cor que retrata a natureza agora integra a paleta de tintas orgânicas de uma startup carioca: o verde erva-mate, com cor de jardim - de Mata Atlântica, de Floresta de Araucárias -, foi incluído nos pigmentos vegetais da marca Mancha, que também conta com produtos à base de cacau, açafrão e urucum.

A ideia do produto é oferecer uma brincadeira saudável e sem limites para todas as crianças: colorir, divertir e criar boas memóriascom recursos que vêm da natureza. Para a nova cor, a marca buscou a Araucária+, iniciativa – criada a partir da parceria da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza e da Fundação CERTI – que tem como objetivo gerar inovação em negócios que contribuem para a conservação da Floresta com Araucárias, um dos ecossistemas mais ameaçados do Brasil.

Segundo Amon Costa, sócio da Mancha, cada potinho de tinta traz uma história. “Estamos há sete anos aprimorando a formulação da tinta. A tinta de erva-mate é a primeira a ser estruturada dentro de uma cadeia de beneficiamento e manejo responsável. Assim, neste trabalho, carregamos um processo inteiro de vida, preservação e sustentabilidade e, por meio dele, conseguimos mostrar valores presentes na marca da empresa”, comenta.

A Floresta com Araucárias já cobriu boa parte do Sul do Brasil, mas hoje restam menos de 3% da área original. Para contribuir com a conservação desse ecossistema, a iniciativa Araucária+ trabalha com proprietários rurais de Santa Catarina na adoção de um padrão sustentável de produção de erva-mate e pinhão – espécies nativas dessa floresta –, facilitando também a inovação por meio do desenvolvimento de novos produtos com maior valor agregado. Os produtores colhem a erva-mate e uma agroindústria local beneficia as folhas e manda para a Mancha o resíduo do processo de moagem da planta, produzida conforme padrões sustentáveis de produção, contribuindo assim para a conservação de cerca de 180 hectares de Floresta com Araucárias.

“A iniciativa Araucária+ é um exemplo de valorização econômica da floresta que tem dado certo e que pode servir como modelo, ainda mais quando conseguimos conectar o nosso trabalho com projetos tão importantes como esse da Mancha. Buscar novas parcerias e conexões é fundamental para ampliarmos o impacto do Araucária+ e garantirmos, por meio de estratégias de mercado, a conservação da Floresta com Araucárias”, analisa o coordenador de Negócios e Biodiversidade da Fundação Grupo Boticário, Guilherme Karam.

A Mancha desenvolve um produto 100% vegetal, livre de metais pesados e derivados de petróleo, que não coloca em risco a saúde do consumidor e nem polui o meio ambiente. “O resultado é que quando você abre o potinho de tinta, sabe que lá dentro tem também a sua oportunidade de contribuir com a conservação da Floresta com Araucárias e com produtores comprometidos em manejar a floresta de forma adequada, não utilizar agrotóxicos, não realizar queimadas, entre outras ações para contribuir como desenvolvimento territorial sustentável da região”, conta Victor Augusto Moreira, agente articulador da iniciativa Araucária+.

A tinta está à venda nos sites www.bemglo.com e instagram.com/manchaorganica
Sobre os parceiros

A Mancha Orgânica é uma startup estabelecida na Incubadora de Empresas da Coppe/UFRJ. O principal objetivo da marca é criar produtos derivados de pigmentos e corantes vegetais, contribuindo assim com a descontaminação de setores industriais, como o de produtos infantis, cosméticos e embalagens.

A Iniciativa Araucária+ é coexecutada pela Fundação Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras (CERTI) e Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza. Um agente articulador, o HUB, é responsável por gerir a rede de colaboração, que tem como missão garantir a conservação da Floresta com Araucárias a partir do uso sustentável e do compartilhamento de benefícios entre todos os atores envolvidos, como produtores rurais, startups, empresas, institutos de P&D, governo e toda a sociedade.

Sobre a Fundação Grupo Boticário

A Fundação Grupo Boticário é fruto da inspiração de Miguel Krigsner, fundador de O Boticário e atual presidente do Conselho de Administração do Grupo Boticário. A instituição foi criada em 1990, dois anos antes da Rio-92 ou Cúpula da Terra, evento que foi um marco para a conservação ambiental mundial. A Fundação Grupo Boticário apoia ações de conservação da natureza em todo o Brasil, totalizando mais de 1.500 iniciativas apoiadas financeiramente. Protege 11 mil hectares de Mata Atlântica e Cerrado, por meio da criação e manutenção de duas reservas naturais. Atua para que a conservação da biodiversidade seja priorizada nos negócios e nas políticas públicas, além de contribuir para que a natureza sirva de inspiração ou seja parte da solução para diversos problemas da sociedade. Também promove ações de mobilização, sensibilização e comunicação inovadoras, que aproximam a natureza do cotidiano das pessoas.

(Com informações da Assessoria de Comunicação)

Deixe seu Comentário

Leia Também

Defesa do Consumidor
Procon Estadual pesquisa preços de produtos para festas juninas e registra variação de até 309%
Produção Rural
No Urucum, barracão pode ser transformado em espaço para venda de produtos
Infraestrutura
Vereador pede recuperação das vias públicas no Conjunto Jardim Aeroporto
Cidade Arborizada
Vereador apresenta Projeto de Lei que incentiva preservação ambiental Cidade Arborizada
Geral
Homem é esfaqueado ao tentar apartar briga
Perfuração era de aproximadamente 7cm
Acidente de trânsito
Homem sofre queda de moto ao tentar desviar de buraco
Apresentava suspeita de fratura
Economia
Azambuja assina decreto que incentiva ampliação de voos e redução de preço das passagens em MS
Meio Ambiente
Polícia Militar Ambiental recebe mais de R$ 1 milhão em equipamentos nesta quarta-feira
Geral
Feira do Imigrante acontece neste sábado, dia 22, no Jardim da independência
Acontecerá das 09 às 15h
Geral
Empresária doa duzentos lençóis para a Santa Casa de Corumbá

Mais Lidas

Geral
Aos primeiros sintomas da Influenza, população deve procurar atendimento médico
Acidente de trânsito
Ciclistas ficam felidos após atropelamento por hilux
Educação
MPE: Audiência Pública vai buscar soluções para o baixo desempenho da rede de ensino de Ladário
Média do município de 4,4, em escala que vai até 10, é considerado baixo no IDEB. Evento ocorrerá em 26 de junho, às 18h na Escola Municipal Marquês de Tamandaré
Policial
Polícia prende foragido que removeu tornozeleira com faca